Tiago Nunes. Ou Sylvinho.

Leia o post original por Mauro Beting

O texto de sexta falava do que não vinha rolando com Carille. Da cabeça que rolou depois do atropelamento final desse Flamengo que mudou de técnico no meio do ano e está sendo muito mais feliz do que a encomenda.

Não parece haver tempo hábil para uma guinada para que o Corinthians volte ao G4. Zona de Libertadores, ainda mais se der Flamengo contra o River, não se pode descartar. Está no páreo, embora esteja muito distante do futebol.

Mas agora é pensar em 2020 e adiante.

Tiago Nunes é o meu nome. Seco. A questão é fazer não que ele aceite vir ao Corinthians. Quem não gostaria? O problema é deixar o Athletico. Baita trabalho e lugar para tanto.

Sylvinho entende demais de futebol e Corinthians. Não sei se pra agora. Seria meu segundo nome.

Quem assumiria até o final do ano em condição de ainda brigar pela mais do que necessária Libertadores?

Fabinho e Coelho se prepararam bastante para a função. Mas não sei se já estão preparados para assumir a bucha. Ainda mais em momento de pressão.

Enfim, insistindo, eu e quem precisa saber não sabemos o que fazer.