Arquivo da categoria: Seleção do Brasileirão

Minha seleção do Brasileirão

Leia o post original por Rica Perrone

É muito difícil sair de Corinthians, Grêmio e Botafogo. Os três jogaram um futebol muito acima dos demais, e embora o Bota tenha despencado no fim, teve um grande ano.  Hernanes e Dourado entraram ali por terem carregado seus times nas costas. Especialmente o saopaulino.

Que tal?

abs,
RicaPerrone

 

Minha Seleção do Brasileirão!!!

Leia o post original por Neto

A CBF vai entregar na próxima semana o prêmio do craque do Brasileirão e os troféus para os melhores em cada posição. A Bola de Ouro da revista Placar também será anunciada. Aproveitando esse embalo vou me antecipar elegendo meus melhores de cada posição nesse campeonato. Comente e deixe os seus, ok?

Paredão do Flu campeão brasileiro

Diego Cavalieri (Fluminense) – Incontestável! Fechou o gol do Fluminense e foi um dos principais responsável pela campanha maravilhosa do time. Pra mim merece lugar inclusive na Seleção Brasileira.

Bruno (Fluminense) – Contratado do Figueirense pra substituir Mariano, ele surpreendeu. Aliás, já tinha ido muito bem no ano passado. É rápido e habilidoso. Fez partidas muito boas no apoio ao ataque.

Chicão (Corinthians) – É verdade que depois da Libertadores o Timão ficou moscando no Brasileiro. Mas quando começou a levar a sério o zagueiro foi o melhor pra mim. Pode fazer do clube o campeão do returno. Tem um posicionamento de marcação acima da média.

Réver (Atlético/MG) – É um zagueiro moderno. Sabe defender com extrema categoria e ainda sobe ao ataque com qualidade. Tem tudo para embalar na Seleção Brasileira com outros nomes como Thiago Silva e Dedé.

Carlinhos (Fluminense) – Tem jogado tanta bola nas últimas temporadas que é difícil acreditar que seja o mesmo moleque ‘nhaca’ dos tempos de Santos. Destoa da maioria. Tanto que por várias vezes tem sido lembrado para a Seleção.

Ralf (Corinthians)– Primeiro volante forte, rápido e de excelente nas roubadas de bola. Talvez é quem melhor faça a proteção de zaga no futebol brasileiro.

Corintiano é o melhor volante do Brasil

Paulinho (Corinthians) – Tirando o Neymar ele é o melhor jogador do País atualmente. Tem uma disposição incrível e além de defender, ataca com muita capacidade. Se continuar assim será titular na Copa do Mundo.

Ronaldinho Gaúcho (Atlético/MG) – Arrebentou nesse Brasileirão e provou que o problema da má fase no Flamengo eram os salários atrasados. É reconhecidamente um cara acima da média que ganhou tudo o que podia. Lhe falta apenas motivação para alcançar os objetivos.

Neymar (Santos) – Fora de série! O melhor de todos. Quando jogou arrebentou e colocou o Peixe entre os melhores. Quando ficou de fora o time acumulou campanha de quase rebaixado.

Fred (Fluminense)– Artilheiro do torneio, esse cara é iluminado. Tem cheiro de gol. Uma capacidade de balançar as redes que poucas vezes vi na vida. Pra mim é o camisa 9 da Seleção. Principalmente agora que parou de se machucar.

Artilheiro Tricolor impiedoso

Barcos (Palmeiras) – Um cara que faz 28 gols na temporada em uma equipe fraca tecnicamente e rebaixada como a do Palmeiras merece ser valorizado. Fico pensando quantos gols faria se tivesse em uma equipe com um pouco mais de qualidade.

Vanderlei Luxemburgo (Grêmio) – Ainda é um treinador acima da média. Ao contrário de Muricy que tem Neymar, que Abel, que tem Fred, Thiago Neves e Deco, o Luxemburgo tem uma equipe taticamente bem trabalhada sem nenhum fora-de-série. Provavelmente fará desse elenco do Grêmio vice-campeão brasileiro.

CRAQUE: Fred (Fluminense) – Precisa falar o porquê? Ele foi ‘O CARA’ nos momentos decisivos do time das Laranjeiras na competição. Fez um golaço de voleio no clássico Fla-Flu que foi sacanagem. É monstro sagrado!

Jovem lateral arrebentou no Náutico

REVELAÇÃO: Douglas Santos (Náutico) – Vai ter gente rindo e sendo bairrista. Não tem problema. Esse jovem lateral de 18 anos só não fez chover com a camisa do Timbu. Nos jogos nos Aflitos, sobretudo, infernizou as defesas adversárias com seu forte apoio ao ataque. Os pernambucanos foram inteligentes e renovaram seu contrato. Mas pela bola que joga duvido que fique muito tempo por lá.