“Abalado”, Elias deve processar Sporting para ficar livre

Leia o post original por blogdoboleiro

Eliseu Trindade, pai e empresário do meia Elias, perdeu a paciência e agora quer ir à justiça portuguesa para quebrar o vínculo do jogador com o Sporting de Lisboa.

Depois de ver frustrada a negociação com o Corinthians, por resistência do clube lisboeta, Eliseu deu uma entrevista à Rádio Renascença de Portugal onde afirma que foi enganado e que há algo de estranho e ilegal num contrato assinado entre Sporting e um fundo que tem a participação do empresário Jorge Mendes.

Este fundo viabilizou a compra dos direitos econômicos do ex-corintiano. Por outro lado, é ele que forçou o Sporting a recusar a proposta feita pelo Corinthians de 4 milhões de euros.

Eu tenho um acordo assinado que, caso abrisse mão de tudo e caso aparecesse uma proposta entre três e seis milhões de euros, o Elias seria vendido sem problemas. Já apareceram quatro propostas de quatro milhões e eles não venderam”, revelou Eliseu. “Não tenho mais confiança da direção do Sporting”, completou.

A janela do futebol brasileiro para a vinda de atletas estrangeiros está fechada. Elias queria atuar no Corinthians, até porque teria o comando do técnico Mano Menezes, com quem jogou o melhor futebol da carreira. No Sporting, o atleta está fora dos planos do treinador Leonardo Jardim. A indefinição vai levar o caso aos tribunais.

Vou conversar com os advogados e ver que caminhos podemos tomar. Se for necessário, vamos pela via litigiosa”, disse Eliseu. O pai revelou ainda que Elias está “abalado psicologicamente”. “Eu fui pressionado ao máximo para abrir mão de toda a dívida que o Sporting tem para com o Elias, algo em torno de 750 mil euros e até o salário de março. Nós cedemos e, mesmo assim, não foi suficiente para o Sporting fechar o acordo com o Corinthians”.

Eliseu levantou suspeita sobre o contrato que o clube de Portugal tem com o fundo de investimento. “Tem algo de errado. Aí tem coisa séria. É um caso de polícia”,afirmou.