Pitacos – Timão encosta no líder e Tricolor empata com gol ilegal

Leia o post original por Neto

pitacosRodada quente do Brasileirão! Na penúltima antes da parada pra Copa o Palmeiras perdeu sua segunda partida consecutiva. Dessa vez parou no Botafogo. Duas curiosidades: depois que a diretoria anunciou o técnico gringo que não gosta de verde o time não conseguiu mais vencer. E outra, ridículo o Lúcio ficar chamando o Sheik de gay dentro de campo. O zagueirão não consegue mais acompanhar os caras e está apelando. Que coisa, hein?

Mais cedo o Grêmio tropeçou com o empate contra o Sport e caiu um pouco na tabela. Já o Criciúma venceu e empurrou o Coritiba pra vice-lanterna do campeonato. Ainda no Sul do Brasil o Wellington Paulista fez dois gols e garantiu o Inter no G-4. Pior para o Chapecoense, que estacionou no Z-4. Aliás, esse resultado tirou o Goiás lá de cima, já que só empatou em casa com o Vitória.

Mais tarde o Corinthians jogou bem e venceu o líder Cruzeiro pelo placar magro de 1 a 0. Frangaço do Fábio no chute fraco do Guerrero. Aliás, o peruano depois que terminou o namoro está voando em campo. Pelo visto vem sobrando força na perna agora. Independente disso grande partida do Timão. Mas a Raposa ainda está na ponta da classificação, viu? Vamos respeitar!

Outro que estava lá na frente, o Fluminense, foi pra Minas e perdeu para o Atlético/MG. Por sinal o Galo tem um grande time. Só precisa assimilar rápido a saída da Libertadores e o presidente Kalil ficar tranqüilo. Chega de Twitter, vai! E o jogão entre Atlético/PR e São Paulo? Vixe Maria! Disputado até os últimos segundos e cheio de lances polêmicos. O árbitro apitou com o placar de 2 a 2. Mas aquele gol do Luís Fabiano foi mandrake demais. Ele deu um tapa na bola e o gol merecia ser anulado. Ou seja, o Furacão foi prejudicado. Mas fazer o que, né? O apito cada vez pior…