Demissão de Levir seria ato de covardia

Leia o post original por Michelle Giannella

Foto: Ivan Storti/Santos FC

Hoje surgiu a notícia de que Levir Culpi teria sido demitido do Peixe. Isso teria acontecido não pelos resultados do time, mas sim porque ele entrou em combate direto com a diretoria do clube. O treinador justificou, numa entrevista coletiva, que o ano do time não era dos melhores devido à situação política do Peixe. Pronto, deu sopa pro azar, munição para que explodissem ele do cargo assim que possível.

Os torcedores que sempre picham os muros da Vila não tinham como alvo Levir Culpi, mas sim Lucas Lima, Zeca e demais jogadores. Levir é quem menos culpa tem pela campanha do time, que não é ruim: está em quarto lugar no Campeonato Brasileiro. O aproveitamento do técnico é de quase 60%. Apenas 4 derrotas, 13 vitórias e 12 empates, para quem pegou o time no mês de junho com saída de Dorival.

Nosso futebol é assim, comandado por medíocres que fazem de tudo para justificar sua mediocridade, exceto tentar melhorar o nosso futebol.