NÃO NOS DEIXEM ESQUECER

Leia o post original por K.O.N.G

****

Não nos deixem esquecer daquele time que conquistou o maior título desse continente na base da raça. Na base da superação. Na base da fé. Não nos deixem esquecer as noites de glória, o sotaque castelhano incrédulo. Não nos deixem esquecer do coração batendo forte, quase saindo pela boca. Das viradas impossíveis, das defesas milagrosas. Não nos deixem esquecer, de jeito nenhum, daquele pé esquerdo aos 48 do segundo tempo.

Não nos deixem esquecer o que prometeram, tudo que falaram. Não nos deixem esquecer das juras de amor, do “tamo junto até o fim”.  Do choro no gramado. Da batida no braço gritando “aqui é Galo”.

Demos aos nossos filhos os nomes de vocês, tatuamos em nossa pele, fizemos loucuras… porque queremos lembrar disso tudo, pra sempre. Então, pelo amor de Deus… não nos deixem esquecer. Só depende de vocês.

Há menos de um ano vocês fizeram uma nação inteira chorar de alegria. Há menos de um ano vocês escreveram a história mais fantástica da Libertadores. Transformaram Belo Horizonte em Bagdá.

Hoje vocês carregam no peito o escudo mais idolatrado desse país. A camisa mais sagrada das Alterosas. O título de campeões da América. Lembrem-se do que representam.

Quanto a nós, estaremos lá, como sempre estivemos. Gritando para dar força. Infernizando a vida do adversário. Acreditando até o fim.

Porque uma vez Luan acreditou que era Usain Bolt. E fez um gol heróico.

Porque uma vez Riascos partiu para a cobrança. E Victor estava lá.

Porque uma vez Guilherme não teve medo de arriscar. E fez o gol da salvação.

Porque uma vez Leonardo Silva caiu na área. E se levantou para cabecear aquela bola.

Não nos deixem esquecer disso. Nunca.