Arquivo da categoria: Lukasz Kubot

Duplistas brasileiros em Melbourne

Leia o post original por Fernando Sampaio

Campeão em 2016 ao lado de Jamie Murray (foto) e quadrifinalista no ano passado, Bruno Soares inicia a campanha contra o britânico Luke Bambridge e o japonês Ben McLachlan, campeões do ATP em Auckland no sábado. Bruno Soares joga este ano ao lado do croata Mate Pavic. Com o afastamento do colombiano Robert Farah por doping, o mineiro Marcelo Melo e seu parceiro polonês Lukasz Kubot obtiveram a…

Fonte

Melo estreia com vitória na temporada

Leia o post original por Fernando Sampaio

A temporada 2020 começou com vitória para o mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot na Austrália. Na madrugada desta segunda-feira (13), a dupla – cabeça de chave número 2 – garantiu vaga nas quartas de final do ATP 250 de Adelaide ao derrotar o sul-africano Raven Klaasen e o austríaco Oliver Marach por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/4, em 1h13min, jogo válido pela primeira…

Fonte

Duplistas brasileiros em ação

Leia o post original por Fernando Sampaio

Marcelo Melo estreia na temporada 2020 jogando o ATP 250 de Adelaide. Ele e o polonês Lukasz Kubot estreiam contra o sul-africano Raven Klaasen e o austríaco Oliver Marach. O gaúcho Marcelo Demoliner, eliminado na estreia em Doha, joga em Adelaide ao lado do holandês Matwe Middelkoop. Eles estreiam contra os britânicos Jamie Murray e Neal Skupski. Depois das quartas de final no Qatar…

Fonte

Melo e Kubot serão cabeças 1 em Wimbledon

Leia o post original por Fernando Sampaio

O mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot estão de volta a Wimbledon. Pelo terceiro ano seguido disputarão juntos o Grand Slam, em Londres, na Inglaterra, que será realizado a partir da próxima segunda-feira até o dia 14 de julho. Um torneio sempre especial, que traz grandes recordações, com a conquista do inédito título na grama sagrada do All England Club, em 2017. Agora em 2019…

Fonte

Melo e Kubot eliminados em Paris

Leia o post original por Fernando Sampaio

Acabou a participação brasileira na chave de duplas masculinas em Roland Garros. Depois da queda do mineiro Bruno Soares na primeira rodada e do gaúcho Marcelo Demoliner na segunda, foi a vez do mineiro Marcelo Melo se despedir nas oitavas de final. Cabeças de chave número 1, ele e o polonês Lukasz Kubot até saíram na frente neste sábado, mas acabaram amargando uma virada diante dos franceses…

Fonte

Melo e Kubot na segunda rodada

Leia o post original por Fernando Sampaio

Marcelo Melo e Lukasz Kubot estão na segunda rodada de Roland Garros. Na estreia no Grand Slam, em Paris, os dois mostraram muita confiança, ritmo de jogo e confirmaram o favoritismo para derrotar os espanhóis Roberto Carballes Baena e Jaume Munar por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 7/6 (7-2), em 1h30min. “Uma estreia muito boa hoje. Acho que foi importante manter a calma no segundo set…

Fonte

Melo perde na estreia do Finals

Leia o post original por Fernando Sampaio

Lukasz Kubot e Marcelo Melo foram superados neste segunda-feira (12) na estreia do ATP Finals pelos norte-americanos Mike Bryan e Jack Sock por 6-3, 7-6 (5) em 87 minutos. Bryan e Sock, campeões de Wimbledon e US Open, salvaram um set point no segundo set antes de fechar o jogo contra os finalistas do ano passado Kubot e Melo.

Kubot e Melo, dupla número 1 em 2017 no ranking de duplas da ATP, tentavam registrar sua 40ª vitória em 60 jogos nesta temporada. A dupla conquistou este ano os títulos do ATP World Tour no Sydney International (d. Struff / Troicki), o Gerry Weber Open em Halle (d. Zverevs), o China Open em Pequim (d. Marach / Pavic) e o Rolex Shanghai Masters. (d. Murray / Soares)

Melo e Kubot garantem vaga na semi do ATP 500 de Beijing

Leia o post original por Fernando Sampaio

Com uma vitória difícil, Marcelo Melo e Lukasz Kubot garantiram nesta quinta-feira (4) a vaga na semifinal do ATP 500 de Beijing. De virada, a dupla – cabeça de chave número 2 do torneio – derrotou o indiano Rohan Bopanna e o francês Edouard Roger-Vasselin, pelas quartas de final, por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 12/10,  em 1h27min.

“Foi um jogo duro contra uma dupla que joga muito bem, tanto que perdemos para eles em Roland Garros este ano. Aqui as condições são um pouco mais favoráveis para nós, por ser uma quadra mais rápida. O jogo foi para os dois lados. Eles tiverem três match points, conseguimos buscar. Foi bom termos passado. Agora é ir com confiança nessa semifinal”, explicou o brasileiro.
Na busca por um lugar na final em Beijing, no sábado (6), Melo e Kubot enfrentarão os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, cabeças 3, que ganharam nesta quinta do ucraniano Denys Molchanov e do eslovaco Igor Zelenay também por 2 a 1 – 4/6, 7/6 (7-2) e 10-8.

Este é o primeiro de dois torneios que a dupla Melo/Kubot disputa na China. Depois estarão em Shanghai, no dia 7, para o Masters 1000. A sequência da programação, em quadra rápida, neste final de temporada, terá ainda o ATP 500 de Viena, na Áustria, com início no dia 22, e o Masters 1000 de Paris, na França, no dia 29.

A expectativa é garantir vaga entre as oito melhores duplas de 2018 na Corrida dos Campeões, o ATP Finals, em novembro. Atualmente, Melo e Kubot estão na oitava colocação, com 3.570 pontos. No ranking mundial individual de duplas da ATP, Melo subiu uma posição na atualização desta semana e, agora, divide com Kubot o quinto lugar, ambos com 5.790 pontos.

Bryan e Sock levam o título de duplas, Melo e Kubot ficam com o vice

Leia o post original por Fernando Sampaio

Mike Bryan e Jack Sock  detonaram na final de duplas do Aberto dos Estados Unidos. Os norte-americanos não deram a menor chance para a dupla Marcelo Melo e Lukasz Kubot, venceram por 6/3 e 6/1 em 1 hora e 14 minutos. A parceria norte-americana, recém formada, ganhou os dois Grand Slams que disputou: Wimbledon e US Open. Portanto a dupla não sabe o que é perder uma partida de Grand Slam.

Marcelo Melo e Lukasz Kubot ficaram com o vice-campeonato. O resultado colocou a dupla entre as oito melhores da temporada com 3.570 pontos. No ranking individual de duplas da ATP, o mineiro passou de 14º para 6º. Kubot subiu de 13º para 5º. Ambos tem 5.790 pontos mas pelo primeiro critério de desempate – torneios disputados ao longo de 52 semanas – Melo tem uma competição a mais.

“Um grande momento para nós, por ter chegado a mais uma final de Grand Slam. Muito orgulhoso por estar aqui, disputar esta final. Eles foram muito bem hoje (sexta) para ficar com o título”, explicou Marcelo.

Marcelo Melo participou de quatro decisões de Grand Slam na carreira, tem dois títulos (Wimbledon 2017 – com Kubot – e Roland Garros 2015 – com o croata Ivan Dodig) e dois vice-campeonatos (US Open 2018 – com Kubot – e Wimbledon 2013 – com Dodig).

Marcelo Melo está na final do US Open

Leia o post original por Fernando Sampaio

Após quase três horas de uma semifinal duríssima, Marcelo Melo e Lukasz Kubot conquistaram vaga na final do US Open, derrotando Radu Albot, da Moldávia, e Malek Jaziri, da Tunísia, que vinham surpreendendo no torneio em Nova Iorque (EUA). Marcelo decidirá um Grand Slam pela quarta vez na carreira, a primeira no US Open, buscando seu terceiro título – foi campeão (2017) e vice (2013) em Wimbledon e campeão (2015) em Roland Garros. Kubot já foi campeão em Wimbledon (2017) e no Australian Open (2014). A decisão será nesta sexta-feira (7), às 13h (horário de Brasília).