Arquivo da categoria: Tite

Por que só jogador do Shakthar Donetsk na Seleção? Tem convênio com a CBF???

Leia o post original por Craque Neto

Tenho o maior respeito e admiração pelo Tite, hoje técnico da Seleção Brasileira. É inegável que esse cara vem fazendo um trabalho sensacional. Venceu quase todos os jogos das Eliminatórias e resgatou o amor que o povo brasileiro tem pelo time verde-amarelo. Agora tem determinadas coisas que acontecem por ali na CBF – e já vem de outras gestões de treinadores – que fica difícil de entender. Uma delas que é muito nítido é esse amor que todo mundo que assume o cargo tem pelos jogadores brasileiros que atuam pelo Shakthar Donetsk. Incrível!!! Se perguntar nas ruas do Brasil o […]

O post Por que só jogador do Shakthar Donetsk na Seleção? Tem convênio com a CBF??? apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Testes na Seleção?

Leia o post original por Craque Neto

A Seleção Brasileira empatou em 1 a 1 com a Colômbia em Barranquilla apresentando um futebol apenas razoável. Na verdade foram os primeiros dois pontos perdidos pelo Brasil nas Eliminatórias desde que o técnico Tite assumiu o cargo. Não tem nem o que falar! Baita campanha com o treinador que devolveu a credibilidade e o carinho do torcedor com o time verde-amarelo. Agora não dá pra negar que o comandante peca em algumas ações, viu! Algumas delas foram os testes propostos para esse antepenúltimo jogo da competição. Com o Brasil já classificado a ideia tinha que ser promover novos jogadores […]

O post Testes na Seleção? apareceu primeiro em Craque Neto 10.

O empate não foi ruim, mas o Brasil jogou muito pouco contra a Colômbia!

Leia o post original por Milton Neves

Foto: Pedro Martins / MoWA Press

Colômbia 1 x 1 Brasil

O primeiro tempo de Colômbia e Brasil foi tão morno que o melhor “lance” aconteceu bem perto dos acréscimos, quando um cachorro (ou seria uma cadela?) entrou no gramado e deu uma canseira nos seguranças do estádio.

E a invasão do animal acabou dando sorte ao escrete canarinho, que abriu o placar na sequência, com um belo chute de Willian após espetacular deixadinha de Neymar.

Mas a equipe brasileira voltou muito desligada dos vestiários.

Tanto que aos 10 minutos da etapa final, Falcao García, aproveitando verdadeiro cochilo da zaga do Brasil, deixou tudo igual com um belo gol de cabeça.

No fim das contas, o empate não foi ruim, mas encerrou a série de vitórias do Brasil nas Eliminatórias.

E o resultado preocupa um pouco, sim!

Afinal, o Brasil não jogou nada bem em Barranquilla.

Que o time de Tite recupere a magia contra a Bolívia e contra o Chile, próximos adversários nas Eliminatórias.

Ah, e quando eu erro vocês pegam no meu pé.

Mas será que alguém vai lembrar que eu acertei este placar na mosca?

E aí, amigo internauta, o que você achou da seleção brasileira no duelo contra a Colômbia?

Opine!

Alberto sobre a Seleção: tem que ficar atento às variações

Leia o post original por Craque Neto

Ex-atacante, Alberto diz que Tite precisa ficar atento às variações que podem ocorrer durante a Copa do Mundo, como um dia ruim de Neymar ou até mesmo a lesão de um jogador.

O post Alberto sobre a Seleção: tem que ficar atento às variações apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Seleção fez sua parte… mas deixou a desejar!

Leia o post original por Craque Neto

O Brasil entrou em campo nesta quinta-feira para encarar o Equador, em Porto Alegre, e não empolgou os torcedores que estiveram presentes na Arena do Grêmio. Primeiro porque os ingressos estavam muito caros. Alguns com o preço absurdo de R$ 800, é mole? Depois porque realmente a boleirada, base do time que o técnico Tite já imagina para a disputa da Copa da Rússia, não agradou pelo bom futebol. Jogo tecnicamente bem meia boca, pra dizer a verdade! Senti que o próprio Neymar, que segue como esperança do povo brasileiro, segurou muito a bola e só queria dar drible de […]

O post Seleção fez sua parte… mas deixou a desejar! apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Quando acordou, o Brasil ganhou fácil

Leia o post original por Antero Greco

O primeiro tempo do jogo entre Brasil e Equador, em Porto Alegre, deu sono. A turma da casa não estava nem aí. Com a classificação para o Mundial mais do que garantida, não fazia sentido correr além da conta. Os visitantes optaram pela antiquíssima estratégia de ficarem atrás, à espera de um contragolpe, um milagre qualquer. Que não apareceu.

Por isso, por 46 arrastados minutos foi uma partida de arrancar bocejos. Não se viu um momento sequer de maior vibração do público que foi ao estádio do Grêmio. A rapaziada local não levou ao pé da letra o que havia prometido Tite, de que se tratava de ensaio para valer para a disputa da Copa do ano que vem na Rússia.

Foi muito toquinho pra lá, bola pra cá, sem nada de produtivo. Não houve um lance digno de tirar suspiros da plateia. Nem Neymar empolgou. Aliás, o rapaz parecia estar no PSG, onde já chegou como dono da loja: driblava, fazia firula, tirava adversários para jogar. Atuava como se fosse o centro de atenções da galera. Teve desempenho muito aquém do costumeiro.

O ritmo arrastado durou até depois dos 15 da etapa final. Pouco antes, Tite tirou Renato Augusto e colocou o surpreendentemente recuperado de dores nas costas Philippe Coutinho. Com isso, pretendia dar mais velocidade ao ataque nacional. (No intervalo, Miranda cedeu lutar para Thiago Silva, por contusão.)

Funcionou. O Brasil estava um pouco menos lerdo do que na primeira parte, havia chegado duas vezes perto do gol equatoriano e ficou mais leve com Coutinho. O nó foi desfeito com gol de Paulinho, após cobrança de escanteio, aos 24 minutos. Sete minutos mais tarde, o placar dobrou, com golaço de Philippe Coutinho, com participação belíssima de Gabriel Jesus. E só.

Depois, tarifa cumprida, os jogadores do Brasil voltaram ao ritmo normal. E o restante da partida transformou-se em rachão. A seleção consagra-se “campeã” das Eliminatórias na América do Sul, com três rodadas de antecedência. Fez a obrigação.

Pra valer agora só na Copa.

Seleção de Tite é supervalorizada?

Leia o post original por Craque Neto

Prestes a ser vendido do Liverpool para o Barcelona por mais de R$ 620 milhões o meia Phillipe Coutinho só engrossa a lista de valores absurdos que estão sendo negociados alguns jogadores do futebol mundial. Principalmente os da nossa Seleção Brasileira que entra em campo nesta quarta, contra o Equador, pelas Eliminatórias da Copa da Rússia. Pensem comigo: Neymar já foi vendido por mais de R$ 800 milhões, Paulinho por uns R$ 150 milhões assim como o atacante Gabriel Jesus, que custou uns R$ 130 milhões ao Manchester City. Até o jovem goleiro Éderson, que é a terceira opção no […]

O post Seleção de Tite é supervalorizada? apareceu primeiro em Craque Neto 10.