Arquivo da categoria: Branco

Ganhar do Vasco da Gama no domingo é obrigação.

Leia o post original por Nilson Cesar

Nada de desculpas para o próximo domingo. Ganhar do Vasco da Gama em Itaquera no próximo domingo passou a ser obrigação. Se o Corinthians perder o jogo para o Vasco uma luz enorme vermelha sera acesa. Acho normal essa oscilação dois últimos jogos, mas toda atenção é pouca a partir de agora. O professor Carille está atento. Alguns jogadores importantes estão rendendo bem abaixo do que podem. Romero caiu bastante de produção. Vamos aguardar o jogo do próximo domingo esperando uma reação e uma vitória diante do Vasco. Tomara que o Corinthians jamais entre em campo com aquela ridícula camisa cor de chumbo. O Corinthians é preto e branco. Pode mudar o desenho. As cores jamais! Da azar.

 

No grupo da morte quem “matou” foi a Costa Rica. Inglaterra “morreu” e Itália e Uruguai jogam a vida na última rodada

Leia o post original por Quartarollo

A Costa Rica é a grata revelação dessa Copa do Mundo. Depois dos surpreendentes 3 x 1 sobre o Uruguai, bateu a Itália, 1 x 0, com autoridade e ainda teve um pênalti claro de Chiellini em Campbell pouco antes … Continuar lendo

O carnaval do futebol: do goleiro ao ponta-esquerda, aqueles que sambaram com várias camisas!

Leia o post original por Milton Neves

Por Ednilson Valia, Kaique Lopreto e Roberto Gozzi

Quem não tem um amor de carnaval para guardar em suas memórias?

E no futebol não é diferente.

Criamos uma lista do goleiro ao ponta-esquerda que fizeram a folia com várias camisas em diversos carnavais.

Lembra de algum amor de carnaval, conte aqui no blog do Terceiro Tempo:

Clique nos nomes coloridos e confira as páginas dos jogadores no Que Fim Levou.

Manga

Manga

Oh, tanto  riso, quanta alegria, o Arlequim está chorando pelo amor da Colombina

No meio da multidão. Acredito que não existi um goleiro com semblante tão triste quanto o de Manga.  O arqueiro, por muitas vezes inexpugnável, passou pelo Botafogo, Inter e Grêmio alguns carnavais.

 

Paulo-Roberto

Paulo Roberto

Recordar é viver, eu ontem sonhei com você. Não é que o Paulo Roberto, o ala que gastou a bola no Grêmio, São Paulo e Cruzeiro e com folias menos alegres no Corinthians e Fluminense.

Junior-Baiano

Júnior Baiano

Eu passo a mão na saca rolha e bebo até me afogar. Ah, Júnior Baiano, feliz no Palmeiras,  no São Paulo e  também no Flamengo, mas sem a mesma alegria no Vasco.

 

Antonio-Carlos

 

Antonio Carlos Zago

Triste madrugada foi aquela, que eu perdi meu violão. O Zago, que dançou nos bailes de São Paulo, Palmeiras, Corinthians e Santos, se aposentou  e virou dirigente e depois treinador.

Branco

Branco

O dia já vem raiando, meu bem, eu tenho que ir embora. Branco foi ídolo nos tricolores do Sul e do Rio de Janeiro, respectivos Grêmio e Fluminense, chegou cheio de marra no Timão e foi embora sem levantar a taça e com a felicidade em vão…

Rincon

Ríncon

Quero de novo cantar, tristeza, por favor vá embora…. e o Ríncon, ídolo colombiano, feliz no Palmeiras, mito no Corinthians, não conseguiu  o milagre da ubiqüidade no Santos e Cruzeiro.

bobo

Bobô

Chegou a turma do funil, todo mundo bebe, mas ninguém dorme no ponto e o bom baiano Bobô, liderou aquele espetacular Bahia campeão de 1988, mas não fez jus a boa terra no São Paulo, Corinthians, Fluminense, Flamengo e Internacional.

Neto

Neto

Será que ele é bossa nova? Será que ele é Maomé?  Ele é José Ferreira Neto, imortal no Parque São Jorge, feliz no Guarani e São Paulo, mas triste no Palmeiras, Santos e Galo.

Renato-Gaucho

Renato Gaúcho

Cidade maravilhosa, cheia de encantos mil, cidade maravilhosa, coração do meu Brasil. E se tem um gaúcho grato pelos encantos cariocas é o Renato Portaluppi, que jogou no Grêmio, Flamengo e Fluminense, sambando com grande qualidade. Já, no Fogão, Cruzeiro e Atlético Mineiro não repetiu o gingado.

 luizao

Luizão

A canoa virou, deixa virar, por causa da menina, que não soube remar, mas Luizão remou com seus gols em quase todos os times que jogou. Mas afundou no Botafogo, Grêmio e Santos.

ederaleixo

Éder Aleixo

Ó abre alas, que eu quero passar, ó abre alas, que eu quero passar, as bombas de Éder abriu os caminhos principalmente no Grêmio e no Galo. Já no Palmeiras…

leao

Leão

Se você fosse sincera, Ô ô ô ô Aurora. Veja só que bom que era, Ô ô ô ô Aurora. Leão passou por quase todos os grandes clubes de São Paulo , Minas e Rio Grande do Sul. Preteriu o Rio. Como diria o jornalista Fernando Calazans: azar do Leão.

Menor presta queixa em DP contra técnico Branco e presidente do Guarani; clube nega acusações

Leia o post original por Perrone

O menor E.H.S, 17 anos, jogador do Guarani, registrou boletim de ocorrência com acusações contra o presidente do clube, Álvaro Negrão, e o técnico Branco.  No 5º DP de Campinas, ele alegou que a dupla tentou forçar a assinatura de contrato com o empresário Nenê Zini.

Por sua vez, Filipe de Souza, advogado do Bugre, nega as acusações e afirma que o ex-presidente do clube Marcelo Mingone está por trás das atitudes do garoto, tentando uma transferência gratuita.

Em seu depoimento, o atleta diz que Branco falou para ele: “Você quer jogar no Guarani? Então entra lá na sala e conversa com o Nenê Zini e o Alvaro Negrão”.  Afirmou também que o presidente do clube disse que se ele não assinasse com o empresário ficaria um ano e meio sem jogar, até o fim de seu contrato.

O advogado do Guarani nega que essas afirmações tenham sido feitas por dirigente e técnico.  Ele também desmente que o garoto tenha sido “arrancado” da concentração e forçado a ir ao escritório de Nenê, como dizem os advogados do atleta.

“No fim de janeiro, terminou o empréstimo dele para o São Paulo. Ele chegou a vir ao clube, mas o empresário dele, Hugo Ardison, começou a falar que tinha propostas. O jogador sumiu. No dia oito de fevereiro esperamos o atleta aqui, mas um homem dizendo que era tio dele ligou dizendo que não viria. Descobrimos que esse homem era o Marcelo Mingone, ex-presidente do Guarani. O próprio confirmou isso durante a conversa. O empresário do garoto disse que entraria na Justiça se a gente não assinasse a liberação”, declarou o advogado. O blog não localizou o ex-presidente para falar sobre o assunto. Ainda segundo Souza, a família do menor teve um pedido de liminar para se desligar do clube negado.

Em nota enviada ao blog pelo advogado Fábio Luiz de Oliveira, o escritório de advocacia Gislaine Nunes afirma que o jogador está aterrorizado após ser “arrancado” da concentração e “forçado” a ir ao escritório de Zini.

Abaixo, trecho do boletim de ocorrência em que o empresário Hugo Ardison atesta declarações do menor.

 

Reprodução de declaração de empresário à polícia

Ué, por que o campeão mundial Corinthians só empatou com o humilde São Caetano? Ceni falha e salva o Tricolor, que venceu o Bugre! E o Ganso ainda não corre, não voa, não marca e não joga!

Leia o post original por miltonneves

 

Corinthians 2 x 2 São Caetano

*Guerrero e Paulinho (Cor)

* Rivaldo e Danielzinho (SC)

Ué, o Corinthians não é o atual campeão mundial?

Então, por que só empatou com o São Caetano, recheado de “refugos” e decadente?

E nem vou citar um pênalti absurdo a favor do Azulão, cometido pelo Paulinho.

Levou gol do “quarentão” Rivaldo.

Ih…. Não sei não, viu?

Olha corintiano, eu não quero desanimá-lo, mas este 2013, vai ser uma grande decepção para você, viu?

Hoje, empatou com Paulinho na “bacia das almas”.

A sorte é que na semana que vem, o adversário será o combalido Palmeiras.

Guarani 1 x 2 São Paulo

* Thiago Gentil (Guarani)

*Aloísio e Rogério Ceni (SPFC)

O eterno Rogério Ceni deu uma “falhadinha” no gol bugrino.

Mas fez um “golaço” de falta no time campineiro.

A grande decepção foi o Ganso.

Novamente o ex-meia santista não jogou nada.

O que está acontecendo com ex-craque, que um dia jogou na Seleção Brasileira?

Cañete foi expulso.  Em duas jogadas inocentes!

O São Paulo jogou com time reserva, mas não vai adiantar por que vai levar uma tunda do Galo na próxima quarta-feira.

Já, o Guarani, tadinho! Nem o Branco vai dar um jeito nele.

 Corintiano, você acha que o seu time pode repetir o ano mágico de 2012?  E aí, são-paulino, quando o Ganso vai comandar o meio-de-campo tricolor?