Atitude

Leia o post original por Pedro Ernesto

Não conheço time de futebol, não conheço nenhuma pessoa, não conheço nenhum   empresa que tenha se dado bem sem ter a atitude necessária de luta, empenho e determinação. O Grêmio não é diferente de ninguém.

Não sei se seus jogadores, alguns milionários, achavam que entravam em campo e ganhavam quando queriam. Sei lá o que estavam pensando. O episódio da quarta-feira, quando veio a vitória heroica com dez homens em campo, é resultado da vontade, do querer, enfim, da atitude. Com a capacidade técnica de seus jogadores e muito tesão, o Grêmio pode ir longe.

E mais: a torcida do Grêmio está dando aulas de jogar pelo regulamento, deu apoio ao time, de reprovação a quem não merece aplauso – caso de Cris. Não será fácil o jogo de volta contra o Santa Fe, mas com aquela atitude e a vantagem de jogar por dois resultados tem muito boa chance de dar certo.

D’Alessandro

Não há reposição do mesmo nível a esse jogador. O que ele está jogando é coisa de cinema. Logicamente, o time do Inter é dependente dele, assim como o Barcelona depende de Messi e o Santos depende de Neymar. Não me surpreende, portanto, que sem a presença de D’Alessandro o Inter jogue menos. Mas não precisa ser tão menos como foi lá no Mundão do Arruda.

Há outros motivos importantes para explicar uma atuação tão deprimente como aquela. Espero que o técnico Dunga saiba o que está acontecendo.

Corinthians

O Boca Juniors, disse com muita graça o narrador da Sportv Milton Leite, está meia
boca. Ele se referia à capacidade atual do time, muito abaixo daquele time maravilhoso que fez goleadas sobre Grêmio e Inter. Mas ainda é o Boca. Ganhou do Corinthians e leva vantagem para o Pacaembu. Vai catimbar, dar pontapés e sei lá o que mais. O Timão vai ter que jogar muito mais do que jogou na Bombonera, ter
paciência e olhar apenas para a bola, deixando o resto para arbitragem. Mas Tite sabe que a tarefa é complicada.

Você sabia?

● Que o Inter ofereceu 10% dos ingressos para o Juventude no jogo de domingo?
● Que, como cabem 18 mil pessoas no estádio, para o Ju foram 1,8 mil ingressos?
● Que o presidente Raimundo Demore, do Juventude, quer mais mil ingressos, mas não deve levar?
● Que o jovem repórter Rodrigo Oliveira, uma das revelações do rádio esportivo, estreia hoje à tarde na Gaúcha?