Palmeiras vence na Copa do Brasil e Agustín Allione surge como esperança

Leia o post original por Flavio Canuto

allione_globo

Outro jogo feio, mas pelo menos o resultado desta vez foi bom, o Palmeiras venceu nesta quarta-feira a equipe do Avaí pelo placar de 1 a 0. O resultado confirmou a classificação do Verdão para as oitavas de final da Copa do Brasil 2014

Um sorteio deverá definir o nosso adversário próximo adversário no torneio, o único que temos chances de vencer nesta temporada.

A primeira etapa foi um retrato bem claro do momento atual das duas equipes, com direito a muitos passes errados, várias faltas (algumas não marcadas pelo juiz) e raríssimas oportunidades de gol. O horário das 19:30 é o ideal para esse tipo de jogo, pois ninguém tem sono a esta hora.

Logo aos 4 minutos, o time catarinense assustou com Wilker aparecendo livre, mas felizmente chutando para fora. Aos 10 minutos, foi a vez de Allione realizar bela jogada e finalizar para fora. O meia argentino foi o melhor em campo e se tiver alguém para jogar ao seu lado pode se tornar um dos destaques do time. Vamos aguardar e acreditar.

O cada vez mais irresponsável Leandro perdeu o gol mais feito da partida até então, aos 29 minutos, com finalização bisonha. O atacante recebeu um ótimo cruzamento e, sozinho na área, tentou bater de primeira e mandou a bola no tobogã do Pacaembu.

A nota negativa ficou por conta da arbitragem, que se recusou a ver pelo menos três faltas claras em Allione, que se tornou o alvo principal da zaga do Avaí. Quer apostar que no domingo, contra o Atlético-MG, vai ser a mesma coisa? A temporada de caça está aberta.

gareca_avai

Para a segunda etapa, as equipes voltaram sem alterações, a qualidade do futebol continuou ruim, mas o Palmeiras ao menos criou um pouco mais. Allione aos 5 minutos, Leandro aos 9 minutos e Henrique aos 12 minutos tiveram boas oportunidades, mas a bola nem chegou perto de entrar no gol adversário.

É impressionante a falta de pontaria dos nossos atacantes. Henrique está claramente ansioso para marcar mais gols e garantir o seu espaço, mas está difícil. Ou chega logo um cara pra resolver lá na frente ou vamos sofrer muito, mas muito mesmo, no Brasileirão.

Com a entrada de Pablo Mouche aos 22 minutos na vaga de Leandro, o Verdão conseguiu boa oportunidade logo aos 23 minutos, quando o argentino chutou forte de fora da área, o goleiro espalmou e Felipe Menezes não soube aproveitar o bom rebote que lhe caiu à frente. Aos 27 minutos, foi Wesley quem chutou, mas para fora.

Impossível não comentar a enorme vaia que o Leandro recebeu dos 7 mil torcedores presentes no estádio. Com a contusão de Diogo e a demora para a chegada de outro atacante, ele está tendo todas as chances para reconquistar o apoio da torcida, mas ele caprichosamente desperdiça cada uma delas. Nas entrevistas, ele ainda diz que está bem. Então tá.

mouch_gol_

Aos 31 minutos, os heróis que compareceram ao Pacaembu puderam gritar gol. Após cobrança de lateral mal rebatida pela zaga catarinense, Pablo Mouche finalizou sem chances para Vagner, fazendo seu primeiro gol com o manto sagrado alviverde.

Seria o gol da vitória do time da casa e que foi muito comemorado pelo argentino.

Até o fim da partida, o festival de erros de passes e finalizações continuou. Seja como for, ao menos o Palmeiras conquistou mais uma vitória na era Ricardo Gareca, e segue na Copa do Brasil. Há uma luz no fim do túnel.

Tomara que o resultado dê mais segurança ao time e que a diretoria se apresse para trazer mais reforços. Com esse time do jeito que está, o Brasileirão 2014 será um martírio para nós até a última partida.

Você também pode me seguir no Twitter ou Facebook…e vale a pena!

Abraço a todos!