Arquivo da categoria: campanha eleitoral

Lixo eleitoral do lado de fora da arena ofusca ação corintiana por limpeza

Leia o post original por Perrone

Sujeira eleitoral em volta da arena Foto: Ricardo Perrone/UOL

Com a ajuda de uma empresa parceira, o Corinthians planejou ação de limpeza e demonstração de educação em sua arena na última sexta (5), durante derrota para o Flamengo por 3 a 0. A louvável iniciativa, porém, foi ofuscada pelo lixo eleitoral que empesteou o entorno do estádio.

Do lado de dentro, a ideia era de que o torcedor, após receber saquinhos de lixo, recolhesse sua própria sujeira ao final da partida, como costumam fazer torcedores japoneses. Pelo menos no setor sul, muitos corintianos não aderiram a campanha. Não só largaram seus copos e caixas de pizza pelo caminho como os próprios saquinhos. Compreensível, já que uma mudança significativa de comportamento costuma levar tempo.

O que chamou mesmo a atenção foi o caos promovido pela campanha política do lado de fora. Candidatos, cabos eleitorais e torcedores demonstraram desrespeito com a cidade emporcalhando o entorno da Arena Corinthians.

Enquanto um divulgador pedia voto para uma candidata “corintiana e com ficha limpa”, outro promovia uma chuva de santinhos. Em movimentos ritmados, apoiadores de candidatos entregavam os papéis para os torcedores que, na maioria das vezes, jogavam a propaganda no chão.

Santinhos de um mesmo político amontoados no chão indicavam que alguns cabos eleitorais tentaram se livrar do serviço mais cedo simplesmente fazendo sujeira com as próprias mãos.

Claro que o Corinthians não tem culpa nessa bagunça. A via pública em volta de seu estádio é que foi vítima da falta de educação que começa com os candidatos, passa por sua militância ou seus prestadores de serviço e termina no eleitor. Foi a repetição de um péssimo velho hábito numa noite que deveria servir de inspiração para sua extinção.  Uma melancólica prévia do que deveremos ver hoje pelas ruas do país. E tomara que não chova para esse desrespeito não se materializar em forma de enchente.

Cartolas usam escudo de clube e até título de outra gestão em busca de voto

Leia o post original por Perrone

Panfletos de Andrés e outros candidatos sujaram o entorno do Itaquerão neste sábado

Panfletos de Andrés e outros candidatos sujaram o entorno do Itaquerão neste sábado

 

Escudo do clube, título conquistado durante a gestão de outro dirigente e vitórias históricas fazem parte do arsenal usado por dirigentes na tentativa de caçar votos e triunfar nas eleições deste domingo. Veja como Corinthians, Cruzeiro e Vasco apareceram nas campanhas de Andrés Sanchez, Gilvan de Pinho Tavares e Roberto Dinamite.

Reprodução de material de campanha de Andrés na Internet

Reprodução de material de campanha de Andrés na Internet

Andrés Sanchez – Impossível separar o Corinthians da campanha de seu ex-presidente e responsável pela arena do clube. A exposição do alvinegro no material de campanha dele é tanta que até patrocinadores do time, como a Caixa Econômica, banco público, acabam aparecendo. É o que acontece num depoimento dado por Cássio ao estafe do candidato a deputado federal pelo PT e exibido na conta da campanha no Facebook. O apoio ao cartola foi gravado no CT alvinegro e o atleta estava com camisa do clube. O volante Ralf também gravou uma manifestação de apoio ex-presidente. Andrés deixou o cargo em 2011, mesmo assim, cita títulos do ano seguinte em seu material. “Mas a coroação de todo o trabalho e planejamento realizado por Andrés veio depois, em 2012, com a conquista dos sonhados títulos “Libertadores” e “Campeonato Mundial”, diz trecho publicado no site da campanha, que não esquece as obras do estádio corintiano e que usa o escudo do clube em sua capa. Neste sábado, véspera de votação e dia do jogo da equipe contra o Sport, o estafe de Andrés postou o seguinte no Facebook: “Hoje, vai Corinthians. Amanhã, vai Andrés”. Pelo menos parte dos integrantes do programa de fidelidade Fiel Torcedor recebeu por e-mail propaganda eleitoral do cartola. Andrés não fala com o blog, por isso não pôde ser ouvido.

Gilvan de Pinho Tavares – A página da campanha para deputado estadual do presidente do Cruzeiro faz referências ao escudo do clube e pega carona nas conquistas do atual campeão brasileiro e líder do Nacional sob o comando de Gilvan. “Um Estado, uma bandeira azul e um coração apaixonado”, “Amor pelo Cruzeiro e paixão pelo povo mineiro”, “Campeão nos estádios, vencedor no Estado”, “Somos Loucos & somos Cruzeiro & somos Gilvan” são alguns dos slogans da campanha do candidato pelo Partido Verde. “Não usei o Cruzeiro na campanha. Só no final, o candidato [a deputado federal] que faz dobradinha comigo achou melhor colocar o escudo e algumas frases sobre o Cruzeiro porque a torcida está muito satisfeita com a minha administração. Relutei, mas me disseram que não havia problema e acabei aceitando. Não preciso disso, o torcedor sabe quem eu sou. Também não tem ninguém do clube pedindo votos pra mim. Na minha campanha não coloquei dinheiro, ela foi basicamente feita com torcedores pedindo votos pelas redes sociais”, disse Gilvan ao blog

Roberto Dinamite – Candidato a deputado estadual no Rio pelo PMDB, o presidente vascaíno não usa o escudo do clube em seu site oficial de campanha. E nem cita a sua administração, responsável pelo fato de o time disputar atualmente a Série B. Talvez por causa da queda, Dinamite prefira destacar na página suas glórias como jogador do clube, lembrando jogos e gols históricos.