Cumprindo o papel que Deus me deu

Leia o post original por Neto

Tem muita gente que me critica e me chama de clubista pela identificação que tenho com o Corinthians. Por mais que me esforce em meus comentários para ser imparcial, isso sempre aconteceu. Nunca vai mudar. Mas querem saber? Não estou nem aí. Esse foi um dos papeis que Deus me deu e tenho orgulho disso. Me tornou ídolo de um dos maiores clubes do País. Se não for o maior. Portanto ao invés de me afastar disso, como muitos letrados escondem o time que torce, procuro sempre valorizar (veja vídeo abaixo). Afinal se não fosse o Timão eu não seria nada na vida. E podem continuar cornetando. Isso só me fortalece.