Erro muito. E todos nós estamos errando demais ao escancarar tudo.

Leia o post original por Mauro Beting

Sem mais. Esse é o Casão. E não e mansão. É nosso lar. Parabéns, @wcasagrandejr. Estamos todos muito errados na mídia quando damos mais bola à galhofa, desrespeito e falta de educação. O torcedor brasileiro pode sacanear. Como eu fiz silêncio na transmissão do sábado passado. Mas não podemos baixar pro nível abissal e dar voz e vez a isso tudo quando o deboche institucional é contra apenas uma pessoa física. Ainda mais contra um cara íntegro como Sidão. E mesmo se não fosse.

Criticar é essencial. Baixar o porrete, não.

Bastava fechar a votação parcial pela internet. Quantas vezes a TV – QUALQUER UMA – não esconde o jogo? Quantas vezes não inflamamos – TODOS NÓS – a discussão? Estamos todos errados. Quando o Kudela tcheco ganhou já havia sido dado o toque.

A voz do povo foi a voz do Diabo. E nós abraçamos o Tinhoso em nome dos clicks.

Damos mais bola aos índices de audiência que aos indícios de humanidade. Mais atenção aos índices que à audiência.

O pior em campo fomos nós. Todos nós. Mostramos o que não devemos e não respeitamos pessoas e profissionais. Jornalismo não pode ser só oposição. Porrada. Pedrada. É buscar a melhor versão possível dos fatos. Na marra, não na marreta. Subir no muro para ver o outro lado. Sobretudo o humano. Vou “passar cada vez mais pano” nas críticas. Até pra tentar limpar a área e os cacos.

Meus sentimentos a todos nós.

Erramos demais quando mostramos o que devemos e sobretudo o que não podemos. TODOS NÓS. Eu também, e muitas vezes. Até quando tento apenas fazer jornalismo. E mais ainda quando brincamos de entretenimento jornalístico.