Apostas abertas: Quem será campeão? Quem vai cair?

Leia o post original por Mion

A realidade com ou sem dor

A realidade com ou sem dor

No final de semana começaram as Séries A e B do campeonato brasileiro. A largada deflagra avaliações sobre o potencial dos concorrentes e consequente previsões do futuro de cada um: quem pode ser campeão, classificado para Libertadores, Sul-Americana ou cair. Cada um tem sua visão e vale muito a intuição, principalmente esta, porque ninguém tem a menor ideia de como as equipes estarão em agosto. A janela será aberta após a Copa, alguns jogadores sairão e outros chegarão. Mesmo assim vale o exercício. Alerto que nos últimos anos não ocorreram grandes desmanches, o dinheiro anda muito curto tanto por aqui quanto na Europa. Os asiáticos ensaiam algumas investidas, mas tímidas. Então vou arriscar os meus palpites ou intuições atuais. Ressalto importância de ter opinião, dizer que há equilíbrio é muito fácil, assim como apontar 10 times com chance disto ou daquilo. Neste exercício vou apontar 5 candidatos ao título e Libertadores, e 5 que podem cair à Série B. PARTE DE CIMA – CRUZEIRO, INTERNACIONAL, SÃO PAULO, FLUMINENSE E CORINTHIANS São os melhores elencos contam com treinadores vencedores e possuem estrutura pra aguentar a caminhada pesada que é o Brasileirão. Dos 5, Cruzeiro e Inter coloco um pouco acima no momento. Além de time e reservas de qualidade, não enfrenta sérios problemas financeiros, pelo menos não se fala em salários atrasados. São Paulo e Corinthians estão no mesmo patamar, reestruturando os times, Muricy e Mano são matreiros, sabem montar times talhados para Brasileirão. O Timão com a meia-cancha formada por Ralf, Guilherme, Elias e Jádson, se encaixar, vai crescer no decorrer da disputa. Ocorre também com o São Paulo: entrosamento e adaptação de Pato, Ganso e Luis Fabiano podem fazer a diferença.   PARTE DEBAIXO – CHAPECOENSE, GOIÁS, CORITIBA, FIGUEIRENSE E PALMEIRAS Os cinco clubes têm algo em comum: elencos fracos e sérios problemas financeiros. Não dá para formar um time de qualidade de um dia para o outro, muito menos elenco. O Coxa tomou a atitude mais providencial, contratou Celso Roth especialista em montar sistemas defensivos altamente competentes. Aposta nisso para perder pouco e somar pontos suficientes para escapar. O que parece negativo, no final das contas pode ser salvador. Chapecoense e Figueirense são fracos demais. E o Palmeiras? Vejo com sérios problemas políticos e financeiros. Reconheço seria absurdo cair duas vezes em 3 anos, tanto que dos 5 considero o q menos tem chance de cair à Série B, mas no momento não dá para descartar esta possibilidade. E as maiores incógnitas? Atlético-MG (me parece um elenco cansado sem motivação), Grêmio (alterna momentos de lucidez com de dificuldades), Santos (jovens em busca de espaço, não sei se terá tempo de Osvaldo dar um padrão definitivo), Botafogo (no papel o elenco é ótimo, entretanto a parte financeira sempre derruba qualquer pretensão) e Flamengo (tem bom time para o carioca, mas no Brasileiro pode sofrer demais caso não invista). Hoje seria isto, porém estamos tratando de Brasileirão. Geralmente a realidade de hoje é a dúvida de amanhã, ou pior, uma grande ilusão.