Mano está mais perdido que cego em tiroteio

Leia o post original por Neto

O treinador voltou a escalar Romarinho como titular

O treinador voltou a escalar Romarinho como titular

Acabei de saber que o Mano Menezes mudou pela milésima vez a equipe do Corinthians que vai enfrentar o Sport, na Ilha do Retiro, no próximo domingo. Ele voltou a escalar Romarinho no ataque ao lado de Paolo Guerrero, deixando novamente Renato Augusto como opção no banco de reservas. Colocou a culpa na falta de criação do meio-campo. Engraçado que ele já tinha tido a oportunidade de perceber o equívoco no clássico contra o São Paulo.

Não sei se ele está se sentindo pressionado ou não pelos recentes maus resultados, mas a verdade é que o treinador está demonstrando uma tremenda fragilidade em suas atitudes. Está perdidinho na maneira de pensar a equipe tecnicamente, mexe no time titular a toda a hora e usa como recurso uma baita de um retranca para ao menos perder de pouco. Algo que considero ridículo no meu ponto de vista.

Parando pra pensar o Mano está em péssima fase desde que saiu do Corinthians em 2010. Nunca mais conseguiu reconquistar a admiração do público e da mídia. Aliás, tem vivido até hoje do nome que construiu dirigindo o Grêmio e o Corinthians nas boas campanhas da Série B, o que convenhamos é muito pouco.

Tenho a nítida impressão que se o Mano não se reciclar e calçar as sandálias da humildade ele vai cair no ostracismo do futebol brasileiro. No Flamengo ele já tem a porta mais do que fechada pelo que andou fazendo por lá. Que coisa, hein?