Para conselheiros, Oswaldo de Oliveira deixou meninos da Vila desprotegidos

Leia o post original por Perrone

Uma declaração de Oswaldo de Oliveira incomodou a ala de conselheiros do Santos que tem como bandeira defender os jogadores das categorias de base.

Para esse grupo, o treinador deixou os novatos expostos ao dizer que eles “podem” ter sentido a pressão de disputar sua primeira final, na derrota contra o Ituano, na abertura da decisão do Campeonato Paulista. O técnico também afirmou que alguns jogadores, sem fazer diferença entre jovens e experientes, não renderam como vinham rendendo.

“Quer dizer que ele não tem responsabilidade e nem os boleiros [atletas mais velhos]? Se perder o título, serão os meninos que vão perder? É uma vergonha isso”, disse Celso Leite, conselheiro da oposição.

A reação é reflexo de uma constante divergência entre conselheiros que preferem jogadores da base e dirigentes que apostam em atletas caros, como Leandro Damião.