Grêmio e Inter tem semana importante

Leia o post original por Pedro Ernesto

Depois da rodada de ontem, do Gauchão, Grêmio e Inter entram em uma semana extremamente importante. O Inter já está viajando para Belém do Pará, onde na quarta-feira estreia na Copa do Brasil, contra o Remo. O time terá que ser bem melhor do que foi nos jogos contra o Brasil-Pel e contra o São José. O Remo é da Quarta Divisão, mas promete casa cheia e ambiente muito desfavorável para o Inter. Chove há alguns dias em Belém e o estado do gramado do Mangueirão, segundo observadores colorados, é muito ruim. Não será fácil a tarefa.

O Grêmio, na Arena, recebe o Newell’s Old Boys. Não tenho dúvidas de que esse é adversário mais perigoso que o Tricolor tem pela frente no chamado Grupo da Morte da Libertadores. É importante ganhar porque depois serão dois jogos fora de casa. Os argentinos muitas vezes jogam melhor fora do que dentro do próprio estádio. Todo o cuidado é pouco.

Reservas

Não foi um grande jogo do time reserva do Inter, mas foi o suficiente para ganhar do Aimoré e contabilizar mais uma vitória no Gauchão. O melhor em campo foi Muriel, o que prova que o Colorado teve imensas dificuldades ao longo da partida.
Os outros destaques ficaram por conta de Eduardo Sasha e Wellington Paulista. Os dois participaram decididamente dos dois gols colorados. Ou marcando gol ou fazendo assistências. No momento em que se duvida dos titulares Jorge Henrique e Rafael Moura, essa é uma boa notícia para Abel Braga, que pode ter bons substitutos.

Semana importante

O TJD do Rio Grande do Sul não tem por característica punir fortemente os infratores. Foi assim quando D’Alessandro disse que o Inter foi roubado no Gre-Nal, foi assim quando torcedores do Grêmio atiraram dois rojões, no Alfredo Jaconi, em cima do goleiro Fernando, e também em outros casos menos explícitos.

Na quinta-feira tem o julgamento do caso de racismo envolvendo o Esportivo e o árbitro Márcio Chagas da Silva. A pressão da opinião pública é muito forte. Resta saber como vai se comportar o nosso tribunal nesse assunto polêmico. Ontem, o árbitro recebeu, em todos os jogos, muitas manifestações de solidariedade. Em Pelotas, por exemplo, foi aplaudido de pé pela torcida quando entrou no gramado da Boca do Lobo.