Flamengo 2 x 1 Atlético Mineiro

Leia o post original por Mauro Beting

O Flamengo não está jogando bem. Mas está vencendo muito bem. Maravilhosamente bem para quem não sabia ganhar. Jogar. Superar.

Luxemburgo fechou a casinha, até demais. Trancou todo o time de novo, levou um belo gol de Maicosuel, mas, quando saiu, foi buscar a virada. Mérito para mais um belo cruzamento de João Paulo, mais um gol de Eduardo da Silva.

O Galo, de novo, passou aquela sensação de enfado. De que vai mas para. De que não sei o que está acontecendo. Tem com quem jogar mais. Tem como jogar mais. Mas não está jogando.

O Flamengo ainda não está numa situação confortável. Mas pelo fim da picada e do mundo e da tabela, está muito melhor que a encomenda. Também pelo apoio que veio de fora. Pelo torcida lá dentro fazendo barulho. Pressão. Fazendo o Flamengo.

Não botando terror em saguão de aeroporto. Não agredindo. Ameaçando. Tocando força. Não tacando terror. Ajudando a atacar os rivais. Defendendo as cores.

É assim que se faz. É assim, Flamengo.