Renascido da reserva

Leia o post original por Neto

Danilo foi fundamental para a vitória corintiana no clássico de domingo

Danilo foi fundamental para a vitória corintiana no clássico de domingo

É impressionante como alguns jogadores precisam de marketing pessoal para serem notados. Muitas vezes até pelo próprio treinador do time. Vejam o caso do meia Danilo do Corinthians. Sempre foi um cara extremamente profissional e bom de bola. Mas o jeito caladão depõe contra ele. É verdade que demorou pra conquistar espaço no clube, mas quando conseguiu foi um dos principais nomes do Timão nas conquistas recentes, entre elas da Libertadores e do Mundial de Clubes.

Mas Danilo perdeu espaço com a troca de comando e a necessidade de renovação passada pela diretoria ao novo técnico. Nunca reclamou. Só que da dificuldade esse rapaz deu mais uma prova da qualidade. No clássico do último domingo diante do São Paulo, sem poder escalar Petros, suspenso, e Elias, doente, o Mano Menezes se viu obrigado a armar um esquema com o Danilo. E quem acompanhou a partida viu que foi um sucesso. Além de cadenciar a partida e ajudar na armação, ele foi o arquiteto da jogada do gol da vitória corintiana. Uma tabela com o Guerrero no estilo futsal. Deixou o camisa 9 na cara do goleiro Dênis para finalizar com tranquilidade.

Danilo está com 35 anos, mas parece ainda ter lenha pra queimar. Se o Mano for inteligente vai utilizá-lo mais. Tenho a impressão que com ele a equipe ganha mais variações de jogadas. E de pensar que pouca gente lembrava dele. Estava esquecido no banco de reservas. Que coisa, viu!