Arquivo da categoria: PT

Raquel Dodge envia denúncia contra Globo para MPF do Rio

Leia o post original por Perrone

Raquel Dodge, procuradora-geral da República, encaminhou para o MPF-RJ (Ministério Público Federal do Rio de Janeiro) denúncia de três partidos contra a Globo. A acusação é de pagamento de propina na compra de direitos de transmissão das Copas do Mundo de 20026 e 2030, além de jogos da Libertadores e da Copa Sul-Americana. No Rio, a procuradoria vai decidir se abre investigação sobre o caso. A emissora nega irregularidades e disse que não pode comentar o assunto por não ter sido notificada ou informada oficialmente.

A representação havia sido enviada por PT, PDT e PSOL para a Procuradoria Geral da República como parte de um pacote de medidas contra a rede de TV. O documento se baseia nas acusações feitas por Alejandro Burzaco durante o julgamento de José Maria Marin e outros cartolas em Nova York. Ele afirma que Globo, Televisa e sua empresa, a Torneos e Competencias, pagaram juntas 15 milhões de euros para comprar os direitos de transmissão dos Mundias de 2026 e 2030, além de edições da Libertadores e da Sul-Americana.

Por meio de sua assessoria de comunicação, o MPF-RJ informou ao blog que “no momento, a representação está no setor jurídico responsável pela distribuição e designação de procurador. Somente um membro (procurador) poderá fazer a avaliação da representação”.

Ao justificarem o pedido de investigação, os partidos lembram que na constituição brasileira não há previsão de crime de corrupção privada, porém afirmam que pela legislação o serviço prestado por emissoras de TV mediante concessão governamental é considerado de interesse público, o que justificaria a ação da procuradoria. Eles sustentam também que a investigação pode descobrir a prática de outros crimes previstos pelas leis nacionais, como sonegação de impostos, lavagem de dinheiro e delitos contra a livre concorrência.

Em outro trecho do documento, é citada lei que prevê incentivos fiscais para emissoras que comprarem direitos de transmissão de eventos esportivos internacionais. O mecanismo permite que 70% do direito devido em impostos pela remessa de quantia ao exterior para a aquisição desses direitos fique com a emissora, desde que ela invista em produção nacional com a participação de uma produtora independente. Assim, sustentam os partidos, se comprovada a propina, a isenção fiscal teria sido concedida baseada em uma fraude.

Além da PGR, o trio partidário acionou o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), pedindo que a Globo seja investigada por suposto crime de ordem econômica. Ele teria ocorrido por ter sido dificultada a participação de outras emissoras no processo de concorrência.

Outra investigação foi pedida ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Nesse caso, em tese, a apuração poderia culminar com a cassação da concessão dada pelo governo para a Globo.

PT, PDT e PSOL tentam suspender contratos da Globo referentes a duas Copas

.

PT, PDT e PSOL tentam suspender contratos da Globo referentes a duas Copas

Leia o post original por Perrone

PT, PDT e PSOL tentam suspender preventivamente contratos e eventuais negociações da Globo com Fifa e Conmebol por causa das acusações contra a emissora sobre supostos pagamentos de propina. O pedido de suspensão foi feito pelos partidos junto ao Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). A solicitação, como revelou a “Folha de S.Paulo” na última quinta,  faz parte de medidas tomas pelo trio para que a empresa sofra investigações que podem, em tese, levar até à cassação de sua concessão para operar.

O documento pede a adoção de medida preventiva (enquanto durarem as investigações) a fim de que se “suspenda negociações/contratos firmados entre a Rede Globo e as entidades Fifa e Conmebol para que demais concorrentes possam participar do processo de concorrência”. Para justificar o pedido, os representantes dos partidos afirmam que a não suspensão dos contratos para a transmissão das Copas de 2026 e 2030, além de edições da Libertadores e da Copa Sul-Americana, poderá causar efeitos irreversíveis, prejudicando outras empresas interessadas nos direitos dessas competições.

Por e-mail, o departamento de comunicação da Globo disse ao blog que a empresa não foi notificada sobre a representação e enviou cópia da nota que já tinha remetido à “Folha”. “Não podemos comentar sobre o que não fomos notificados ou oficialmente informados. Mas aproveitamos para reafirmar o que já dissemos: o Grupo Globo não pratica e nem tolera qualquer tipo de propina e está sempre à disposição das autoridades”, afirma o comunicado.

Em depoimento em Nova York durante julgamento de José Maria Marin e outros cartolas, Alejandro Burzaco, da Torneos y Competencias, afirmou que sua empresa, a Globo e a Televisa, do México, pagaram juntas US$ 15 milhões em propinas pelo direito de transmitir os Mundias de 2026 e 2030. O dinheiro teria sido recebido inicialmente por Julio Grondona, ex-presidente da Associação de Futebol Argentino e que morreu em 2014.

A representação formulada pelos partidos políticos solicita que todas medidas sejam adotadas para que as denúncias possam ser comprovadas, incluindo a apreensão de computadores, documentos e outros materiais da Globo e de pessoas físicas ligadas à emissora, além da possibilidade de suas concorrentes serem ouvidas. A investigação apuraria se houve infração da ordem econômica, que é caracterizada quando existe prejuízo à livre concorrência. Como punição, está prevista multa de até 20% em relação ao faturamento bruto anual da empresa.

Por fim, é requerida aplicação de penalidade à TV pela suposta irregularidade na aquisição dos direitos de dois Mundiais, da Libertadores e da Copa Sul-Americana.

Ao blog, a assessoria de imprensa do Cade confirmou que recebeu a representação, mas disse que não poderia revelar detalhes. O órgão vai primeiro decidir se aceita a representação. Em caso positivo, será feita uma investigação preliminar que poderá gerar um processo administrativo para apurar se houve crime de ordem econômica.

Em outra frente, os partidos enviaram representação contra a Globo ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação. O pedido é para que as denúncias sejam investigadas e que sejam aplicadas eventuais sanções baseadas em lei que prevê a cassação de concessões para emissoras que cometerem crimes.

Também foi acionada a procuradora-geral da República, Raquel Dodge. Ela recebeu dos partidos pedido para que o Ministério Público Federal investigue as acusações contra a Globo.

 

Bom final de semana!

Leia o post original por Rica Perrone

Caro amigo brasileiro honesto,

Hoje é sexta-feira e eu sei como você se sente porque honesto também sou.  Fui criado também por pessoas que me impediram de roubar a caneta do coleguinha ou voltar com o troco errado da padaria. Enfim, como a enorme maioria, sou o mínimo aceitável de um ser humano.

Hoje faz cerca de 12 graus em São Paulo, onde estou passando a noite. Na entrada do mercado uma família na calçada me pediu pra comprar… um cobertor.  Eu comprei, é claro. Posso, graças a muito trabalho.  E junto dele comprei uns bolinhos pras crianças numa sacola. Quando eu dei o cobertor pra menina, ela viu a sacola cheia de bolinhos junto.

“Tio, você esqueceu esse saquinho…”.

Ela me devolveu!!!! Era pra ela. Mas eu não disse, ela não pediu, dei porque quis. Mas ela achou que era meu e com fome, na rua, passando frio, me DEVOLVEU!!!

Disse que era dela. Ela sorriu, “fica com Deus, Tio”.

Deus?

Caralho. Ela está na rua, com a família toda no exato momento em que a TV noticia a porra da absolvição do nosso honestíssimo senhor presidente.

Deus, pra ela, significa a justiça divina. A justiça que ela não vai ver mas precisa acreditar que haverá. Pois sem ela não dá pra acordar todo dia.

Essa família que agora passa frio na esquina da Oscar Freire com a Min Rocha Azevedo não tem o que comemorar. Mas quando eu fui embora, naquela situação horrível de se culpar por ter o que comer e não poder resolver o problema deles, eu olhei pra trás e ela abraçava o pai.

Não acabou. Por mais perdido que esteja, o jogo não acabou.

Eu sei que ele trocaria tudo por ter um jantar digno toda noite e uma casa pra morar. Mas eu sou capaz de apostar que esse cara não roubaria por medo de perder o olhar daquela menina de respeito e admiração.

Então, meus caros amigos brasileiros honestos que hoje dormem com mais um soco na cara, aproveite o final de semana para fazer a única coisa que esses filhos da puta não podem fazer e nós podemos:

Olhe nos olhos da sua família.  Abrace seu pai e agradeça a criação que ele te deu. Brinde com seus avós se ainda os tiver, e honre a comida comprada honestamente que estará na sua mesa.

Mas em homenagem a eles todos, o protesto mais humilhante que podemos fazer é esse. Passar o final de semana com nossas famílias e sem ter que baixar a cabeça pra desviar de um olhar.

Nós somos maioria.  Bom final de semana pra vocês!  😉

abs,
RicaPerrone

STF quebra sigilo bancário de empresas que atuaram em campanha de Andrés

Leia o post original por Perrone

O STF (Supremo Tribunal Federal) determinou a quebra de sigilos bancário e fiscal de duas empresas que prestaram serviços na campanha de Andrés Sanchez a deputado federal. As contas de quatro pessoas ligadas a elas também foram atingidas.

A decisão, tomada no último dia 26, faz parte do inquérito em que o ex-presidente do Corinthians é investigado por supostamente ter omitido bens ao registrar sua candidatura e por supostas irregularidades na prestação de contas. Também é apurada eventual sonegação de impostos. No entanto, não houve quebra de sigilo das contas dele. Para a defesa do cartola, isso sinaliza que o deputado deixou de ser o alvo do inquérito, com a investigação se voltando para as empresas. O ministro Luiz Fux é o relator do caso.

As atingidas são a 2k Comunicação e a Dialógica Comunicação e Marketing. Ambas prestaram serviços para outros polí­ticos do PT, incluindo Dilma Rousseff, além de Andrés. As duas empresas foram dissolvidas em 2015.

Do ex-presidente corintiano, a Dialógica recebeu R$ 200 mil pelos trabalhos. Por sua vez a 2K ficou com R$ 2.750 por publicidade em matériais impressos.

Com as quebras, solicitadas para Receita Federal e Banco Central, o STF tentará verificar se os trabalhos foram feitos e se o valor pago foi compatível com preços de mercado.

Porém, para os defensores de Andrés, as autoridades podem estar em busca de provas para outros casos não relacionados ao cartola.

“Andrés prestou todos os esclarecimentos pedidos nesse inquérito. Comprovamos que não houve irregularidade na sua declaração de bens. Por isso, ele deixou de ser o alvo, tanto que não houve pedido de quebra de sigilo em relação a ele. O inquérito remanesce para ver se essas empresas prestaram serviço. Posso assegurar que o serviço foi prestado e o Andrés pagou por ele.  A prestação de contas dele foi aprovada pela Justiça Eleitoral”, declarou ao blog João dos Santos Gomes Filho, advogado que defende o petista no caso.

Ele afirmou que vai apesentar ao STF todas as notas fiscais e recibos referentes aos trabalhos das duas empresas.

Por meio de rede social, o blog tentou sem sucesso contato com Keffin Galvão Cesar Gracher, que estava entre os proprietários das duas empresas e teve seus sigilos bancário e fiscal pessoais quebrados. Ele é ex-assessor do ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social Edinho Slva (PT), que foi tesoureiro de campanha de Dilma à presidência. Assim, a abertura de dados das duas empresas que trabalharam para Andrés podem levar o STF a ter informações relacionadas às campanhas da ex-presidente e de outros políticos do PT.

Bom final de semana!

Leia o post original por Rica Perrone

Caro amigo brasileiro honesto, Hoje é sexta-feira e eu sei como você se sente porque honesto também sou.  Fui criado também por pessoas que me impediram de roubar a caneta do coleguinha ou voltar com o troco errado da padaria. Enfim, como a enorme maioria, sou o mínimo aceitável de um ser humano. Hoje faz …

Lembra da Transpetro no Itaquerão?

Leia o post original por Fernando Sampaio

corinthians_fecha_compra_de_dutos_para_o_itaquerao_19122011-181010-1O leitor mais antigo do Blog lembra das nossas matérias sobre a construção do Itaquerão.

Sabíamos na época que a Odebrecht pagaria tudo, que o Naming Rights não seria vendido antes da Copa, que o Corinthians não desembolsaria um tostão até o entrega e que a Transpetro pagaria pelo desvio dos oleodutos, obra com custo milhões de reais.

A matéria abaixo falava em R$ 30 milhões.

As fontes que acertaram todas as informações acima falavam em R$ 70 milhões.

http://aesabesp.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=467%3Aaesabesp-de-olho-na-copa-anp-autoriza-desvio-dos-dutos-sob-o-terreno-do-itaquerao&catid=75%3Aboletim-aesabesp&Itemid=50

Andres Sanchez negava tudo.

O cartola que votou pela manutenção do projeto criminoso de poder do PT dizia que não seria necessário a desativação dos dutos. Fala sério. Ele achou que teríamos uma nova Vila Socó? É óbvio que o Itaquerão não poderia ser construído em cima dos dutos em atividade. Conforme informamos, o desvio foi feito.

A Petrobras não precisava desviar nada, a Odebrecht sim.

Quem pagou?

Como dissemos na época a Transpetro pagaria tudo.

Não deu outra.

Claro, a Transpetro é mais uma empresa pública a serviço dos corruptos.

Incrível a merda que o PT deixou. Vamos levar anos para recuperar o Brasil.

Não é só o rombo de 170 bilhões, tem o aparelhamento da Cultura, Educação….

Tem Sarney, Collor, Renan, Jucá… e toda corja que serviu de base de sustentação aos PeTralhas.

Vamos em frente, acreditando na força da ruas.

 

Só a FPF não sabia. O jogo de domingo é outro

Leia o post original por Quartarollo

Só a FPF não sabia. O jogo de domingo é outro

Federação Paulista de Futebol divulgou nota lamentando a antecipação do jogo Corinthians x Red Bull Brasil para o sábado às 16h20, no Itaquerão.

Deixou claro que não gostou e que queria manter o encontro para domingo às 16 horas no mesmo local.

Desde que os jogos se decidiram esperava-se uma alteração. Só a gloriosa FPF não sabia que domingo o jogo é outro e envolve toda a nação.

Será votado a partir das 14 horas em plenário o relatório do Impeachment de Dilmar Rousseff e a previsão é que a votação se estenda até às 22 horas.

Haverá manifestações por todo o país e principalmente nas grandes capitais como São Paulo, por exemplo.

A Federação teimosamente marcou para domingo um jogo que nem a TV Globo quer, pois ela vai também transmitir o jogo da política nacional.

Demonstrou mais uma vez a entidade e seus dirigentes que vivem numa bolha à parte, que são bem alienados quanto aos acontecimentos fora do futebol.

A Polícia Militar e a Rede Globo, que paga o Campeonato, pediram e a Federação mesmo com beicinho de lamento teve que aceitar, mas manteve os outros jogos para os horários já divulgados.

Santos e São Bento jogam no sábado às 18h30, na Vila Belmiro, e Audax e São Paulo jogam às 18h30 do domingo, em Osasco.

Na segunda-feira, um dia atípico para nós brasileiros, o Palmeiras enfrenta na Arena Palestra Itália o São Bernardo.

São jogos únicos que se terminarem empatados serão decididos nos pênaltis.

Coisa que não vale para a votação, em Brasília, no domingo. Se aprovado o relatório, o assunto irá para uma decisão também em plenário no Senado da República que é comandado pelo indefectível Renan Calheiros, não tão diferente do presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Muitos acham que Dilma está na marca do pênalti, mas o goleiro pode fazer uma grande defesa também e entrar para a história boa ou má, dependendo da tendência e da torcida de cada um.

O problema é que vamos ouvir domingo mais uma sessão cheia de blá-blá-blá com os deputados querendo os seus minutinhos de fama, principalmente quando a Globo estiver transmitindo ao vivo, com discursos intermináveis, incompreensíveis, português de baixa qualidade e muita gente querendo tumultuar. De um lado e do outro.

Dizem que a democracia é a convivência dos desiguais, mas os desiguais no Brasil estão cada vez mais iguais. Não dá para acreditar em nenhum deles.

Impeachment, ao contrário do que muitos dizem, na minha opinião, não é golpe, é algo previsto na Constituição, portanto dentro da lei.

O próprio PT que hoje reclama tanto quando era oposição vivia pedindo Impeachment contra todos os que estavam no governo.

Temos algo a Temer?. Temos muito. Com qualquer resultado. É só olhar o quadro, o time é ruim de doer.

Em qualquer direção que se olhar tem um oportunista ou uma jararaca à espreita.

Assim não há futuro para ninguém. E como haver futuro sem presente?