Pedro Ernesto: o Gre-Nal vale muito mais do que três pontos

Leia o post original por Luciane Bemfica

Indefinições
Sobraram mistérios, despistes, entrevistas longas dos treinadores sem nada acrescentar. Foi um verdadeiro “enrolaition”. Quando o técnico não diz alguma coisa, a gente desconfia também. Não tem saída. O Gre-Nal vale muito mais do que os três pontos que são duramente disputados. Este é, historicamente, um jogo que vale para o prestígio do treinador, dos jogadores, da disputa eleitoral dos clubes.
Quem perde Gre-Nais tem dificuldades para se relegar ou eleger o candidato por ele indicado. O torcedor fica obrigado a ouvir seu amigo ou colega de trabalho com gozações nem sempre agradáveis. Perder não significa perder um jogo qualquer. Ganhar também não. E o jogo não termina no apito final do árbitro. Este é um duelo que tem desdobramentos que se prolongam por tempo indeterminado.

Importância

00a37237
O Gre-Nal é um jogo importante para todos. Mas este, especialmente para Felipão e Fábio Koff. O treinador viveu nesta sexta-feira o aniversário de um mês da fantástica goleada que ele sofreu da Alemanha com a Seleção. Foi sua pior atividade profissional. Para Fábio Koff, o jogo é a penúltima oportunidade de vitória em clássicos na sua nova gestão. Para um dirigente vitorioso como ele, isso deve estar incomodando bastante.

Abraço
Luiz Felipe foi abraçado pelo Grêmio e sua torcida no momento mais complicado da vida profissional. Isso foi lembrado por Abel Braga na entrevista coletiva de ontem. E Luiz Felipe Scolari é a maior de todas as atrações do clássico.
Ele valoriza o jogo, mas, é certo, deverá ter um desempenho muito melhor do que aquilo que conseguiu com a Seleção Brasileira na Copa. O abraço do torcedor representa um grande incentivo. O Grêmio deposita no seu trabalho uma grande esperança.

De menos
Confesso que vibrei muito com o Novo Hamburgo, que se habilitou no campo para as oitavas de final da Copa do Brasil. Vi na tevê uma grande festa dos jogadores com a classificação sobre o ABC. Só que um erro administrativo puniu o clube com sua eliminação. Uma pena dura, mas justa. Um jogador sem contrato não pode entrar em campo. Nas competições esportivas e em qualquer atividade, existem premissas de regulamentos que precisam ser atendidas.

Deaaammmmiiiisss
Robinho teve sua liberação de jogo confirmada pela CBF e deve fazer sua estreia contra o Corinthians, para quem nunca perdeu. Robinho vai valorizar o Brasileirão. Muita gente entende que Felipão errou ao não convocá-lo para a Copa do Mundo. É grande jogador, que vai fazer o Santos candidato ao título brasileiro.