Osório perde 100% que herdou no Morumbi

Leia o post original por Fernando Sampaio

rib5426_3O São Paulo perdeu dois pontos em casa.

Não teve competência para segurar a vitória.

Perdeu a liderança jogando como mandante.

O primeiro tempo foi arrastado, o São Paulo exagerou nos passes laterais, faltou pegada, teve posse de bola mas criou apenas três oportunidades. Aos 14′, Souza teve a primeira chance. Aos 24′, Pato marcou, gol anulado. Aos 27′, Vagner saiu mal, Ganso quase marcou. O Avaí, mesmo retrancado, teve duas oportunidades, uma claríssima.

Para quem busca título brasileiro, jogando em casa contra uma equipe modesta, foi muito pouco.

No segundo tempo Gilson Kleina ganhou o duelo tático do Osório.

O São Paulo voltou ligado, pressionando. Aos 3′, Michel Bastos soltou a bomba, Vagner fez uma defesa espetacular. Aos 9′, Sousa abriu o placar. O jogo parecia resolvido. Parecia. Kleina mexeu bem, colocou André Lima e Rômulo. Osório colocou Edson Silva. Estava preocupado com a bola aérea. Foi mal. O Tricolor piorou e passou a ser dominado.

O Avaí passou a ter o domínio do jogo, pressionou, Renan Ribeiro trabalhou bastante e foi garantindo o resultado. Apesar da avenida no contra-ataque Centurión continuou no banco. Quando entrou, entrou no lugar do Pato. As duas substituições do Osório atraíram o Avaí, o time catarinense aumentou o domínio, quase levou o segundo no contra-ataque, e no final empatou.

Osório não fez uma boa estreia no Morumbi.

Contra o Grêmio, escalação e alterações ainda eram do Milton Cruz.

O São Paulo perdeu a liderança.

O Avaí conseguiu mais um ponto importante fora de casa.

 

Share This: