Dudu, tio de Dorival Jr, espera “guinada geral” no Palmeiras

Leia o post original por blogdoboleiro

Dudu, ex-jogador e ídolo do Palmeiras, disse nesta quarta-feira o que espera da atuação do sobrinho Dorival Júnior no comando do time palmeirense: “Ele tem que pegar o Palmeiras e dar uma guinada geral em tudo aquilo que vinha sendo feito. Ele precisa dar confiança aos jogadores para voltar a vencer e ter confiança”, disse.

O conselho veio com uma ressalva: “Eu não gosto de entrar nesta particularidade por que o Júnior já é um treinador rodado e muito capaz. Ele sabe o que faz”, afirmou o ex-jogador que – como Dorival Júnior – jogou como volante no Palmeiras e também foi técnico da equipe.

Em 1976, quando parou de jogar, Dudu trabalhou como auxiliar do técnico Dino Sani. Com a saída dele, o ídolo de duas Academias palmeirenses, foi convidado para dirigir o time. Acabou campeão paulista de 1976, com uma equipe que tinha Ademir da Guia e Jorge Mendonça. “Dei sorte. Era bokm time e fui campeão”, disse.

Hoje, Duda acha que Dorival Júnior (filho da irmã Odisseia, que já faleceu, com o cunhado Dorival Silvestre), tem um trabalho bem mais difícil pela frente. “As condições que ele terá são diferentes das que eu tive. Ele vai encontrar muita dificuldade”, avaliou.

A família em São Paulo ficou feliz com a contratação de Dorival Júnior. A tia Maria Helena, esposa de Dudu, disse que o sobrinho “é um bom menino, muito competente e vai dar tudo certo com ele”. Dudu foi mais longe: “Estamos vibrando para que dê tudo certo com o Júnior. Ele vai levar o Palmeiras a fazer uma boa figura no Brasileiro”, falou.

Mas a presença de Dorival Júnior, que é palmeirense desde criança, não será suficiente para fazer Dudu voltar a torcer pelo Palmeiras ao vivo nos estádios. O ídolo deixou de frequentar os campos por causa da violência da torcida. “Tinha muita briga. Faz tempo que não vou ao estádio. Nem quero ir. Vou torcer pelo Júnior em casa, mais tranquilo”.