Arquivo da categoria: Paulo Autuori

Segure o G4, Santos!

Leia o post original por Odir Cunha

Já que está no G4, o Santos tem de fazer tudo para se segurar nessa posição, e isso quer dizer vencer o Atlético em Curitiba. Difícil? Claro. O time paranaense é bom, valente, mas tem um calcanhar de Aquiles: sua defesa já sofreu 13 gols e tem problemas. O Glorioso Alvinegro Praiano tem de jogar como um integrante do G4, assumir outra postura mesmo fora de casa e dar um passo importante para se firmar na turma de cima.

Sobre essa mudança de atitude tenho uma historiazinha pessoal e já peço desculpas se parecer cabotinismo, mas nada como um exemplo que nós mesmos vivemos. Pois bem. Era eu um tenista esforçado que com vitórias de garra e um ou outro wo (falta de comparecimento do adversário) galguei a invejável posição de número um do ranking da sede Granja Julieta do Hobby Sports Club, a unidade do clube com os melhores tenistas.

Obviamente fui desafiado pelos melhores tenistas do Hobby e uma hora acabei perdendo a posição, mas quando eu a defendia percebi que algo havia mudado na minha atitude. Ao entrar em quadra como número um do ranking, senti-me tomado por inesperada confiança, ao mesmo tempo em que meu adversário mostrava uma ligeira apreensão – atitudes que, no frigir dos ovos, acabavam fazendo a balança pender a meu favor.

Lembro disso porque espero que o Santos entre em campo para enfrentar o Atlético, neste sábado, às 18 horas, no belo estádio da Arena da Baixada, orgulhoso e confiante como um integrante do G4 deve ser; que não se contente em se defender, ou com o empate; que saiba se impor na hora certa e voltar da bela Curitiba com preciosíssimos três pontos.

O campeonato está um equilíbrio só. Nosso Santos está seis pontos abaixo do líder, o Internacional, e apenas cinco pontos acima da zona do rebaixamento. Nada menos do que seis times têm os mesmos 13 pontos que o Glorioso Alvinegro Praiano. Portanto, assim como a vitória deve manter o time no G4, uma derrota, que deve ser evitada de qualquer maneira, o levará para o meião da tabela.

Enquanto o Santos volta a ter o time completo, apenas sem Ricardo Oliveira, o Atlético Paranaense, do técnico Paulo Autuori, começou a ser cobrado por seus torcedores, pois sua defesa tem falhado seguidamente, principalmente o zagueiro Paulo André e o goleiro Weverton.

Dos oito jogos que fez neste Brasileiro, cinco deles fora de casa, o Atlético só não sofreu gol na vitória de 1 a 0 sobre o Santa Cruz, em Curitiba. Das partidas que fez em casa, venceu Santa Cruz e Figueirense e empatou com o Atlético Mineiro, por 1 a 1.

Descontos fantásticos para grupos de santistas que quiserem adquirir o livro Time dos Sonhos

Você sabia que se o seu grupo de amigos santistas quiser adquirir o livro Time dos Sonhos, há muitos descontos para compras a partir de três exemplares para o mesmo endereço? Na compra de cinco livros, por exemplo, um sairá de graça. Consulte essas promoções enviando e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br No assunto do e-mail escreva Time dos Sonhos.

Torne-se um conhecedor e um divulgador da rica história do Santos. Mantenha vivo o bem mais precioso do nosso time.

Time dos Sonhos + dedicatória + frete pago + Donos da Terra (versão eletrônica) por apenas 68 reais! Promoção continua! Aproveite!
DonosdaTerra Presenteie a você mesmo, ou a um(a) santista querido(a), com um exemplar de Time dos Sonhos e ainda ganhe uma versão eletrônica do livro Donos da Terra. No caso de querer uma dedicatória a outra pessoa, logo após adquirir o livro envie e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br com o nome de quem será presenteado.

Clique aqui para saber como adquirir o seu exemplar de Time dos Sonhos – uma autêntica Bíblia Santista, de 528 páginas – sem nenhuma despesa de correio e com dedicatória do autor, por apenas 68 reais. E ainda receber, gratuitamente, no seu e-mail, o e-book do livro Donos da Terra.

Se quiser adquirir apenas o e-book do livro Donos da Terra, por uma taxa simbólica de R$ 3,00 (três reais), envie e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br para ser orientado a respeito.

Timemania espelha popularidade

Para se manter entre os 20 times mais votados na Timemania, o Atlético Paranaense mantém uma promoção na qual 25 apostas na Timemania, o equivalente a 50 reais, podem ser trocadas por um ingresso para o jogo contra o Santos. E mesmo assim o time só ocupa a 19ª posição entre os mais votados. Enquanto isso, sem promoções do tipo e quase sem divulgação, o Santos permanece em terceiro lugar entre os times brasileiros mais votados nessa que é a enquete de torcidas mais fidedigna do Brasil. Veja o resultado das apostas do dia 14 deste mês:

Colocação Clube UF TOTAL % Total
1º FLAMENGO RJ 3.061.415 5,33%
2º CORINTHIANS SP 2.529.922 4,40%
3º SANTOS SP 2.023.092 3,52%
4º PALMEIRAS SP 1.901.710 3,31%
5º SAO PAULO SP 1.899.645 3,31%
6º GREMIO RS 1.789.131 3,11%
7º VASCO DA GAMA RJ 1.676.301 2,92%
8º INTERNACIONAL RS 1.470.686 2,56%
9º BOTAFOGO RJ 1.438.609 2,50%
10º ATLETICO MG 1.391.732 2,42%
11º CRUZEIRO MG 1.265.407 2,20%
12º BAHIA BA 1.237.764 2,15%
13º FLUMINENSE RJ 1.231.974 2,14%
14º FORTALEZA CE 1.176.732 2,05%
15º GOIAS GO 998.112 1,74%
16º VITORIA BA 941.081 1,64%
17º SANTA CRUZ PE 856.182 1,49%
18º CEARA CE 814.623 1,42%
19º ATLETICO PR 813.043 1,42%

Goleada das Sereias

As Sereias da Vila andaram perdendo alguns jogos. Mas na última partida lavaram a égua. Então, para dar uma força para as meninas, vamos ver como foi a goleada sobre o União Mogi:

Recuperação dos Meninos do Sub-20

O time Sub-20 não estava bem, mas conseguiu vitória convincente contra o Barueri. Vale a pena também dar uma força para os Meninos:

E você, acha que o Santos vai segurar o G4 em Curitiba?


Frio em São Paulo. E o Furacão se dá bem

Leia o post original por Antero Greco

Faz um frio do cão em São Paulo nesta semana. Temperaturas baixas e todo mundo encapotado. No Morumbi, então, nem se fala. Por lá a temperatura costuma ser mais baixa do que no restante da cidade. Para jogo no sábado à noite, só valentes se arriscaram a ver o time da casa contra o Atlético-PR.

E quem fez a festa foram os torcedores paranaenses. O Furacão parecia presa fácil para a rapaziada de Edgardo Bauza. Tanto que tomou gol do zagueiro Maicon, novo xodó tricolor. Ele abriu o placar aos 40 minutos e fez a turma descer para o intervalo confiante em vitória que a deixaria grudado no bloco principal. Para reforçar essa sensação, a produção fraca da equipe dirigida por Paulo Autuori.

Na véspera, ele havia prometido que o Atlético iria “propor o jogo”, com o que isso implicasse de riscos. Não foi o que se viu na primeira parte. Na segunda, o panorama mudou – e o Furacão também. Autuori fez algumas mexidas, a principal delas a entrada de Walter, e ocorreu a reviravolta. No sentido literal. O Atlético empatou com Otávio, aos 20, e com Hernani (outro que entrou durante a partida) aos 42. Alcançou o Tricolor no número de pontos; ambos agora estão com dez.

O São Paulo continua bem alterado, por contusões, seleções e até por problemas pessoais. O argentino Calleri deixou o estádio pouco antes do jogo, ao saber da morte de um amigo  na Argentina. Mesmo assim, o time cumpriu o roteiro básico das últimas apresentações, com boa posse de bola e muita finalização. O que não significa boa pontaria. Kardec, na frente, foi apagado, e assim manteve a rotina, apesar dos pedidos por mais chances.

O Atlético-PR não propôs nada, a não ser defender-se e ficar à espreita de contra-ataque, que não veio na etapa inicial. Ao perceber que o bicho não era tão feio do outro lado, animou-se, arriscou mais no segundo tempo e percebeu que subestimava a própria força. Não é que tenha sufocado o São Paulo; porém, teve eficiência nas oportunidades que apareceram.

Tenho afirmado aqui, e repito: este campeonato tende a surpreender a cada rodada. Vai demorar para cravar um bloco de fortes candidatos a levantar a taça. Se isso é bom ou ruim, só o tempo dirá.

 

Galo morreu no Horto e está fora da Libertadores

Leia o post original por Quartarollo

Lembram-se da frase “Caiu no Horto está morto”? Essa frase não vale mais, vale para o Atlético Mineiro que se acostumou a jogar no acanhado estádio Independência, no bairro do Horto, em Belo Horizonte, desprezando o gigante Mineirão. Hoje o … Continuar lendo

Você me enganou?

Leia o post original por RicaPerrone

Paulo Autuori tem 57 anos, 2 Libertadores e  uma educação que constrange até quem não gosta dele. Mais do que isso, Paulo é um cara que faz o que gosta, pois o que ganhou lá fora sustenta suas próximas 2 gerações e sobra um trocado.

Em 95, levou o Botafogo ao título nacional. Em 97, o Cruzeiro ao título da Libertadores.  Saiu do país e quando voltou, em 2005, ganhou a Libertadores com o São Paulo e o Mundial.

Pronto! Achamos um técnico da “nova geração” que não seja Luxemburgo e Felipão!

Desde então, porém, Autuori não acertou mais nada.

Primeiro naquele Cruzeiro que desconfiamos ter sofrido um boicote por ter levado muita gente. Passando pelo Vasco sem solução de 2013, um São Paulo complicado no mesmo ano e agora um Atlético Mg campeão das Américas.

Afinal, qual o patamar Paulo Autuori?

Trata-se de um cara que sabe muito e só se encaixa em determinados elencos ou é um técnico comum que alguns elencos carregaram nas costas?

Curioso. Quem trabalhou com ele muito o elogia. Poucos tem algo “contra” Autuori.  A imprensa, sequer se posiciona pois é uma hábito muito comum não bater em quem é “legal pra caramba”.  Vide Caio Junior.

Nenhum dos trabalhos dele foi fácil desde então, é verdade. Mas justifica a enorme falta de resultados de um cara que chegou a ser bicampeão da Libertadores com 49 anos e cotado pra seleção?

O eterno “ideal” dos sãopaulinos desde então. O primeiro da lista.

Agora, “mais um”.

Quem é Autuori, afinal?

abs,
RicaPerrone

Tite foi procurado pra substituir Autuori no Galo

Leia o post original por Neto

Tite foi campeão mundial com o Corinthians em 2012

Tite foi campeão mundial com o Corinthians em 2012

A derrota no primeiro jogo decisivo das oitavas Libertadores para o Atlético Nacional foi o suficiente para derrubar o Paulo Autuori do comando técnico do Atlético/MG. Foi a gota d’água que já havia começado com a perda do título Estadual para o arquirrival Cruzeiro. Para o lugar dele a diretoria do Galo já estava procurando o Tite. Isso mesmo! O presidente Alexandre Kalil falou com o ex-comandante do Corinthians e lhe fez uma bela proposta de trabalho.

Vale lembrar que Tite já esteve no Atlético em 2005 mas não deixou muitas saudades por lá. Até pelo elenco fraco que tinha no comando. O problema desse retorno é que não estão conseguindo convencê-lo porque ele já tem um projeto quase irrecusável para assumir após a Copa do Mundo. Ele não quis passar os detalhes, mas não duvido nada se ele assumisse a Seleção Brasileira. Dá pra duvidar? Sei não, viu!

Tem gente que só cai pra cima, viu?

Leia o post original por Neto

Autuori foi um dos responsáveis por rebaixar o Vasco em 2013

Autuori foi um dos responsáveis por rebaixar o Vasco em 2013

Me perdoem a brincadeira da manchete deste post, mas fico impressionado como no futebol brasileiro tem profissional que apesar da péssima fase sempre é visto com bons olhos no mercado da bola. Esse é visivelmente o caso do técnico Paulo Autuori. Vejam só, o cara começou a temporada no Vasco, onde ficou apenas nas seis primeiras rodadas do Brasileirão. Acabou demitido após a derrota para o Internacional por 5 a 3. Com apenas sete pontos até então, o clube carioca estava em 14º lugar na tabela de classificação e tinha desempenho pífio de 38,9%.

Depois Autuori foi dirigir o São Paulo. Ficou 14 partidas sem conseguir sequer uma vitória no início do trabalho. Deixou o clube depois de uma campanha ridículo na Brasileirão. Ao todo, o treinador fez 18 jogos pelo Nacional, sendo seis no comando cruz-maltino e 12 pelos paulistas, e conquistou 17 dos 54 pontos disputados, um aproveitamento de 31,4%. Esse desempenho foi superior apenas ao do lanterna Náutico, rebaixado com um rendimento de 17,5%. É brincadeira?

E aí está onde quero chegar. Para coroar essa péssima fase ele ganha como prêmio a oportunidade de assumir o Atlético/MG, atual campeão da Libertadores da América e uma das melhores equipes do Brasil. Dá pra acreditar? Mas afinal precisamos reciclar nossos treinadores ou a mentalidade dos dirigentes de futebol? Um pouquinho dos dois, é claro! Mas a mim ninguém engana. Quando foi bem comandando o Tricolor, onde foi campeão da Libertadores e do Mundial em 2005, fui o primeiro a elogiar. Agora está mal demais!

Aliás, igual ao Autuori temos vários exemplos por aí. Vamos acordar cartolas!

Quando um técnico é responsável por salvar um Gigante da zona de rebaixamento, tem algo errado. Abra o olho São Paulo! Paulo Autuori no Galo: ajuda ou atrapalha? Calma Lusa, ainda há esperança!

Leia o post original por Milton Neves

2173664326-torcedores-da-lusa-prostestam-contra-tapetao-na-av-paulista-3895524888

Foto: UOL

Como pode um time valer quase 400 milhões de reais em 2012 e no ano seguinte  ter seu valor reduzido para menos da metade? Efeito Lucas?

O Tricolor Paulista, campeão da Copa Libertadores e do Mundo em 2005,  e  Tricampeão Brasileiro em 2006, 2007 e 2008 não é o mesmo. O clube modelo em administração  está deixando a desejar.

Brigas internas e demissões consecutivas de treinadores, são alguns fatores que levaram o São Paulo a ficar um bom tempo na zona de rebaixamento.

Ah, se não fosse o salvador Muricy Ramalho…

Escapou dessa São Paulo, mas até quando, hein?

Abra os olhos e os cofres!!!

Já não era uma surpresa que o técnico Cuca deixaria o Galo no final dessa temporada. Assim, o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, anunciou na última de sexta-feira (20), que Paulo Autuori será o treinador atleticano em 2014. Espero que seja o Autuori de 2005 e não o de 2013.

Todos já davam como certa a queda da Portuguesa para a Série B e a permanência do Fluminense na Série A após a decisão do STJD (Superior

Tribunal de Justiça Desportiva). Porém, esse tapetão do time das Laranjeiras parece estar furado.

O famoso jurista, Carlos Eduardo Ambiel, mostrou que o julgamento que decretou o rebaixamento do time paulista não respeitou uma lei mais

importante, a do Estatuto do Torcedor.

O detalhe pode ser pequeno, mas faz com que o veredicto final possa ser a favor da Portuguesa. O Estatuto do Torcedor obriga a CBF a publicar as punições, como faz a Justiça Federal, para que a penalidade entre em vigor.

A própria CBF admitiu não ter publicado a punição do meio-campo Heverton.

Agora, as chances da Lusa em permanecer na primeira divisão nacional e a do Flu em  ir para a segunda são grandes. Ou seja, o tapetão não foi eficiente, o Fluminense terá sim,  de pagar a Série B!

Troca de técnico na véspera pode ter atrapalhado?

Leia o post original por Neto

Autuori foi contratado para substituir Cuca antes do Mundial

Autuori foi contratado para substituir Cuca antes do Mundial

Sei que agora todo mundo vai inventar duzentos motivos pra justificar a derrota surpreendente do Atlético/MG para o Raja Casablanca nas semifinais do Mundial de Clubes. Mas posso falar a verdade? Só um deles de fato me coloca uma pulga atrás da orelha. Fiquei sabendo que o time mineiro embarcou ao Marrocos já sabendo que o técnico Cuca seria substituído pelo Paulo Autuori. Olha, podem falar o que for, mas nesse esporte onde conta tanto uma linha de comando definida, sei não se isso não pode ter prejudicado psicologicamente a equipe do Galo.

Uma prova clara disso foi o comportamento do lateral Marcos Rocha ao ser substituído. Xingou o Cuca de tudo quanto era palavrão. Será que teria tomando a mesma atitude se soubesse que o treinador ficaria após o torneio? Acho que não, viu! De fato o comandante do Galo na conquista da Libertadores recebeu uma oferta milionária do futebol chinês. Dessas difíceis de serem recusadas. Tipo independência financeira definitiva. Mas talvez trocá-lo antes surtisse um efeito melhor. Sinceramente não sou o dono da verdade nessa história. Tenho sérias dúvidas sobre o assunto. Mas acho que se o Autuori tivesse assumido, o resultado poderia ser diferente. O espírito certamente seria outro.

Sempre digo que quando o foco do profissional, seja de qualquer área, não está naquele trabalho, o melhor a se fazer é trocá-lo. Para não atrapalhar ninguém. Longe de dizer que o Cuca é culpado por algo. Não é isso. Mas talvez tenha faltado mais jogo de cintura da diretoria. Disse talvez. O que acham?

Belo Horizonte é a capital do futebol do Brasil, São Paulo e Rio foram para a Série B ao lado do Internacional! E mata-mata JÁ!

Leia o post original por Milton Neves

Com todo o respeito aos péssimos ou comuns São Paulo, Corinthians, Botafogo, Santos, Vasco e Fluminense, mas o Internacional ganhou o troféu “Mico do Ano”!

Não podia um time-seleção como esse ter feito uma campanha tão desastrosa!

E ainda dirigido pelo demitido Dunga, o estreante em clubes desde que deixou a seleção, em 2010.

Justo o Dunga que rejeitou trocentos convites para dirigir seleções de série B do mundo e de times do Brasil e do exterior.

A dupla Dunga-Inter foi um fracasso!

Tanta demora para voltar ao banco e o gaúcho de Ijuí teve saída melancólica.

Como Ney Franco e Paulo Autuori no São Paulo.

Muricy retornou e recomeçou no Morumbi como um furacão e depois andou virando um ventinho estando ou beirando a tenebrosa zona dos degolados.

Mas ventos bons andam soprando mesmo é lá nas lindas encostas de Belo Horizonte.

A “Capital Mundial do Galo” agora é também a “Capital Brasileira do Futebol”.

Minas Gerais em 2013 ganhou a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro e pode ganhar também o Mundial de Clubes em Marrocos!

Tomara!

E o Galo, não tivesse no Brasileiro avacalhado tanto por uns dois meses, pós-Libertadores, estaria hoje nos calcanhares do atualmente inalcançável Cruzeiro.

Sim, o Cruzeiro campeão do Éverton Ribeiro que merece ir para a seleção de Felipão.

Ele e o Alex Telles do Grêmio.

E o véio Dida também.

E o Santos, hein?

O médio-comum-ruim time do Peixe pós-LAOR é o melhor paulista no Brasileiro.

Isso mostra bem a draga em que estão Corinthians e São Paulo.

Mas 2014 promete muito e no ano da Copa que o Brasil não ganhará, teremos clubes, times, técnicos e elencos com muitas novidades.

Juvenal Juvêncio pendurará sua cartola, LAOR será definitivamente esquecido, mas eternamente infernizado em seu travesseiro pelo fantasma Neymar, e Dinamite e Mário Gobbi irão também para o saguão das fotos dos ex-presidentes.

Rogério Ceni receberá convites da TV, Zé Roberto tentará ser Zizinho no Morumbi, o Santos seguirá coadjuvante – por anos! -, o Palmeiras retorna sem Kleina e o Corinthians receberá bela vassourada em seu exaurido elenco.

E Feliz Natal prá todo mundo porque o Cruzeiro já ganhou o Brasileiro, para minha surpresa e decepção, e que o Papai Noel traga em seu saco de 2013 a volta do mata-mata!

É que o turno e returno com pontos corridos já encheu o saco até do bom velhinho.

OPINE!!!

São Paulo está provando que, com exceção do Galo, time grande realmente não cai! E, do jeito que as coisas andam, é bem capaz que o Tricolor ainda termine o campeonato na frente do cambaleante Corinthians, hein?

Leia o post original por Milton Neves

Muita gente criticou a apressada demissão de Paulo Autuori do comando técnico do São Paulo.

Mas, o fato é: com Muricy Ramalho – que, além de ótimo, é ídolo do clube -, o Tricolor ganhou, além de tudo, novo ânimo, e já começa a empolgar a sua exigente torcida.

Agora, os rivais que se esbaldaram na má fase do time do Morumbi já abrem um largo sorriso amarelo.

Afinal, pela nítida mudança de postura do SPFC com Muricy, está na cara que a equipe não jogará a Série B pela primeira vez no ano que vem.

Confirmando, assim, a tese de que, com exceção do Galo, time grande realmente não cai.

E é bem provável que o Tricolor ainda termine na frente do cambaleante Corinthians este campeonato, hein?

Para desespero dos corintianos, que esgotaram o estoque de piadas sobre segunda divisão com os colegas são-paulinos antes mesmo de acabar o primeiro turno.

Agora aguentem!

Opine!