Até agora não entendi a ingenuidade de Felipão

Leia o post original por Vitor Birner

De Vitor Birner

As pessoas estão discutindo pouco o óbvio sobre a goleada que o Brasil sofreu.

Uma coisa é perder, o que podia acontecer até com a seleção fazendo o necessário ara enfrentar a Alemanha.

Outra é sofrer a goleada tão grande.

Não foram os minutos de pane os principais responsáveis, e nem as ausências de Neymar ou a de Thiago Silva, o desfalque mais sentido na semifinal.

O erro primário na proposta de jogo, quase ingênuo, que não combina com o vencedor e catimbeiro Felipão, e a recusa de trocar a escalação por causa da política de gestão do elenco redundaram no vexame.

Beabá do futebol. Lição de casa. Sem segredos.

O Brasil foi extremamente infantil na parte tática.

A explicação no vídeo é clara.

Aviso

A moderação de comentários será normalizada entre a noite de hoje e amanhã.