Arquivo da categoria: Estréia

Aquele jogo que você respeita

Leia o post original por Rica Perrone

Os mais de 50 mil torcedores no Maracanã para ver um jogo de abertura entre dois times que tem algo mais importante na temporada indicavam: é clássico. E por mais impossível que seja cravar o maior dos interestaduais, é sem dúvida um deles. O Galo tem o melhor time do país, o Flamengo um dos …

São Paulo fez bom primeiro tempo na estreia de Ceni

Leia o post original por Flavio Prado

O São Paulo jogou bem no primeiro tempo contra o River Plate. O time iniciou com Denis: Bruno, Maicon, Breno e Buffarini: Rodrigo Caio: Welington Nem, Thiago Mendes, Cueva e Luiz Araújo: Chavez.

Rodrigo Caio jogou como volante e fez boa partida. Tem bom passe e qualifica a saída. A proposta era girar rápido a bola, atacar pelos lados e pressionar sem a bola. Funcionou bem, o time dominou o adversário e criou oportunidades, mas errou muito na finalização, principalmente com Chavez.

No segundo tempo, Ceni modificou toda a equipe. O sistema foi mantido, mas o ritmo caiu e o jogo não fluiu com a mesma naturalidade.

As ideias foram colocadas e são boas. Saída de bola com qualidade, velocidade no ataque e pressão para retomar a posse. Todo trabalho precisa de tempo, é cedo para avaliações definitivas, mas Rogério deixa boa impressão nos primeiros momentos como técnico de futebol.

#Paz

Leia o post original por Rica Perrone

De todas as necessidades básicas da seleção brasileira há algum tempo venho dizendo que a mais determinante no nosso desempenho era a paz. Explico. O time viajava pra se reunir sabendo que ia apanhar da entrada até a saida. Que ninguem presta, que a imprensa faria da oposição a Dunga um 7×1 todo santo dia …

Um por todos…

Leia o post original por Rica Perrone

Talvez pela ansiedade, talvez pela carga da obrigação de vencer bem. Talvez pela expectativa criada na “magia” do trio de ataque. Seja lá qual for o motivo, a seleção jogou uma partida impressionantemente igual hoje. Repetiu do primeiro ao último minuto as mesmas tentativas esperando que uma hora desse certo. E daria, é verdade. Gabriel …

Brasil começa mal

Leia o post original por Flavio Prado

(Foto: Evaristo Sá/AFP)
(Foto: Evaristo Sá/AFP)

Não foi boa a estreia do Brasil na Olimpíada. O resultado, claro que não foi bom, mas a atuação é sempre o que mais preocupa.

Como já falei em outras oportunidades, gosto da ideia de jogo do técnico Rogério Micale, mas ela não foi bem executada contra a África do Sul.

Com a marcação adiantada, contra um adversário fechado, as inversões de jogo são necessárias para mexer com a linha de defesa adversária e isso pode abrir espaços. Faltou também paciência para trabalhar a bola, o time acelerou muito, isso dificulta para entrar em uma defesa fechada e dá chance para o contra-ataque.

O Brasil tem um time forte, está com praticamente sua força máxima sub-23, pode e deve crescer ao longo da competição, mas algumas situações dentro da proposta de jogo de Micale devem ser melhoradas.

Não brilha

Leia o post original por Rica Perrone

  É um time coeso. Defende bem, compactou legal, teve a bola, trocou passes, dominou o adversário, mas…  não brilha.  Na hora que precisa do lance decisivo, ninguém faz. Natural, não tem em campo nenhum jogador pra isso. Esses caras são Ganso, Neymar, Douglas, enfim, jogadores que não estavam lá.  Renato, Elias, Jonas e tantos …

O Fla, o Guerrero, o Galo… a Liga!

Leia o post original por Rica Perrone

Achei que não chegaria nunca mas finalmente a bola voltou a rolar. Já estava cansado de ver jogos que não me dizem respeito. Cansado estava Guerreiro, meses sem marcar. Cansado de ouvir, de esperar, de saber que uma hora ela entraria. Entrou. Os atleticanos, cansados de ver o time reagir a situações inacreditáveis, hoje, não …

Tá na cara

Leia o post original por Rica Perrone

É preciso pouca sensibilidade pra olhar em volta e perceber algumas coisas. Enquanto discutirmos tática, modernidade, estrutura, cbf e a puta que pariu, vamos passar batido pelo que de fato tem sido determinante nas dezenas de passes de 3 metros que erramos. Convenhamos, se todos eles jogam no brilhante futebol europeu, o fato de errarem […]