Onde o Flamengo quer parar?

Leia o post original por Neto

Luxa e sua comissão técnica de volta ao Flamengo

Luxa e sua comissão técnica de volta ao Flamengo

O Flamengo está atravessando uma das piores crises de sua história. Lanterna do Brasileirão com apenas 7 pontos conquistados em 11 rodadas, a diretoria resolveu dar uma chacoalhada no elenco. Pra isso demitiu o Ney Franco, que tinha acabado de contratar, para ressuscitar o até então desempregado Vanderlei Luxemburgo. Falando francamente sempre achei o Luxa um dos melhores técnicos do mundo. Taticamente poucos entendem e sabem trabalhar uma equipe como ele. Mas infelizmente em algum momento da carreira ele se perdeu. Até por vaidade de ser esse tal de ‘manager’ que tanto é exaltado no futebol europeu.

A verdade é que não sei se essa era a melhor hora de contratar um cara como o Luxemburgo. Nunca enxerguei ele como bombeiro. Ou seja, nunca foi de ficar apagando incêndio e livrando clubes de rebaixamento. Ele é bom (ou pelo menos ERA!) no planejamento e execução. Foi assim que brilhou em grandes como Palmeiras, Corinthians, Santos e Cruzeiro. Só que de alguns bons anos para cá o ‘pofexô’ caiu no ostracismo e nunca mais fez um trabalho consistente. Daqueles de arrancar elogios. Acho um risco grande a direção do Flamengo gastar uma grana nele nesse momento turbulento. Pode ser um tiro no pé.

Só que pelo visto o Flamengo não aprende mesmo. Agora estão falando que o Luxa quer o Robinho, que uma vez pede quase R$ 1 milhão por mês para um acerto. Isso só pode ser piada, né? O clube passando por uma draga monstruosa e os caras querem cometer essa loucura? Que isso! Uma vez ouvi o presidente Eduardo Bandeira de Mello dizendo que na administração dele nenhuma insanidade financeira seria cometida. Espero que cumpra a promessa. Porque se isso não for uma grande maluquice então me dê uma camisa de força que eu preciso ser internado.

Por mais que existam parceiros econômicos envolvidos nenhum funcionário do Brasil pode ganhar sozinho R$ 1 milhão por mês em uma empresa séria. Isso é falência iminente. Se forem no embalo do novo treinador a Série B será questão de tempo para chegar na Gávea.