Resultado

Leia o post original por Pedro Ernesto

O Grêmio do sábado teve um resultado muito melhor do que sua atuação. Aliás, não foi a primeira vez. O time tem cinco vitórias consecutivas no Brasileirão. Só o Grêmio conseguiu isso, e Renato até provoca os outros times a repetirem essa façanha. Isso é maravilhoso. No entanto, as atuações do time não tranquilizam os torcedores. A Ponte Preta entregou o jogo para o Grêmio. O zagueiro Betão se transformou, com seu erro crasso, no armador que o Grêmio não teve durante toda a partida. Ele deixou Kleber na frente do goleiro para marcar o gol da vitória. No mais, o Tricolor não teve chances de gol e até foi dominado pela Ponte. Faltou futebol, mas o resultado foi maravilhoso.

Cobertor

Dunga fechou o Inter e não levou gols. Jorge Henrique fez bem a função de marcação, Ygor esteve sempre à frente dos zagueiros, mas Wilians comprometeu erros de passes. Com essa postura do meio-campo e o bom desempenho de Alan, um jogo sem sustos contra o Coritiba. No entanto, faltou força no ataque. Só uma chance de gol desperdiçada por Gabriel. Os atacantes não conseguiram jogar. Um empate que tem duas características diferentes: pela campanha, ruim; pelo empate com o Coritiba lá, um ponto ganho.

Derrotas

Se não consegue ganhar, uma derrota e seis empates nos sete últimos jogos, o Inter também não perde. Ele e o Corinthians, adversário da quarta-feira, são os únicos que perderam só duas no Brasileirão. Perdeu para o Bahia, em Caxias do Sul, e para o Náutico, o lanterna, em Recife. Assim, com um jogo a menos, a possibilidade de recuperação não é ruim. Agora é contra o Corinthians. O diretor de futebol Marcelo Medeiros pede estádio lotado. Está na hora de a torcida ajudar. Se ganhar esse jogo, o Inter começa a se recuperar na competição.

É demais!

No clássico das maiores torcidas, no confronto entre Tite e Mano Menezes, deu o primeiro. De goleada. O Timão fez 4 a 0 no Mengão. O time de Tite passou boa parte do Brasileirão na zona de rebaixamento, mas depois se recuperou. O Corinthians tem na defesa a grande força. Quase não leva gols, o que significa dizer que dificilmente perderá. Esse é o time que vem para o Estádio do Vale medir forças contra o Inter.