Real Madrid x Barcelona, volta de Suárez, Corinthians x Palmeiras e as missões de Flamengo e Botafogo foram os assuntos da minha coluna no Lance

Leia o post original por Vitor Birner

De Vitor Birner

O texto abaixo é a reprodução de minha coluna de hoje no Lance.

O jornal foi para a gráfica ontem.

Por isso, o post foi escrito um dia antes dos jogos e têm as minhas opiniões antes de acontecerem.

Melhor jogador da última temporada volta ao futebol no maior clássico do mundo

Luis Enrique não garantiu Suárez entre os titulares contra o Real Madrid, mas confirmou a participação dele no maior clássico do mundo na atualidade.

O atacante foi o melhor jogador da última temporada.

O futebol do Liverpool, após a saída de Luisito e chegada de Balotelli, despencou.

O do Barcelona tende a crescer com a presença do protagonista da folclórica mordida em Chiellini.

Ele pode agregar virtudes ao forte sistema ofensivo catalão.

Gosta do contato físico com os zagueiros, ao contrário dos refinados Neymar e Messi.

Joga com mais intensidade e garra que que os dois e elevará o nível da equipe, pois é superior ao Pedro (atua do lado direito), maior candidato a sair para a formação trio de frente sul-americano.

O Barça deve ficar mais técnico, competitivo e cascudo quando adquirir entrosamento.

O treinador pode escalar Suárez como centroavante, recuar um pouco o Messi e pedir ao argentino para atuar do centro para a direita, além de continuar com Neymar na esquerda, ou simplesmente posicionar o o uruguaio e o brasileiro pelos lados e deixar o argentino entre eles no 4-3-3.

Iniesta afirmou que a proposta de jogo da equipe não mudará.

Carlo Ancelotti cogitou a hipótese de mexer no Madrid.

Deve estar preocupado com a piora da marcação do meio-campo após as saídas Xabi Alonso e Di María, e chegadas de Kroos e James.

Khedira participou dos 15 minutos finais da última partida e, se o comandante confiar na recuperação do volante, talvez o utilize.

Outra opção é abrir mão do 4-4-2 e armar o 4-2-3-1 para fortalecer a pressão na saída de bola, pois o duelo será no Santiago Bernabeu, e a proteção aos laterais.

A presença de Sergio Ramos fortalece as jogadas aéreas ofensivas e Ancelotti trabalhará para seus comandados conseguirem faltas e escanteios.

Espero um clássico com gols de ambas as agremiações.

O Barcelona ainda não sofreu nenhum no campeonato espanhol.

Redenção

O futebol mostrado por Palmeiras e Corinthians nas últimas semanas sugere um dérbi imprevisível.

O time de Mano costuma jogar melhor os clássicos e precisa amenizar a ira da torcida por causa da eliminação na Copa do Brasil.

O Alviverde tem a chance de diminuir a a dívida com a nação palestrina no frustrante ano do centenário.

Metas

Futebol vive de rivalidade.

A maior motivação do Flamengo nesta rodada tem que ser o rebaixamento do Botafogo.

O Rubro-Negro não cairá ou entrará na zona de classificação para a Libertadores.

Se perder, o elenco do rival ganhará moral, um pouco de tranquilidade e talvez força para escapar dos erros da própria diretoria que o empurram para a Série B.