Cirúrgico Abel por Jesus e atrasado Felipão por Mano!

Leia o post original por Milton Neves

Fotos: Alexandre Vidal/Flamengo e Cesar Greco/Palmeiras

Foi uma troca muito questionada na época.

Inclusive por mim.

Verdadeiramente, não achei justa a demissão de Abel Braga em maio deste ano.

E também não botava muita fé no treinador português que flertou com Vasco da Gama e Atlético-MG no primeiro semestre de 2019.

Mas, claro, agora não é possível negar o óbvio.

O Flamengo realmente acertou em cheio na contratação de Jorge Jesus, que tem números “assustadores” no comando técnico do Rubro-Negro.

Mas saibam que, além de tudo, o clube da Gávea contou com certa dose de sorte no Brasileirão deste ano.

É que, se o Palmeiras não tivesse esperado tanto para promover a troca de Luiz Felipe Scolari, de números pífios, por Mano Menezes, o título certamente ainda estaria indefinido.

Mano, no tempo disponível, fez o que pôde e, com ele, o Verdão teve “campanha de campeão”.

Ou seja, venceu o Brasileiro deste ano o clube que percebeu mais rapidamente a necessidade de mudança em seu comando técnico.

Mais um golaço da nova e ótima diretoria do Flamengo.

E uma excelente lição para os lentíssimos cartolas do Palmeiras.

Opine!