Palmeiras vence bem

Leia o post original por Flavio Prado

Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press

O Palmeiras conquistou uma vitória tranquila contra a Ferroviária. Destaque para Borja, o colombiano entrou no segundo tempo e marcou pela primeira vez no novo clube.

A derrota no clássico contra o Corinthians deixou o ambiente mais pesado ou pelo menos aumentou o som das cornetas prematuras em cima de Eduardo Baptista.

O futebol é coletivo, o tempo é necessário para que as peças se encaixem, ainda mais em um time que é cobrado para ganhar e dar espetáculo, mas as coisas não acontecem de uma hora para a outra.

O time está mais modificado do que o esperado. Eduardo não conta com três peças fundamentais na conquista do título brasileiro. Destas peças, ele sabia que não contaria com Gabriel Jesus, mas contava com Tchê-Tchê e Moisés que estão lesionados.

No jogo coletivo, isso não significa uma simples mudança de peças. Os jogadores tem características diferentes, as peças precisam se encaixar, os movimentos devem acontecer de forma natural e isso leva tempo.