Grêmio: pena de exclusão não resolve violência no futebol

Leia o post original por blogdoboleiro

Um julgamento mais técnico e uma pena menos dura. É o que os advogados do Grêmio esperam conseguir nesta sexta-feira, quando o Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva vai julgar o recurso do clube gaúcho. O STJD puniu os gremistas com a exclusão da Copa do Brasil e multa de R$ 54 mil pelo comportamento de alguns torcedores que agrediram o goleiro Aranha, do Santos, com palavras e ruídos de cunho racista. "Foi uma pena inédita e draconiana", disse o advogado Thiago Brunetto, diretor jurídico do Grêmio. "A exclusão da Copa do Brasil abre um precedente perigoso para o futebol brasileiro. Os clubes vão ficar à mercê das minorias intolerantes", alertou.

A expectativa é de um julgamento sem clima de "caça às bruxas" com os auditores mais focados no Cõdigo Brasileiro de Justiça Desportiva. No caso dos gremistas, isto significa uma revisão da pena, devolvendo o Grêmio à Copa do Brasil. Se a decisão do pleno for esta, Grêmio e Santos teriam que jogar a segunda partida das oitavas de final, na Vila Belmiro para definir qual dos dois times vai enfrentar o Botafogo antes nas quartas de final, marcadas para a partir do dia 1 de outubro.

Em conversa por telefone com o Blog do Boleiro, o diretor gremista Thiago Brunetto falou sobre os riscos que a pena imposta ao Grêmio pode trazer ao futebol brasileiro

PRECEDENTE PERIGOSO
"A exclusão do Grêmio coloca os clubes à mercê das minorias intolerantes. Neste final de semana, nós tivemos episódios nos jogos em São Paulo (Corinthians x São Paulo) e em Minas Gerais (Atlético x Cruzeiro) com brigas entre torcedores e cantos homofóbicos. Quantos times serão excluídos por conta destes atos?"

AÇÕES DO GRÊMIO
"O Grêmio tem combatido com muita ênfase estas manifestações de racismo. O clube faz campanhas, colaborou com as autoridades, fez tudo que estava ao alcance dele. Aqueles torcedores envolvidos nos atos racistas e que eram sócios do clube foram punidos pelo Grêmio e não podem ver jogos na Arena. O clube tem esta tradiçcão de combate à intolerância. Por isso, a gente considerar que a pena imposta pelo STJD foi muito pesada".

EXPECTATIVA DO JULGAMENTO 
"Vamnos apresentar os argumentos que utilizamos no primeiro julgamento. E vamos acrescentar novos elementos que estamos guardando para revelar na sexta-feira. O Grêmio acredita que este serã um julgamento mais técnico"