Inter é o favorito na Arena Pantanal

Leia o post original por Pedro Ernesto

Arena Pantanal com muita torcida gaúcha é um componente de luxo para o jogo do Inter na Copa do Brasil. Os boleiros admitem que se cria uma mobilização diferente em jogar num palco novo, moderno e que será usado na Copa do Mundo.

O time colorado vai com o que tem de melhor. Ernando no lugar de Juan que nem viajou dá toda a pinta de ensaio para uma titularidade permanente, especialmente depois da atuação do veterano jogador contra o Botafogo.

Por enquanto se fala em preservação, mas não será surpresa se a dupla de hoje acabar sendo efetivada num futuro próximo. Por mais que o adversário esteja empolgado, seja o dono de seu estado e respire também a ansiedade da casa nova, não há como evitar de prever vitória do time de Abel, até com possibilidade de classificação antecipada.

 

Em cana

Depois de ter sido identificado pelo clube e banido de seus jogos, o torcedor – e funcionário – do Villareal que jogou a banana em Daniel Alves já está se entendendo com a Justiça epanhola. Para não ir para a cadeia, pagou fiança, o que lá é possível. Assim é que se coíbe atos como o racismo. Tem que haver agilidade, algo bem diferente do que acontece por aqui. O caso de Bento Gonçalves teve como único punido até agora o Esportivo que se viu rebaixado e desmoralizado nacionalmente pela atitude de pessoas racistas que permanecem incógnitas.

 

Portuga

A Liga dos Campeões ainda não terminou, a Copa do Mundo nem começou e há todo o segundo semestre pela frente, mas Cristiano Ronaldo está mais soberano do que nunca como melhor do mundo. Num comparativo com o português, Messi, Neymar, Ibrahimovic e outras feras estão na largada e o gajo já deu uma volta.

Mas é claro que ainda há muita água para rolar. Principalmente a Copa do Mundo, da qual apenas Ibra estará fora.

 

É DEMAAAIIIS!

Os times de Madri foram inquestionáveis nas semi-finais da Liga dos Campeões da Europa. Real e Atlético patrolaram os adversários. A capital espanhola vive um momento absolutamente especial e justo, emprestando à portuguesa Lisboa o privilégio de sediar a decisão. Favorito não há, mas o cenário é perfeito para Cristiano Ronaldo brilhar.