Só o sócio salva

Leia o post original por Odir Cunha

Meus caras e minhas caras, vamos passar a vida inteira discutindo assuntos relativos ao nosso querido Santos, mas sabemos que o que interessa mesmo é colocarmos o Glorioso Alvinegro Praiano na reta da prosperidade e do sucesso que ele merece. E para isso, não que jogos como o de ontem, na boa vitória sobre o São Caetano, não sejam importantes, mas o mais relevante mesmo é termos um plano para multiplicar todos os números relativos ao Santos até tornar o time e o clube aquilo que sonhamos.

Quanto ao jogo, gostei. Não foi feio, nem retrancado. O São Caetano também se expôs, buscou a vitória, mas o Santos foi mais desenvolto, mais harmônico, melhor. Sinto que aos poucos o técnico Jair Ventura vai sabendo como tirar o máximo de cada jogador. É impossível não perceber a evolução de Daniel Guedes, que não permite uma avenida pelo seu setor e ainda apoia muito bem.

É impossível também não perceber que o ataque se afina a cada partida. Os rápidos Sasha e Gabigol começam a se entender, deslocando-se continuamente pela defesa adversária. E Lucas Veríssimo continua tão bom como sempre, dominado o jogo aéreo tanto na defesa como no ataque. Ele e Gabriel marcaram os gols santistas, em uma noite de pouco público, mas de muito otimismo.

Vitórias sempre fazem bem à alma e imagino desde já o que um triunfo no clássico contra o Corinthians, dia 4 de março, no Pacaembu, não fará para a autoestima do santista. Será mais um jogo histórico entre os dois rivais, em que pela primeira vez o Santos mandará o clássico alvinegro no Pacaembu. Para viver essa emoção, garanta o seu ingresso desde já clicando aqui.

Sócios, o caminho para a maior grandeza

Sim, o Santos pode chegar a 100, 200, 300 mil sócios e, se conseguir isso, todas as portas da fortuna e da felicidade se abrirão. Teremos estádios lotados em Santos ou São Paulo, cotas maiores de patrocínio e da tevê, com isso contrataremos mais jogadores gabaritados, testemunharemos o aumento de nossa torcida e, enfim, mergulharemos o Santos em um círculo virtuoso que não mais retornará ao passado de dívidas, carências e estádios vazios.

O bom desse plano é que só depende de nós, ou melhor, só depende de cada santista. Se em cada 30 torcedores do Santos, apenas um se associar ao clube, daremos o passo definitivo para um futuro irreversível. E não se preocupe porque desta vez você terá recompensas e benefícios, além de poder atuar diretamente na vida do Santos de qualquer lugar do planeta.

Associe-se e cobre o clube com mais força, faça valer a sua voz. Como eu disse certa vez, o santista precisa se conscientizar de que o verdadeiro torcedor é aquele que NASCE, CRESCE, FICA SÓCIO E MORRE.