Wi-fi mais lento fazem palmeirenses “alugarem” corintianos

Leia o post original por blogdoboleiro

Os palmeirenses não aguentaram. Descobriram mais uma maneira de provocar os corintianos.

Primeiro, souberam que a Arena Corinthians (como querem os dirigentes mosqueteiros) ou Itaquerão, estádio que será palco da abertura da Copa do Mundo, não terá uma rede wi-fi instalada até 12 de junho, quando Brasil e Croácia vão se enfrentar.

Na prática, os torcedores que forem ao pontapé inicial do Mundial terão dificuldade para transmitir fotos e vídeos. Segundo Eduardo Levy, presidente do SindiTelebrasil, vai haver demora por falta de uma boa cobertura nos vestiários, hall de entradas e mesmo nas arquibancadas. A capacidade de conexões simultâneas será menor.

E, nesta quarta-feira, o gerente de tecnologia do Allianz Parque, novo estádio do Palmeiras, garantiu que lá vai ter wi-fi para garantir bom sinal até com casa cheia (43.603 pessoas).

Foi o suficiente para que a nota publicada passasse a circular nos sites palestrinos. E não interessa que a Arena Corinthians esteja na mesma situação que outros cinco estádios: em Natal (RN), Curitiba (PR), Pernambuco, Fortaleza e o Mineirão, em Belo Horizonte.  

Veja a nota abaixo:

Acesso à internet não será problema no Allianz Parque

  

Gerente de tecnologia do novo estádio diz que rede Wi-Fi poderá será usada simultaneamente por 43 mil pessoas.

 

Problema em quase todos estádios brasileiros, o uso de internet não deverá causar transtorno ao torcedor que frequentar o Allianz Parque, e isso graças a uma moderna rede Wi-Fi.

Em entrevista ao site da Fox Sports, Eduardo Rigotto, gerente de tecnologia da nova casa Palmeirense, deu detalhes do projeto de internet, que promete suportar o uso simultâneo de até 43.603 mil pessoas, a capacidade total do estádio.

"São 125 caixas com quatro antenas em cada uma, totalizando 500 antenas no estádio. Cada setor da arquibancada terá uma série de antenas, com isso, os celulares das pessoas que estão em um determinado setor reconhecerão o sinal apenas de uma determinada antena, não sobrecarregando o sistema e deixando o Wi-Fi livre também para as outras pessoas" disse Rigotto.

Com uma rede Wi-Fi de qualidade, o uso de dados 3G e 4G também funcionaria sem problemas: "É melhor para as empresas que os torcedores utilizem o nosso Wi-Fi, sendo assim, a rede de dados fica menos congestionada e é mais simples de ligar e utilizar a função mais simples do celular para se comunicar com outras pessoas" completou.

As antenas citadas por Eduardo já foram instaladas no Allianz Parque, que está 90% concluído. A WTorre promete entregar o estádio no próximo mês, mas o Palmeiras trabalha com a possibilidade de inaugurar a nova casa apenas em agosto.