Telê é o único brasileiro entre os 50 melhores técnicos da história!

Leia o post original por Milton Neves

Do Blog do Marcondes Brito (CLIQUE AQUI E CONHEÇA)

Responsável por premiar o melhor jogador de futebol da temporada com a “Bola de Ouro”, a revista “France Football” resolveu fazer uma lista dos 50 técnicos mais relevantes da história do futebol.

Bicampeão da Libertadores e do Mundial pelo São Paulo, Telê Santana é o único brasileiro na relação.

Também comandante do Brasil nas Copas de 82 e 86, o treinador está na 35ª posição, atrás de nomes como Zinedine Zidane (22) e Jurgën Klopp (27) e na frente de Marcelo Bielsa (48) e Antonio Conte (49), por exemplo.

Confira o ranking completo:

1. Rinus Michels (Holanda)
2. Alex Ferguson (Escócia)
3. Arrigo Sacchi (Itália)
4. Johan Cruyff (Holanda)
5. Pep Guardiola (Espanha)
6. Valeriy Lobanovskiy (Ucrãnia)
7. Helenio Herrera (França/Argentina)
8. Carlo Ancelotti (Itália)
9. Ernst Happel (Áustria)
10. Bill Shankly (Escócia)
11. Matt Busby (Escócia)
12. Giovanni Trapattoni (Itália)
13. José Mourinho (Portugal)
14. Miguel Muñoz (Espanha)
15. Brian Clough (Inglaterra)
16. Marcello Lippi (Itália)
17. Nereo Rocco (Itália)
18. Louis Van Gaal (Holanda)
19. Ottmar Hitzfeld (Alemanha)
20. Béla Guttmann (Hungria)
21. Fábio Capello (Itália)
22. Zinedine Zidane (França)
23. Viktor Maslov (Rússia)
24. Herbert Chapman (Inglaterra)
25. Jupp Heynckes (Alemanha)
26. Bob Paisley (Inglaterra)
27. Jürgen Klopp (Alemanha)
28. Albert Batteux (França)
29. Guus Hiddink (Holanda)
30. Udo Lattek (Alemanha)
31. Diego Simeone (Argentina)
32. Arséne Wenger (França)
33. Vicente Del Bosque (Espanha)
34. Jock Stein (Escócia)
35. Telê Santana (Brasil)
36. Vic Buckingham (Inglaterra)
37. Rafa Benítez (Espanha)
38. Hennes Weisweiler (Alemanha)
39. Bobby Robson (Inglaterra)
40. Dettmar Cramer (Alemanha)
41. Mircea Lucescu (Romênia)
42. Tomislav Ivic (Croácia)
43. Stefan Kovacs (Romênia)
44. Luís Aragonés (Espanha)
45. Frank Rijkaard (Holanda)
46. Otto Rehhagel (Alemanha)
47. Raymond Goethals (Bélgica)
48. Marcelo Bielsa (Argentina)
49. Antonio Conte (Itália)
50. Jean-Claude Suaudeau (França)

E aí, concorda com a lista?

Ou acha que faltou algum nome?

Opine!