Leiloar o Sheik é falta de respeito!

Leia o post original por Neto

Emerson foi o herói da conquista da Libertadores de 2012

Emerson foi o herói da conquista da Libertadores de 2012

Elogios e críticas fazem parte de quem trabalha com o futebol. Sempre valorizei o trabalho da diretoria do Corinthians pelo planejamento quem fez entre 2011 e 2013, sobretudo no período em que o Tite foi treinador. Mas agora tem situações que não estão sendo bem conduzidas. Vejam o caso do Emerson Sheik. O cara jogou muito na conquista da Libertadores. Talvez tenha sido o principal jogador daquela campanha. Agora estão querendo espirrar ele para tudo quanto é lugar. Poxa vida! Fazer isso abertamente é uma tremenda falta de respeito.

Posso falar a verdade? Pra fazer isso era melhor ter liberado ele no término do último contrato, no meio do ano passado. Foram renovar por mais dois anos e se arrependeram? O que é isso? Futebol de várzea? Todo mundo sabe que o Mano Menezes não quer mais o cara no Corinthians. Pois então o trate com respeito e amarre algo positivo para sua saída. Ficar oferecendo ele para todo mundo é um absurdo. Já colocaram o Emerson no Vasco, no Grêmio e agora estão oferecendo para o Galo em uma troca com o André. Para vai!

É verdade que o Emerson está longe de viver sua melhor fase técnica. Está mal pra caramba, diga-se de passagem. Como atacante não faz um golzinho desde 31 de julho do ano passado. Muita coisa. Mas aos 35 anos ele mostra mais disposição que muito menininho de 18. Dá carrinho na lateral quando precisa. Portanto, repito, querem tirar o cara. Que façam. Mas é bom conduzir tudo com respeito e profissionalismo. Esse cara é ídolo e ajudou a construir uma história vitoriosa no clube.