Arquivo da categoria: Palmeiras

Não se iluda, corintiano! Timão vence, mas Grêmio ainda levará título do 1º turno!

Leia o post original por Milton Neves

Vencer o Corinthians realmente está muito difícil.

A tarefa do Fluminense não seria a das mais fáceis, até porque, fora de casa o Timão é assim, uma retranca só!

Não foi uma partida brilhante, por parte de ambos.

No entanto, o Tricolor Carioca esteve mil vezes melhor, mas pecou nas finalizações.

Já o Alvinegro, na rara oportunidade que teve, matou o jogo.

Nesse futebol moderno, onde exaltamos as táticas de técnicos estrangeiros, quem brilha mesmo é Carille.

Jogar bonito e ter posse de bola que nada, o que vale são os três pontos!

“Pep Carille” é o melhor treinador do Brasil, só fica atrás de Tite.

Mas o nosso querido “Águia de Haia dos Pampas” não conta…

No final do duelo, o Flu fez um gol, mas o árbitro anulou. Será que tava impedido mesmo?

Porém, restanto três rodadas para acabar o 1º turno, eu ainda acredito que o Grêmio ultrapasse o Corinthians.

E você torcedor, acha que o Timão leva o título simbólico da 1ª fase do Brasileirão?

Sport 0 x 2 Palmeiras

No reencontro do Verdão com Diego Souza, o meia levou a pior.

Por outro lado, Bruno Henrique finalmente brilhou.

E o Palmeiras conquistou uma importe vitória, mesmo tendo atuado com o mistão.

Avaí 1 x 0 Cruzeiro

Mas esse Douglas, viu? Outra vez fechou o gol!

O goleiro do Corinthians, que está emprestado ao Avaí, garantiu a vitória catarinense.

Ao invés de correr atrás do Walter, o São Paulo deveria comprar o Douglas!

OPINE!!!

Fred foi rejeitado pelo Palmeiras! É brincadeira???

Leia o post original por Craque Neto

Acreditem se quiser! Nesta sexta-feira o repórter Fernando Fernandes participou do programa ‘Os Donos da Bola’ da Band e veio com essa bomba: o Fred foi oferecido e o Palmeiras rejeitou. Isso mesmo! A diretoria do Palmeiras não quis o jogador que é o principal artilheiro do País e optou por contratar o desconhecido Deyverson por impressionantes R$ 18 milhões. Dá pra acreditar? O torcedor mais apaixonado pela turma do executivo Alexandre Mattos vai perguntar: mas quando foi isso, seu ‘Zé Ruela’? Isso teria acontecido com o semestre em andamento pouco antes da sondagem pelo Diego Souza do Sport. Ou […]

O post Fred foi rejeitado pelo Palmeiras! É brincadeira??? apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Quem deve jogar no gol do Verdão?

Leia o post original por Craque Neto

O Palmeiras tem vivido uma disputa natural e sadia pela titularidade no gol. Fernando Prass, ídolo do clube e considerado titular do time desde o início de 2013, vem perdendo espaço graças a algumas falhas individuais. Já o até então reserva Jaílson, que desembarcou no Verdão em 2015, só foi ter oportunidade pra valer com a lesão do colega no Brasileirão do ano passado. E aproveitou para brilhar! Não só foi decisivo como conseguiu se manter invicto na campanha do pentacampeonato alviverde do clube. Prass recém completou 39 anos e só trabalhou em times grandes ao longo da carreira. Jaílson […]

O post Quem deve jogar no gol do Verdão? apareceu primeiro em Craque Neto 10.

O fator Flamengo

Leia o post original por Rica Perrone

Eu fiquei com pena do Bandeira.  Pelas ameaças, pela postura do torcedor em não saber pensar nem por um minuto antes de tratar o presidente da forma que ele merece, pelo emocional abalado, pelos lances polêmicos que criou em sua cabeça pra explicar um resultado normal. Não houve “roubo” algum.  Se você quiser achar um …

Velloso diz que Mengão é favorito em jogo contra o Verdão

Leia o post original por Craque Neto

Ex-goleiro e comentarista, Velloso diz que o único jeito de o Palmeiras vencer o Flamengo é se Cuca manter o time com força máxima, já que, para ele, vai disputar contra o melhor elenco do Brasil.

O post Velloso diz que Mengão é favorito em jogo contra o Verdão apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Onde o Flamengo está, os 11 podem estar

Leia o post original por Rica Perrone

Talvez pra muita gente de fora seja novidade, mas sim, é verdade: temos um clube carioca levado a sério administrativamente.  E obviamente isso não implica em “perfeição”, portanto, dizer coisas como “é sério mas erra aqui, ou ali” é apenas mais do mesmo.  Diferente é o que está acontecendo lá. Mas pouco me importa o …

Palmeiras confuso, mas Dudu brilha

Leia o post original por Antero Greco

O Palmeiras acabou de encerrar série de três partidas com derrota. Bateu o Vitória por 4 a 2 no final de manhã de domingo de muito sol em São Paulo. Sol e tempo seco de inverno, daqueles de deixar a boca sem saliva. Alívio pra jogadores e pra torcida – mais de 36 mil estiveram no Allianz Parque.

Mas o brilho, pra valer, foi de Dudu, que chamou o jogo pra si, partiu para cima da zaga do time baiano, fez dois gols, construiu toda a jogada do terceiro. Enfim, foi o astro que se espera. Bom, para registro, entra também erro da arbitragem que resultou no primeiro gol verde, o do empate por 1 a 1, na marcação de pênalti inexistente sobre Mina.

O bom resultado veio, o alívio ocorre, porém é necessário constatar o óbvio: outra apresentação confusa do atual campeão brasileiro. O Palmeiras de 2017 só de longe, e de vez quando, de maneira esporádica, lembra aquele da temporada anterior. Se o time de 2016 era seguro, eficiente mesmo ser ser brilhante, o de agora se assemelha a um punhado de jogadores que correm pra cá e pra lá sem coordenarem o trabalho.

A instabilidade ficou evidente no primeiro tempo todo e em parte do segundo. Ah, espera aí, o placar foi folgado, alguém pode alegar. Se olhar só para os números, sim. A questão se concentra em ver o desempenho ao longo da partida – e este não agrada. O Palmeiras continua a safar-se de enrascadas mais por talento individual do que por conjunto. Não é por acaso que Dudu saiu de campo aplaudido como destaque.

O que houve de errado, então? Pra começar o sistema defensivo, que fica exposto, mesmo com a volta de Felipe Melo e com Tchê Tchê a reforçar a marcação. O Palmeiras permite muitos contragolpes, mostra buracos enormes na hora de se recompor. Isso realça, por exemplo, a perda de velocidade de jogadores como Dracena e Egídio.

O Vitória aproveitou-se disso e fez o primeiro gol, com 9 minutos, num chute de longe de Uillian. Depois, tratou de fechar-se. O Palmeiras ainda foi para o intervalo em vantagem, por causa do pênalti e pelo gol de Dudu em cima da hora.

Na segunda etapa, os dois times caíram de produção – talvez pelo calor, vá lá -, e o Palmeiras se livrou do risco de vexame com a inspiração de Dudu. Mas, de novo, houve instabilidade na criação no meio-campo e, por extensão, pouco apareceu Willian na frente. Borja, quando entrou, não mudou grande coisa – também raramente a bola chegou nele no pouco tempo em campo.

O Palmeiras ganhou, e isso é bom para aliviar pressão. Mas continua longe, muito longe, do ideal.

 

Com pênalti vergonhoso, Palmeiras garfa o Vitória em sua Arena

Leia o post original por Milton Neves

O palmeirense pode ficar bravo comigo e tudo mais, mas o Vitória foi prejudicado hoje.

A equipe baiana vinha jogando bem e abriu o placar com um golaço de Uillian Correia, mas viu o árbitro mudar a história do jogo e desanimou.

Mina se jogou na área e o árbitro marcou um dos pênaltis mais mentirosos de todos os tempos.

E para piorar a situação, o mesmo árbitro não marcou um pênalti claro para o Vitória.

Roger Guedes empatou a partida, Dudu marcou duas vezes e Mayke deixou o dele, mas o jogo seria outro se esse lance inacreditável não tivesse acontecido.

Aguerrido, o Vitória ainda diminuiu o placar com David.

Assim fica fácil subir na tabela, né Palmeiras?

Coitado do Vitória, que foi garfado nesta manhã de domingo.