Arquivo da categoria: Lajeadense

Lajeadense conquista quatro taças

Leia o post original por Pedro Ernesto

Jefferson Botega/Agência RBS

Jefferson Botega/Agência RBS

A melhor valorização que se pode fazer depois de ontem é o título do Lajeadense. Um time do Interior que, em pouco mais de seis meses, conseguiu quatro títulos. Da para concluir que o Rio Grande revela um grande treinador, Luis Carlos Winck, que nos temposd e lateral-direito foi um craque. Com a humildade de um time que gasta R$ 160 mil mês com a folha de pagamento,e consegue tudo isso. Lajeado viveu um dia importante ontem para a sua história futebolística.

Melhoras

Não deu para ver grandes avanços no time do Inter no jogo de ontem. O time ainda é lento, como era com Abel Braga em 2014. A maioria dos passes são laterais. Poucas vezes consegue surpreender os adversários. Isso tudo é preocupante porque faltam 16 dias para estrear na Libertadores. O time melhorou pouco. E o tempo não é muito grande para o uruguaio Diego Aguirre melhorar o time até o dia 17, quando enfrentará o vencedor do confronto entre Monasrca Morelia, do México, e The Strongest, da Bolívia.

Goleada

O Grêmio, com muitos desfalques e utilizando muitos guris como titulares, teve estreia bem satisfatória. Goleou o Uniao Frederiquense por 3 a 0, com dois gols de Barcos e outro de Everton, esse com passe do Pirata. Ainda não dá para fazer avaliações definitivas sobre o trabalho de Luiz Felipe Scolari. O Grêmio tem muitos jogadores que não podem atuar. Mas Felipao conta com bastante tempo para arrumar tudo e fazer dessa mescla de guris e nomes rodados uma equipe competitiva.

É demaaiisss

O presidente Vitorio Piffero garante que não existe risco na contratação de Andershow. Em forma, o meia covnertido em volante na Europa será um grande reforço. A desconfiança está no fato de que ficou muito tempo sem jogar. Nos últimos dois anos pouco foi utilizado no Manchester United e na Fiorentina. Anderson é uma grande aposta do Inter.

De menos

O argentino Barcos esta deixando o Grêmio. Já poderia ter saído para o México no começo do ano, mas o negócio não evoluiu. Os chineses têm todo o dinheiro que faltou aos mexicanos na hora de arrematar o negócio. O Grêmio se livra de um salário desproporcional à sua capacidade de pagamento. Marcelo Moreno é uma ótima solução para o ataque de Felipão.

Semifinalista

Leia o post original por Pedro Ernesto

Com show de D’Alessandro, o Inter buscou uma vitória de virada, repleta de dificuldades contra o Lajeadense, o campeão do Interior. Aliás, sobre o Lajeadense, é bom se dizer que é um belo time, com um técnico de muita qualidade e que exigiu muito do Inter. Perdeu, mas mostrou muita dignidade. Dois gols de Juan, ambos nascendo de bola parada, o que muitas vezes resolve.

Estranha foi a ausência de Dátolo até do banco de reservas. Otavinho e Vítor Júnior eram os meias no banco de reservas. No ano passado, Dátolo foi eleito o melhor jogador do Gauchão. Que mistério é esse que explica sua ausência até do banco? É verdade que ele não vinha bem, mas não há nada melhor no grupo. O Inter é semifinalista porque foi superior e está a apenas dois jogos da conquista da Taça Farroupilha e do título gaúcho.

Juventude

Foi um grande jogo no sábado à noite, no Alfredo Jaconi, que pude acompanhar pela transmissão da TVCOM. O Juventude largou na frente, fez um gol no primeiro tempo e outros dois no segundo. Construiu o 3 a 0 e trouxe a sensação de goleada. Mas o Novo Hamburgo acordou, conseguiu um pênalti e, depois, ainda marcou mais um gol. Público razoável no Jaconi. O Juventude só perdeu duas vezes no campeonato e está inserido entre as forças deste Gauchão para enfrentar o vencedor de Grêmio x São Luiz.

Reservas

Um time quase reserva representa o Grêmio esta noite, na Arena, contra o São Luiz. Muitas lesões e convocações de jogadores como Fernando e André Santos transformaram o time de Vanderlei Luxemburgo. O São Luiz é bom time, foi finalista na Taça Piratini e pode incomodar.

Claro que, mesmo com reservas, o Grêmio tem mais chances de vitória. Mas não afirmaria definitivamente essa condição. Pode e deve ser um bom jogo nesta segunda-feira, a partir das 21h, na Arena.

Você sabia?

* Que o público esperado esta noite na Arena é de 10 mil pessoas?

* Que um público parecido assistiu ontem ao jogo Passo Fundo x Veranópolis, no Vermelhão da Serra?

* Que a torcida do Passo Fundo foi o maior show de um campeonato com públicos pequenos?

* Que 8 mil pessoas assistiram sábado à noite à Caravana do Gauchão temática em Rolante, em homenagem a Teixeirinha?

Jogo difícil

Leia o post original por Pedro Ernesto

O Inter volta a sua casa na Serra para enfrentar, quem sabe, o melhor time do Interior. O Lajeadense tem umas das melhores defesas do campeonato, foi consagrado campeão do Interior e tem um técnico que me chama atenção pela sua postura pessoal (Flávio Campos) e pela forma como coloca seu time para jogar. O Estádio Centenário verá um grande jogo e, pelo preço dos ingressos, acho que terá, também, um grande público.
Não estou entre aqueles que pensam que o time colorado não tem admiradores na Serra. Tem, sim, e muitos. Só que foi cometido o grave erro de cobrar R$ 70 por um ingresso nos primeiros jogos. Nem no Gre-Nal os torcedores foram. Que fique claro que o favoritismo é do Inter, mas está longe de ser páreo corrido. Em condições normais, o Inter terá que superar um adversário de qualidade se quiser ir adiante.

Desfalques

Elano é dúvida. Não sei se consegue se recuperar a tempo. Zé Roberto levou o terceiro cartão amarelo e está fora. Werley rompeu a musculatura e não joga nenhuma das partidas das oitavas de final. São duros desfalques para o técnico Vanderlei Luxemburgo.
Claro que um time grande como o do Grêmio deve ter reposições, mas jogadores dessa qualidade, seja quem os substitua, sempre farão falta. Tarefa para o técnico. E mais: seria importante que o Grêmio melhorasse seu desempenho porque o time classificou, mas ficou longe de encantar.

Libertadores

A Conmebol precisa, de uma vez por todas, punir fortemente os clubes que promovem bagunça nas suas competições. Ou ela entra em campo e resolve problemas de brigas, agressões, invasões ou a Libertadores perde sua força e seu encanto.
O verdadeiro torcedor, que é maioria absoluta, quer ir ao estádio só para ver um jogo de futebol. Nada mais. E não quer saber de bagunça, de colocar sua segurança em jogo. Esses velhinhos não sabem valorizar o que têm na mão e deixam rolar a esculhambação.

Você sabia?

– Que a lesão muscular de Werley aconteceu em lance no qual caiu sozinho?
– Que os chilenos acusam Luxemburgo de ter debochado, dizendo que ficariam de férias?
– Que a convocação de Rodrigo Moledo vem na hora em que ele está jogando muito futebol?
– Que a Caravana do Gauchão estará neste sábado em Rolante?
– Que será uma Caravana temática
em homenagem a Teixerinha?

Centenário

Leia o post original por Pedro Ernesto

A volta do Inter ao Estádio Centenário é, antes de tudo, um teste que faz a direção colorada com o público da Serra. Acontece que, nos jogos anteriores do Inter na casa do Caxias, foi cometido grave erro de cobrarem ingressos muito caros. Isso, obviamente, deve ter afastado o torcedor.

Como tivemos públicos muito pequenos nos jogos disputados pelo Inter, inclusive no Gre-Nal, não se pode concluir se o problema era dos torcedores ou do preço. O Colorado sempre imaginou ter grande torcida nessa região e quer testar novamente essa realidade, na qual acredita. Agora, com ingressos bem mais acessíveis.

Uma arquibancada a R$ 30 é convidativa para um jogo tão importante como o de domingo, contra o Lajeadense.

D’Ale

Estava lá no Acre quando narrei o gol marcado por Forlán no último minuto de jogo cobrando pênalti. Confesso não ter tido o mesmo entusiasmo de outros gols que narrei a favor do Inter.

Isso se deve ao fato de que Damião cumprirá ainda mais um jogo. Para completar, D’Alessandro foi expulso no primeiro tempo contra o Rio Branco. Tivesse ganho por 1 a 0, teríamos outro jogo contra o adversário desprezível. Damião cumpriria seu último jogo, e D’Ale, agora punido com dois jogos, cumpriria o primeiro.

Clássico

Quem imaginava que o São Paulo estivesse morto acabou se enganando redondamente. Um grande time, com grandes jogadores, nunca deve ser desprezado. Mesmo que o adversário seja o Atlético-MG, o time de melhor campanha na Libertadores. Equipes grandes conseguem reabilitações surpreendentes.

Se você acha que o Galo é um bom time de futebol, tenha certeza de que o São Paulo é da mesma turma. Com grandes jogadores e grandes investimentos, é sempre postulante a títulos.

Você sabia?

* Que, salvo alguma grande zebra, os argentinos não devem levar perigo aos brasileiros na Libertadores?

* Que o grande Boca Juniors se classificou com uma campanha muito fraca?

* Que o time argentino perdeu três das seis partidas que disputou?

* Que no campeonato do seu país, no último final de semana, o grande Boca levou 6 a 1 do modesto San Martín?

A longa semana

Leia o post original por Pedro Ernesto

O jogo é só na quinta-feira. Será lá no interior do Chile, numa pequena cidade, contra um pequeno clube que tem um time de futebol que, pelo nome estranho, parecia nada ter a fazer na Libertadores. Mas esse Huachipato, que virou gozação para muita gente, veio a Porto Alegre e ganhou do Grêmio. Foi ao Engenhão e empatou com o Fluminense.

Depois foi a Caracas, onde o Grêmio perdeu, e empurrou 4 a 0 no Caracas. Claro que o Grêmio é mais time, tem mais tradição, mais torcida, mais camiseta, mais tudo. Mas será que isso resolve? Não, pelo menos, a princípio. Os 90 minutos é que definirão. Mas até quinta-feira é uma longa espera. Nervosa e angustiante porque não é mais possível errar. Ou ganha ou empata. Caso contrário, está morto, fora da Libertadores.

Ataque

Vanderlei Luxemburgo deixou dito que manterá o ataque do Grêmio com Vargas e Barcos. Acho que acerta em cheio. Barcos teve problemas na costela, mas, pelo que sabe, isso é assunto superado. É titular absoluto. Para Vargas, o jogo pode ser o ideal.

Precisando de vitória, o Huachipato terá que sair e buscar o gol. Sobrarão espaços para a velocidade do “Ligeirinho”. Esse é o jogo para ele e não para Kleber, que é paradão, pouco se movimenta e mais tromba com o adversário do que qualquer outra coisa.

Trio final

D’Alessandro aproximado de Forlán e Damião, que estavam em linha, muito próximos, determinou goleada sobre o Juventude lá em Lajeado. Esse trio final, se aproximado, pode produzir muito para o Inter.

Os lançamentos do D’Ale, os tabelamentos dos dois atacantes tontearam os marcadores do Juventude. E 4 a 1 foi pouco, poderia ter sido mais. Fred foi mais um avanço para o Inter. Técnico, movediço e veloz, acrescenta mais do que Dátolo.

Você sabia?

* Que a Caravana do Gauchão se apresenta nesta semana em Rolante?

* Que os destaques serão Teixeirinha Filho e Neto e ainda Neto e Bagre Fagundes?

* Que essa será uma caravana temática, em homenagem a Teixerinha, na terra em que nasceu?

* Que o jogo do Grêmio contra o São Luiz será na segunda-feira à noite?

* Que Dunga deverá ter todos os titulares para o jogo de domingo?

Dorival caiu no Fla, Mano Menezes na espreita! Corinthians, com reservas, bate Barbarense! Neymar “básico” chama jornalistas de “xeretas” e Grêmio “pato” na Libertadores vence no Gauchão! Fogão goleia!

Leia o post original por miltonneves


E a notícia mais óbvia de março aconteceu: Dorival Júnior caiu!

Mas não deverá ficar muito tempo desempregado.

Basta Gilson Kleina perder, pois já anda na prancha no Palmeiras.

E quem está esperando o telefone tocar para dizer sim ao Flamengo é Mano Menezes.

Corinthians 3 x 0 União Barbarense  

A vitória do  Timão não faz a menor diferença.

Mas os “Deuses” do futebol finalmente fazem justiça.

O zagueiro Chicão, perdeu o segundo pênalti consecutivo da equipe treinada por Tite.

Nenhum clube do mundo recebeu tanto o “Apito Amigo” como o alvinegro do Parque São Jorge.

E agora, a agremiação da zona leste paulistana nunca mais fará um gol cobrando penalidade máxima.

Os “Deuses” da bola  estão compensando os pobres e oprimidos do futebol.

Os gols  foram marcados por Douglas, Jorge Henrique e Renato Augusto.

Santos 2 x 1 Guarani

Para variar, o time de Muricy Ramalho venceu, mas não convenceu.

Levou sufoco do fraco Bugre no final do jogo.

Neymarzinho, que não anda jogando nada, chamou os jornalistas de “xeretas”.

Estou achando que o “Rei” tinha razão.

Gols de André (S), Montillo (S) e TIAGO PAGNUSSAT (G)

Botafogo 4 x 0 Quissamã

Será que o Fogão está voltando à época de Garrincha?

Está em grande fase.

Gols de Lodeiro, Rafael Marques, Júlio César e Felype Gabriel.

Grêmio 2 x 0 Lajeadense

Ganhar jogo no Campeonato Gaúcho é uma moleza.

Bem, que o “Imortal”,  não vencia nem no estadual.

Na Libertadores, ganhou “lotericamente” do Fluminense no Rio de Janeiro.

Mas virou piada diante do Caracas e do Huachipato.

Agora, o Zé Roberto, que marcou dois gols, merece seleção urgente!

E aí, flamenguista? Mano Menezes seria uma boa opção para o rubro-negro? E o Corinthians, nunca mais vai marcar um gol de pênalti? O Grêmio é “leão” de estadual e chacota na Libertadores? E o Fogão, já é o campeão do Cariocão 2013?

Lajeadense

Leia o post original por Pedro Ernesto

Talvez muita gente não tenha se dado conta, mas o Lajeadense é o único time invicto do Campeonato Gaúcho. Isso quer dizer muito. Esse clube trocou seu velho estádio, numa região nobre da cidade, para construir a Arena Alviazul. Um pequeno estádio de 10 mil lugares, o suficiente para sua necessidade. Mas um estádio moderno e confortável.

Com o estádio, veio o acesso para a primeira divisão. Está no segundo ano e com muito sucesso. Esse Lajeadense será o primeiro time brasileiro a enfrentar o Grêmio na Arena. Os filhos da terra devem estar muito orgulhosos de tudo isso.


Reforços

O Internacional está firme no mercado. Os dirigentes buscam um meia, pelo menos. Mas tem que ser um grande jogador, capaz de fazer diferença. Não pode ser mais um no elenco apenas para somar. Tem que ser atleta raro e caro. Que substitua o capitão D’Alessandro à altura quando necessário. Quem pensa grande tem que gastar bastante. É o preço que se paga. Não a ponto de inviabilizar as finanças do clube, mas o suficiente para montar um time competente e candidato a títulos de expressão.


Titulares

O técnico Vanderlei Luxemburgo chegou dizendo que colocará força máxima no final da tarde deste sábado para encarar o Lajeadense, na Arena, na estreia da Taça Farroupilha, um título que o time vai brigar para conquistar. Quero ver para crer.

Jogadores que alegarem pequenos desconfortos, herdados do jogo diante do Caracas, na Venezuela, ficarão de fora da partida, é sempre assim. Não sei quantos são, mas, sinceramente, não consigo imaginar um time titular completo na Arena contra o Alviazul.


Você sabia?

– Que a Caravana do Gauchão estaciona neste sábado à noite em Canoas?

– Que são esperadas 10 mil pessoas em Canoas para conferir os shows?

– Que Rodrigo Moledo é a duvida do time colorado para encarar o Canoas, domingo?

– Que o volante Aírton deve ser relacionado para o jogo contra o Canoas?

– Que Dunga concede entrevistas pedindo que a direção contrate reforços?

Perna travada

Leia o post original por Pedro Ernesto

Esta foi a expressão do centroavante Kleber para explicar a falha que cometeu quando, ao atrasar uma bola, deu origem ao lance do segundo gol do Lajeadense.
Para o torcedor pode parecer desculpa. Para mim, que lido com este assunto há quase 40 anos, isto conta, e muito. Os jogadores gremistas fizeram o primeiro jogo após uma pré-temporada, onde os músculos são exigidos e ficam encolhidos, tirando a mobilidade dos jogadores.
Vale o mesmo para o time reserva do Inter que, depois de fazer 2 a 0, parou e levou três. Poderia ter levado mais. Cansou.  Claro que explicar para quem torce é complicado, mas é sempre assim: no início de temporada, contra times que treinam por mais de 60 dias, a dupla Gre-Nal tropeça.

Estreias

Kleber está muito longe de sua melhor forma física.
Grolli mostrou virtudes, mas ainda parece um pouco verde para ser titular do Grêmio.
Léo Gago teve bom desempenho e, mesmo que não tenha marcado gols, mostrou que chuta muito de fora da área. Entre todos, para mim, o melhor foi Marco Antônio, jogador de técnica refinada.
Mas tudo isto ainda sem definição, pois foi somente o primeiro jogo da temporada. O resultado, claro, foi decepcionante.

Observações

Marcos Aurélio entrou em campo mostrando péssima condição física. Mesmo assim, conseguiu demonstrar muita técnica. É Jogador experiente, que possui muito boa visão de jogo. Saiu por estar cansado.

O que mais me surpreendeu em Santa Cruz do Sul foi o bom desempenho de Sandro Silva, um volante de estatura, que joga um bom futebol. Como se discute fortemente a condição de titular do volante argentino Bolatti, surge aí uma opção para o treinador Dorival Junior.

Você sabia?

* Que D’Alessandro deve jogar, pelo menos, a primeira partida contra o Once Caldas, pela pré-Libertadores?
* Que a direção do Grêmio ainda não desistiu da contratação do meia Giuliano?
* Que a direção colorada espera casa cheia na quarta-feira, às 22h?
* Que o Cruzeiro mostrou o futebol do ano passado e ganhou do Santa Cruz com facilidade?

Share

Começo

Leia o post original por Pedro Ernesto

A jogo de abertura Gauchão 2012 teve a cara de primeiro jogo da temporada. O Internacional, com seu time para lá de conhecido, teve dificuldades para passar pelo Novo Hamburgo e só conseguiu alguma vantagem no primeiro tempo, com Oscar, autor do gol da vitória. O garoto foi o único que se destacou no Colorado.

A boa notícia da noite vem do Anilado. O meia Claiton, camisa 10 às costas, é  uma bela revelação. É
cedo ainda, mas com seu drible fácil e muita movimentação, é candidato a revelação do Estadual.

Desejos

Caio Junior tem desejos que impressionam. Não sei, no entanto, se todos os seus sonhos poderão ser concretizados em curto prazo. Ele sonha com o futebol semelhante do Barcelona. Mas será que os jogadores do Grêmio têm competência para repetir, minimamente, as condições de posse de bola do time catalão? Claro que não precisa tanto, mas a ideia é boa. Ele quer competição e futebol bonito. Isto será possível?

Não há impossibilidade, mas existe um grau de dificuldade muito forte. Competir e dar show nem sempre é possível. Mas não deixam de ser ideias muito boas. Um time que jogue e que busque a vitória. No sábado já se poderá ter uma mostra daquilo que o time do Grêmio vai apresentar aos seus torcedores nesta temporada que está começando.

Lajeadense

Chama atenção, pelas informações que chegam, o grau de profissionalismo empregado pelo Lajeadense. Começa pelo novo estádio, cujo padrão é Fifa. Segue pelo departamento de futebol que mantém jogadores, treinador e que trabalha o ano inteiro.

No Gauchão do ano passado teve bela participação. Foi para a Copinha e decidiu o título com o Juventude. Tem, portanto, uma base formada, um time pronto e deve ter sucesso mais uma vez.

Você sabia?
* Que Adriano já faltou a treinamentos no Corinthians?
* Que o Cruzeiro de Porto Alegre assinou contrato com o BMG e não vai usar patrocínio do Banrisul?
* Que Leandro Damião foi artilheiro do Gauchão no ano passado com 15 gols?
* Que o Grêmio não faz o goleador do Gauchão desde 1999?
* Que o último goleador gremista num Gauchão foi Ronaldinho com 15 gols?

Share