Inter precisa de novo comando

Leia o post original por Neto

Na última quinta-feira o presidente do Internacional, Giovanni Luigi, me ligou para falar de algo que havia escrito aqui no meu Blog do UOL. Fiz um paralelo do excesso de investimento no elenco e a pouca produtividade da equipe nesse Brasileirão. Já achava que o cara ia me tratar mal. Afinal está cheio de ‘torcedor-dirigente’ por aí. Mas sabe que me surpreendi? Trata-se de um tremendo boa praça e me tratou com uma educação incrível. Coisa de profissional que sabe assimilar críticas. Como deve ser, diga-se de passagem.

Fernandão não se adaptou ao cargo de técnico do Inter

Entre outras coisas ele me disse que pretende que a grana que finalmente vai entrar da TV vai dar para trocar alguns jogadores que não estão rendendo para a próxima temporada. A ideia é realmente dar um chacoalhão nesse time, que fez uma temporada bem mais ou menos. Sinceramente acho que o cartola só pisou na bola em uma coisa. Em ter mantido o Fernandão no cargo de treinador mesmo após ele pedir demissão. Isso mesmo! Pouca gente sabe, mas após levar uma surra do lanterna Atlético/GO o comandante pediu o boné.

Só achei ridículo a diretoria não aceitar. Até porque está mais do que claro que ele não conseguiu engrenar no cargo. Por sinal tomou ele do Dorival Junior de maneira muito estranha. Coincidência ou não desde que o Fernandão assumiu o comando do Inter a irregularidade no desempenho só aumentou. De clube top para intermediário na classificação. Talvez essa troca fizesse bem para o grupo de jogadores.

Na realidade o presidente Giovanni Luigi, como um cara inteligente que é, já deve estar preparando um nome forte para 2013. Pelo menos é o que o torcedor colorado merece.