Se não acertar com Palmeiras, Kardec já tem acordo com São Paulo

Leia o post original por blogdoboleiro

O acordo entre Alan Kardec e São Paulo já está fechado. O atacante só não mudará de clube se o Palmeiras conseguir convencê-lo com mais salário. Oficialmente, o Tricolor nega que tenha negociado com o jogador. Nesta sexta-feira, o presidente Carlos Miguel Aidar disse ao Blog do Boleiro que só vai falar com Kardec “se ele não tiver mais nenhum compromisso com o Palmeiras, aí o São Paulo vai falar com o Benfica e com ele”, disse.

Se Aidar não participou, o vice presidente Athaíde Gil Guerreiro e o gerente de futebol Gustavo Vieira entraram em contato com a Traffic, empresa que administra a carreira de Kardec. Foi através dela que o Benfica recebeu uma proposta de 4,5 milhões de euros pelo atacante. Ao mesmo tempo, a dupla de dirigentes tricolores costurou um acordo para contratar o atleta.

Enquanto o Palmeiras negociava com a família Kardec, pai e filho, Corinthians e São Paulo acenaram nos bastidores com o interesse. Falaram em salários. E os números ficaram muito mais próximos do que Alan pedia. Sem cláusula de produtividade.

O contrato de Kardec com o Palmeiras dura até 30 de junho. Os dirigentes palmeirenses ainda tentam um acordo. Se ele sair, o artilheiro do time pode até permanacer por mais tempo. Caso contrário, ele já tem um acordo firmado com outro clube: São Paulo.

E Aidar avisou: “Não vamos entrar em concorrência. Vamos esperar a definição do Kardec com o Palmeiras.