Figueirense e a jornada da vergonha na série A

Leia o post original por diego simao

O Figueirense continua sua jornada da vergonha na série A. Com algum esforço perdeu para o Criciúma, lá no sul do estado.

Ainda teve quem, com coragem, comemorou a derrota. Sim, o discurso foi: “perdemos por menos”ou ainda classificou os jogadores como “guerreiros”. Tudo uma grande piada, e pior, que lembra o Avaí quando caiu pela última vez na série A.

Quanto ao jogo em si, pouco para comentar. Ficou visível a falta de vontade dos atletas, nenhuma melhora com a chegada de Guto Ferreira e por ai vai. A derrota veio pelo simples fato que o Figueirense conseguiu ser pior que o Criciúma. E olha que o time de lá é horrível.

Mas é fora de campo que o Figueirense vem demonstrando seu pior. A direção está perdida e simplesmente não consegue mostrar que vai resolver a situação.

Mais jogadores dão pinta que não permanecerão e estão pulando fora do barco. É o mais fácil para o jogador. Sai agora, vai para outro time e se reserva de toda bagunça que o alvinegro promete ser até o fim do ano. Problemas internos, rebaixamento e atraso de salários são previsões nada distantes, infelizmente.

Por outro lado, sobra cartola que anda falando demais em redes sociais. Parece estar mais preocupado em perseguir torcedor insatisfeito e taxar de corneta. Está sobrando muito tempo para ficar aporrinhando em redes sociais. DICA: usa esse tempo livre para procurar novos atletas para estes que saíram ou estão para sair. Deve ter pilha de DVD de atleta e jogo para ver, foca nisso querido!

E para piorar, começou o terrorismo do “presidente vai sair”. Nessa onda se aponta Wilfredo como o único que “pode pagar” alguma coisa no clube e por ai vai. Balela. Basta observar o balanço do Figueirense para ver que quem paga tudo é o clube.

Aliás, vale lembrar que a maior fonte de renda de 2013 foram os associados, os torcedores. Se é para ter alguma preocupação, é que o torcedor não fuja do clube, já o Wilfredo pode sair quando quiser.

A lógica que Wilfredo, Alliance, Participações ou qualquer outro magnata vai salvar o Figueirense sabemos que é ilusão. Não existe benevolência ou amor ao clube que leve alguém queimar milhões sem querer milhões ao quadrado de retorno. E olha que não é nada difícil averiguar que tem quem quase nada colocou no clube, ganhou muito em troca.

Sinceramente não é hora para terrorismo, não é hora de ficar no Facebook enchendo a paciência de torcedor. É hora de trabalhar e salvar o Figueirense de fazer a campanha mais vexatória de sua história na série A.

Importante

O torcedor é sócio por oito anos ou mais tem o direito de votar (e ser votado) nas próximas eleições do Figueirense. Entretanto, para ter esse direito, o torcedor deve se cadastrar na secretaria do clube até amanhã, dia 6 de maio. Fique atento e corra até a secretaria!

Abraço do Tainha