Arquivo da categoria: brasileirão 2015

Quem trocou mais passes no Brasileirão?

Leia o post original por Rica Perrone

De todas as estatísticas possíveis, tirando as óbvias de gols, vitórias e pontos, a que mais aproximou a classificação real de um outro dado foi a dos passes trocados. Os 4 primeiros são, não por acaso, os 4 primeiros do campeonato. Tal qual os dois últimos são os 2 últimos dos grandes na tabela. Embora […]

A minha seleção do Brasileirão-2015! O que acha dos meus eleitos? Faça a sua também!

Leia o post original por Milton Neves

mn tec

Goleiro: Cássio.

O arqueiro do Corinthians foi fundamental para que o campeão brasileiro terminasse a competição com a defesa menos vazada. Além disso, de acordo com o jornalista Mauro Beting, Cássio merecia também o prêmio de atleta mais bonito do campeonato. Aí eu já não sei se concordo…

Lateral-direito: Apodi.

O lateral voador da Chapecoense virou ponta “The Flash”, tão rápido quanto Valdeir e Búfalo Gil de outros tempos! Apodi goleia até Daniel Alves, que tem mais fama do que bola. Alô, Dunga! Apodi já na seleção!

Zagueiro: Gil.

Ele não só foi o melhor zagueiro do campeonato, como é hoje o melhor zagueiro do futebol brasileiro. Não à toa está conquistando a vaga deixada por David Luiz na seleção brasileira.

Zagueiro: Leonardo Silva.

Não deu para o Galo na briga pelo título, mas Leonardo Silva jogou muita bola neste Brasileirão.

Lateral-esquerdo: Zé Roberto.

Quem duvidava do veterano e vitorioso Zé Roberto acabou queimando a língua. Mesmo fora de posição, o jogador palmeirense fez um belíssimo Brasileiro e ainda acabou conquistando a Copa do Brasil.

Volante: Leandro Donizete.

Às vezes ele exagera um pouco na força, mas como é bom ver a garra demonstrada por Leandro Donizete durante os jogos.

Meia: Jadson.

Definitivamente, na troca entre Pato e Jadson, quem se deu melhor foi o Timão. Afinal, o meia foi fundamental para o hexa corintiano e disputará a Libertadores-2016, enquanto o atacante, que até deu umas ciscadas no São Paulo, deverá ser negociado com algum time pequeno da Europa.

Meia: Renato Augusto.

Disse para ele uma vez: “Se você parar de se machucar, vira titular da seleção rapidinho”. E não deu outra. Belíssimo Brasileiro de Renato Augusto, craque da competição e que já está se firmando na equipe de Dunga nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

Meia: Lucas Lima.

No final do campeonato, até que ele teve uma queda de rendimento. Mas o que jogou bola este garoto no primeiro semestre, hein? Outro que merecidamente está conquistando seu espaço na seleção.

Atacante: Ricardo Oliveira.

Apesar de toda a zoação dos palmeirenses após a final da Copa do Brasil, Ricardo Oliveira foi, sim, o melhor atacante do Brasileirão-2015. E isso aos 35 anos de idade. Que ele siga no Santos passando toda a sua experiência para a nova geração que está pintando na Vila Belmiro.

Atacante: Lucas Pratto.

O atacante do Galo também fez um ótimo Brasileirão, apesar de não ter conquistado o título. E, além disso, Pratto tem o espírito da Libertadores e deverá render bons frutos para o Atlético na competição em 2016.

Técnico: Tite.

Falar de Tite é chover no molhado. Só espero que no ano que vem ele deixe de pegar no meu pé quando eu falar sobre os “raros” erros de arbitragem que favorecem o Corinthians.

Revelação: Malcom.

Gabriel Jesus também não foi mal, mas Malcom foi titular do time campeão e jogando muito bem. Tem muito futuro a jóia alvinegra.

E então, o que achou dos meus eleitos?

Eleja a sua seleção também!

Opine!

Imagem: Túlio Nassif/Portal TT

A “justiça” que não existe e nem deve existir

Leia o post original por Rica Perrone

Sou curioso, adepto de que futebol é entretenimento e que isso está acima da idéia de disputa esportiva. Ou seja, o que é melhor pro público acima do que é melhor pra quem faz o evento. Fui a favor dos pontos corridos até ele existir. Hoje entendo que ele é uma tragédia. Mas não vou […]

Fred x Guerrero – A segunda vez

Leia o post original por Rica Perrone

Na primeira vez que comparei os números dos dois atacantes foi uma polêmica danada. Tricolores dizendo que isso era inaceitável (e eu concordo) e rubro-negros dizendo que o Guerrero era muito melhor que “o cone”.  Pois então, usando as mesmas estatísticas só que agora do Brasileirão 2015, onde aliás, o Flamengo está a frente do […]

O bom senso precisa prevalecer! O jogo do Corinthians TEM que ser mudado para domingo! Que a PM garanta a segurança dos alvinegros e palmeirenses que estarão pela cidade! Nós não podemos seguir como reféns de “torcedores”!

Leia o post original por Milton Neves

corinthians x atletico

Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG

A “maravilhosa” disputa por “pontozzz morridozzz” tem diversas falhas, é verdade.

Além das que já estamos carecas de saber – como a falta de emoção e a tirada de pé em jogos decisivos para atrapalhar rivais -, apareceu nesta reta final de Brasileirão mais um motivo para rezarmos pela volta do mata-mata.

Afinal, o Corinthians pode ser campeão no próximo final de semana sem estar em campo!

Caso o Timão passe pelo Coritiba no sábado e o Atlético-MG não vença o Figueirense no domingo, o Brasileirão estará matematicamente decidido.

Que emocionante, não é mesmo?

E é aí que o bom senso precisa prevalecer para que isso não ocorra.

O jogo da equipe de Tite TEM que ser mudado para domingo, 17h, mesmo horário de Figueirense x Atlético-MG.

O principal empecilho para que isso não ocorra é que neste mesmo horário, em São Paulo, terá o confronto entre Palmeiras e Vasco.

A Polícia Militar da capital paulista teme que os rivais alvinegros e alviverdes acabem se encontrando pelas ruas ou no metrô.

Mas, espera lá, o lindo Allianz Parque fica nada menos que a 26 quilômetros de distância do Itaquerão!

Isso é mais do que suficiente para que a PM paulista garanta a segurança de todos.

Afinal, até quando seremos reféns de “torcedores”, hein?

A “decisão” do Brasileiro tem que ser mudada para domingo e ponto final!

Opine!

Um campeão “ignorante”

Leia o post original por Rica Perrone

Tá pintando. Ainda não é, mas deve ser. Aliás, torço pra que seja.  Não porque eu seja corintiano, muito pelo contrário, mas porque acredito no que meus olhos vêem e quero ver cada vez mais. Vejo neste Corinthians algumas características do nosso futebol que tanto tentamos buscar de volta. Vejo muito mais do que um […]

O criador

Leia o post original por Rica Perrone

O Brasileirão 2015 está muito bom. E uma das “novidades” no campeonato em relação aos anos anteriores é a volta dos meias que armam o jogo.  Destes, Jadson é destaque absoluto. Uma das estatísticas mais interessantes da Opta Sports é o “Oportunidades criadas”. Consideram chances de gol que um jogador criou através de um passe, […]