Treino da seleção tem atletas expostos a situações bizarras

Leia o post original por Perrone

Neste domingo, dia de visita dos familiares dos jogadores à Granja Comary, vi quase de tudo.

Vi Neymar e Bruna Marquezine namorando e sendo interrompidos por Carlos Alberto Parreira, que queria tirar foto com seus netos e o atacante.

Vi e ouvi uma moça que estava a trabalho dizer que invadiria o gramado pelada atrás de David Luiz. O beque empinava pipa com seu sobrinho, Abner, num dos gramados da Granja, no final da tarde. De tanto pedir, ela conseguiu tirar uma foto com o zagueiro.

Vi o auxiliar de preparação física da seleção, Anselmo Sbragia, participar do treino coletivo como jogador do time reserva.

Não vi o golaço de Hulk, porque estava tentando entrevistar a amada de Neymar.

Vi Felipão se irritar com o fraco desempenho da defesa do time titular, sem Tiago Silva, que cuida de um desequilíbrio muscular.

Vi jornalistas pedindo autógrafo e tirando fotos com jogadores.

Vi uma emissora de TV de Teresópolis abordar Willian no fim do dia, fora do horário destinado à imprensa, para pedir que ele mandasse uma mensagem para os moradores da cidade. O jogador atendeu ao pedido.

Vi muita festa e pouca blindagem aos jogadores.