Arquivo da categoria: guilherme arana

Compare os desempenhos de Danilo Avelar e Arana

Leia o post original por Perrone

O lateral-esquerdo Danilo Avelar, de 28 anos, pretendido pelo Corinthians como opção para substituir Guilherme Arana, é pouco conhecido pelos torcedores alvinegros. As estatísticas do atleta do Torino, da Itália, emprestado ao francês Amiens. ajudam a revelar quem é o jogador desejado pelo clube paulista. Os números servem também como comparação entre ele e o ex-dono da posição no time corintiano, apesar de os jogadores disputarem competições diferentes.

Na definição do site WhoScored.com, especializado em estatísticas, Avelar é forte no jogo aéreo e nas interceptações de bola. Porém, é fraco nos passes e muito fraco em termos de concentração.

A página também descreve o brasileiro como um jogador que gosta de cruzar e de desarmar os adversários.

O perfil foi traçado com dados sobre o rendimento do lateral.

Ao avaliar Avelar como fraco nos passes, o site leva em conta o desempenho dele nesse quesito. Em dez jogos da atual edição do Campeonato Francês, ele registra índice de 70,7% de passes certos. Nesse fundamento, Avelar perde feio na comparação o desempenho de Arana no Brasileirão de 2017. O atleta vendido pelo Corinthians ao Sevilla acertou 93,3% de seus passes, de acordo com dados do site Footstats. Arana também leva vantagem sobre seu possível substituto nas assistências. Fez quatro em 32 jogos do Brasileiro. Avelar não deu nenhuma em dez partidas do Francês.

O ex-corintiano é ainda superior na quantidade de finalizações por jogo. Sua média é de 0,66 contra 0,20 de Avelar. Porém, Arana marcou dois gols no Brasileirão inteiro. Danilo já fez um em dez partidas do campeonato da França.

Num dos pontos considerados fortes do jogador que pertence ao Torino, os cruzamentos, ele também fica atrás de Arana. Sua média é de 0,5 por jogo. Já o ex-lateral corintiano terminou o

Brasileirão com média de 3,28 bolas cruzadas por partida.

Em outro fundamento considerado destaque de Avelar, as interceptações de bola, não foi possível fazer a comparação com Arana. Os dados defensivos do jogador não estavam disponíveis no WhoScored.com.

Como mostrou o blog, o estafe de Danilo espera concretizar a transferência para o Corinthians ainda nesta semana.

 

Opinião: Corinthians repete falha ao não se preparar para saída de campeões

Leia o post original por Perrone

Após as saídas de Guilherme Arana, Pablo e Jô, o Corinthians revive a situação de 2015, quando venceu o Brasileirão e sofreu para remontar a equipe. Na opinião deste blogueiro as perdas são compreensíveis. O que não dá para entender é a nova falta de planejamento da diretoria que acarreta demora para repor os desfalques.

Já pela campanha arrasadora no primeiro turno do campeonato nacional era esperada a valorização dos atletas corintianos e a dificuldade para manter parte deles. A própria política da direção alvinegra de segurar atletas na janela de transferências para Europa no meio do ano com a promessa a empresários de analisar propostas depois do campeonato indicava isso. O caso mais emblemático é o de Arana. Desde de agosto estava prevista sua saída para o Sevilla. Difícil segurar um jovem jogador nesse caso. Porém não é demais cobrar dos dirigentes que antes do fim da temporada já tivessem contratado o substituto do lateral-esquerdo.

A saída de Jô pegou a Fiel de surpresa, mas também é uma situação para a qual o clube poderia ter se preparado melhor. O Corinthians possuía 100% dos direitos econômicos do artilheiro. Ou seja, tinha um bom controle da situação. A proposta do Nagoya Grampus foi irrecusável para clube (cerca de R$ 38 milhões) e jogador. Trazer um reserva com características semelhantes às de Jô já estava nos planos. Júnior Dutra, que pode atuar como centroavante ou pelos lados do ataque foi contratado enquanto Jô ainda fazia parte do elenco, mas ele não é exatamente o que os alvinegros procuram como substituto.

Em relação a Pablo, a saída também era previsível. A negociação pela renovação do contrato do zagueiro travou faz pelo menos três meses. Era de se imaginar que ao endurecer com o empresário Fernando César, responsável pela carreira do beque, a diretoria tivesse uma carta na manga. Um substituto que fosse anunciado logo depois da oficialização do rompimento com Pablo. Mas nada aconteceu.

Ex-diretor de futebol e agora candidato à vice-presidência do clube na chapa de Paulo Garcia, Flávio Adauto diz que enquanto estava no cargo chegou a conversar sobre possíveis saídas de atletas com o técnico Fábio Carille. Ele acredita que há tempo para reconstruir um time forte desde que a base seja mantida.

Evidentemente, a situação de momento está longe de ser desesperadora. Mas o atual campeão brasileiro poderia se sentir mais confortável em relação a 2018 se tivesse olhado para erros do passado e se planejado um pouco melhor.

 

Estafe de Danilo Avelar vê vontade de lateral como trunfo do Corinthians

Leia o post original por Perrone

Com Dassler Marques, do UOL, em São Paulo

Apesar de ser uma negociação complexa, o estafe do lateral-esquerdo Danilo Avelar está otimista em relação à possível transferência do jogador para o Corinthians e vê o negócio como bem encaminhado.

O atleta está emprestado pelo Torino ao Amiens, da França, com opção de compra, até junho. Os italianos sinalizaram que topam antecipar a saída do brasileiro do time francês e fazer um empréstimo aos corintianos por uma temporada.

Segundo gente envolvida nas tratativas, porém, para a operação vingar os franceses precisam receber uma indenização. A ideia inicial é que o Corinthians banque essa compensação para o Amiens. Além disso, está sendo negociado o valor que o clube brasileiro teria que pagar para ficar com Avelar em definitivo ao final do empréstimo. No cenário considerado ideal pelos italianos, essa quantia seria maior do que a acertada com o Amiens. Os valores são mantidos em sigilo.

O jogador já demonstrou que quer atuar com a camisa alvinegra. Para o estafe dele esse é o principal trunfo para convencer franceses e italianos a cederem.

Uma das prioridades do alvinegro é repor a perda de Guilherme Arana, vendido para o Sevilla. A negociação por Juninho Capixaba, de 22 anos, com o Bahia está bem adiantada. Mas os atuais campeões brasileiros entendem que precisam de um jogador mais experiente para a posição. Avelar tem 28 anos e construiu sua carreira na Europa com passagens por Shalcke-04 (ALE) e Cagliari (ITA).

 

Esqueçam, Corinthians não trará grandes reforços!

Leia o post original por Craque Neto

O torcedor corintiano está totalmente perdido e sem entender por é que ‘cargas d’água’ o time foi campeão do Brasileirão, ganhou uma baita grana de premiação e não contrata NINGUÉM de expressão para a próxima temporada? Simples a resposta. NÃO TEM GRANA! Isso mesmo! Tudo que entra abate os milhões – juntando o estádio chega a bilhões – e não sobre nada para reforçar o elenco. O único que chegou oficialmente foi o atacante Junior Dutra, rebaixado com o Avaí. É brincadeira? O Sr. Roberto juntamente com a diretoria tentaram o colombiano Tréllez, que era menos pior e escapou por […]

O post Esqueçam, Corinthians não trará grandes reforços! apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Tem clube grande FURANDO o Sevilla na contratação de Arana

Leia o post original por Craque Neto

Fiquei sabendo que o lateral Guilherme Arana, campeão do Brasileirão 2017 com a camisa do Corinthians era pra ter embarcado nesta segunda pela manhã para a Espanha, onde assinaria definitivamente seu vínculo de 5 anos com o Sevilla. Até porque os clubes estavam acertados, assim como as bases salariais do atleta. Mas ao saber que o menino não embarcou fiquei com uma pulga atrás da orelha. E a suposta desistência não foi à toa. De última hora o Barcelona (ISSO MESMO!) ligou par ao staff do Arana para fazer uma proposta oficial. A ideia é levá-lo, emprestá-lo para ganhar experiência […]

O post Tem clube grande FURANDO o Sevilla na contratação de Arana apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Velloso: Timão tem que reconstruir o elenco para 2018

Leia o post original por Craque Neto

O ex-goleiro e comentarista acredita que, para manter o ritmo que teve esta temporada, o Timão precisa reconstruir seu elenco após a possível saída de jogadores importantes como Guilherme Arana, Pablo e Jô.

O post Velloso: Timão tem que reconstruir o elenco para 2018 apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Bolada à vista deixou Guilherme Arana perto do Sevilla

Leia o post original por Perrone

Um acordo sobre a forma de pagamento deixou Guilherme Arana próximo do Sevilla. O blog apurou que os espanhóis aceitaram pagar cerca de 50% de 12 milhões de euros (R$ 45,2 milhões) à vista. A decisão atende ao desejo dos corintianos de pegar uma bolada logo de cara para fechar o negócio.

A proposta inicial era de uma entrada menor e mais prestações. O blog não teve acesso ao número de parcelas acordado.

Um dos envolvidos na negociação afirma que faltam detalhes para a venda ser concretizada. A expectativa é que o martelo seja batido até o próximo dia 15.

Os valores que serão pagos ao jogador também já estão apalavrados.

O Corinthians queria 15 milhões de euros (R$45, 5 milhões) pelo lateral, mas não convenceu a diretoria espanhola a subir o preço. O alvinegro tem 40% dos direitos econômicos de Arana, e o restante pertence a empresários.

Mesmo se fechar o negócio em novembro, a ideia da direção alvinegra é anunciar o acordo apenas depois do Brasileirão. Flávio Adauto, diretor de futebol do Corinthians, não respondeu à mensagem enviada pelo blog até a publicação deste post.

Preparo físico gera clima de desconfiança no Corinthians

Leia o post original por Perrone

Com Diego Salgado, do UOL, em São Paulo

Uma rede de desconfianças e críticas compõe o cenário da brusca queda de rendimento do Corinthians no segundo turno do Brasileirão. A trama envolve suspeitas de falta de comprometimento e cuidado com o físico por parte de jogadores. Mas também há queixas de supostas falhas de profissionais que zelam pela saúde dos atletas.

Enquanto torcedores e conselheiros criticam a condição física de parte do elenco, há na comissão técnica quem entenda que a culpa é de atletas que não cuidam do corpo como deveriam na hora das folgas. Não estariam comprometidos com o grupo.

Fonte com trânsito na comissão técnica afirmou ao blog que a saída de alguns jogadores do time titular por questões físicas chegou a ser discutida. Porém, Fábio Carille optou pela manutenção deles. Indagado sobre a veracidade do episódio, por meio de sua assessoria de imprensa o treinador afirmou que não se manifestaria. Walmir Cruz, preparador físico corintiano, disse que não pode dar entrevistas individuais por orientação da diretoria.

Rodriguinho, Jadson e Arana são os atletas cobrados por conselheiros e torcedores por supostamente não estarem descansando suficientemente nas folgas, o que estaria prejudicando a preparação física deles.

“Eu posso te garantir que nunca faltou vontade. Tive uma contusão que me atrapalhou. Mas pode ter certeza que todos estamos muito dispostos, determinados e vamos atrás do objetivo  principal”, disse Arana à reportagem por meio de sua assessoria de imprensa. Os assessores de Jadson e Rodriguinho declararam que eles não falariam sobre o tema.

Antes do jogo contra a Ponte Preta, a concentração do elenco foi antecipada em um dia. A medida é costumeira em clubes que acreditam que seus jogadores não se cuidam de maneira correta fora do trabalho. Ao comentar o assunto na semana passada em enrevista no CT corintiano, Flávio Adauto negou que a medida tenha sido adotada para evitar boleiros na noite. “A preocupação não é que eles saiam, é sim que durmam cedo e se alimentem bem”, disse o diretor de futebol, atribuindo a decisão a Carille.

Insatisfação

Mas, do lado dos jogadores as reclamações são outras. Integrantes de estafes de atletas alegam que parte do elenco está descontente com médicos e outros responsáveis por cuidar deles. As críticas são referentes a supostas demoras para diagnosticar corretamente jogadores contundidos, lentidão em algumas recuperações e falhas que teriam ocorrido na análise de atletas mais propensos a “estourar” por causa do desgaste físico.

Um dos casos citados pelos que criticam o departamento médico corintiano é o de Guilherme Arana. Ele sofreu uma lesão muscular na coxa contra o Vitória, em agosto e voltou em outubro diante do Vasco, mas fez seis jogos no Brasileirão sentido dores. Só atuou sem estar dolorido contra o Botafogo. Ivan Grava, médico do Corintians, diz que o jogador teve uma fibrose (aumento de tecidos durante a cicatrização) e que ela é normal em atletas que se recuperam de lesões semelhantes. Declarou ainda que Arana havia dito para ele estar sem dores.

Outro caso apontado pelos que questionam o departamento médico é o de Pablo. O zagueiro não jogou contra o Atlético-PR por causa de uma contratura na coxa. O jogador não criticou os médicos, mas, internamente, quem reclama do departamento questiona o fato de ter havido demora na realização de uma ressonância magnética para melhor avaliação. Ele vinha sendo examinado por meio de ultrassom, que nada apontava, mas continuava se queixando de dores e ficou fora da partida contra o Coritiba, na qual se esperava que ele jogasse. O atleta então treinou dois dias para enfrentar o Bahia. Depois do segundo treino, o jogador apontou dores de novo. Só então foi feita a ressonância que detectou uma contratura com prazo de recuperação entre 7 e 10 dias. A suspeita dos críticos dos médicos corintianos é de que, se tivesse sido feita antes, a ressonância já teria apontado o problema.

Grava, porém, rebate essa versão. Afirma que a lesão foi num local diferente daquele que vinha sendo examinado. Afirmou também que o ultrassom identifica esse tipo de contratura. Mas, segundo ele, o exame só não foi feito novamente, de acordo com o médico, porque era feriado, e o profissional que opera o aparelho no CT estava de folga. Nesse caso, foi escolhida a ressonância. O médico sustenta que não houve falha.

É sob essa nuvem de suspeitas que o time treina em busca de uma vitória contra o Palmeiras, domingo, para estancar seus maus resultados e ficar mais perto do título Brasileiro.

 

Gilberto Sorriso: Guilherme Arana leva vantagem sobre Zeca

Leia o post original por Craque Neto

Segundo o convidado Gilberto Sorriso, ex-lateral de Tricolor e do Peixe, o ala Guilherme Arana é peça fundamental na equipe do Corinthians, e possui um desempenho superior ao lateral santista Zeca.

O post Gilberto Sorriso: Guilherme Arana leva vantagem sobre Zeca apareceu primeiro em Craque Neto 10.