Arquivo da categoria: Santos

Supervalorizado? Esse gringo é mais um perna de anão!!!

Leia o post original por Craque Neto

Antes que me chamem de xenofóbico quero deixar claro que não tenho nada contra os estrangeiros. Pelo contrário! Adoro viajar e conhecer gente de todas as nacionalidades. Mas uma coisa é fato: técnico de futebol sempre teve dificuldades para trabalhar no futebol brasileiro. Muito em função da dificuldade da língua, é verdade. Mas também é verdade que os caras chegam aqui sem apresentar nada de consistente. Vejam o caso do argentino Jorge Sampaoli, que chegou aqui e em pouco tempo já foi exaltado por parte da imprensa como um gênio. Isso só porque trabalha a equipe do Santos de maneira […]

O post Supervalorizado? Esse gringo é mais um perna de anão!!! apareceu primeiro em Craque Neto 10.

Opinião: cinco lições deixadas pela quinta rodada do Brasileirão

Leia o post original por Perrone

1 – Dudu é o melhor jogador do Brasileirão – Neste momento, ninguém supera o palmeirense. Ele é mais decisivo e regular do que seus concorrentes.

2 – Pedrinho pode ser a solução para melhorar criação do Corinthians – Contra o Athlético ele entrou no lugar de Jadson, num momento delicado para o alvinegro e deu conta do recado. Mostrou visão de jogo e precisão para servir companheiros, além de fazer um gol. Carille deveria experimentá-lo mais vezes como principal armador do time, que sofre tanto para criar jogadas.

3  – Felipe Melo não muda – Jogando bem e com o Palmeiras passeando em campo, o volante foi agressivo em discussão com  o santista Jean Mota e  levou amarelo. Na saída de campo, após a vitória de sua equipe por 3 a 0, voltou com o velho papo de que o futebol está chato, cheio de mimi e não assumiu o erro. Está cansativa essa história.

4  – Passou da hora de Renato Gaúcho acordar o Grêmio – A penúltima colocação no Brasileirão não pode mais ser considerada como um efeito colateral momentâneo para quem prioriza a Libertadores. Terminar a quinta rodada nesta posição significa que o treinador gremista precisa fazer a equipe responder rapidamente. Tem muito campeonato pela frente, mas demorar para reagir pode criar uma perigosa bola de neve.

5 – Sidão tem poder de reação – O goleiro do Vasco entrou pressionado no jogo contra o Avaí (1 a 1), depois de suas falhas contra na derrota por 3 a 0 para o Santos e de passar pela constrangedora situação de receber o prêmio de carque do jogo. Ele provou em campo, com uma atuação segura, fazendo importantes defesas, que se recuperou rapidamente do golpe.

“Respeite quem pode chegar…”

Leia o post original por Rica Perrone

“… onde a gente chegou!”, disse Jorge Aragão num dos mais memoráveis sambas deste país. As vezes a gente exagera. Por clubismo, paixão, burrice ou mera arrogância, tanto faz. A gente quase sempre exagera. Você pode olhar pro seu mercado e achar os maiores nomes dele uns merdas. É um direito seu. No esporte isso…

Desafetos tentam excluir filha de Peres do Santos. Ela fala em ir à Justiça

Leia o post original por Perrone

Mensagens atribuídas a mulher e filha de Peres criticam oposição e o vice Orlando Rollo (à esq. na imagem). As duas negam a autenticidade do áudio. Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Na última terça (14), um grupo de conselheiros do Santos protocolou no Conselho Deliberativo pedido de expulsão de Daniela Rocco Peres do quadro associativo do clube. Filha do presidente José Carlos Peres, ela é acusada de ter ofendido adversários políticos de seu pai em sua conta no Facebook.

Daniela nega ter feito as ofensas, afirmando que as mensagens atribuídas a ela são falsas. Ao blog, a filha do cartola também falou em eventualmente se defender na Justiça.

“Não fui notificada sobre esse requerimento, só ouvi dizer. Então, não tenho nada a declarar. Vou esperar chegar algo pra mim e vou me defender. Se precisar, vou até à Justiça fazer a minha defesa. É um pedido totalmente político”, declarou ela.

O imbróglio começou no mês passado, depois de as contas de Peres serem reprovadas pela primeira vez (nesta terça o conselho ratificou a reprovação). Naquela ocasião circularam em grupos de WhatsApp mensagens que teriam sido postadas pela mulher de Peres, Maria de Lourdes Rocco.

“Esses conselheiros são amigos do Marcelo Teixeira e do (Modesto) Roma (ex-presidentes), que quase fechou as portas do Santos. São abutres querendo trazer o tal (Orlando) Rollo (vice-presidente licenciado) de volta. Nós, torcedores do Santos, temos que abrir o olho, senão os ladrões vão voltar”, dizia uma das mensagens. À Daniela, foi atribuído o seguinte comentário, supostamente em resposta à mãe: “li. Essa corja não vale nada”.

Em meio à polêmica, Maria de Lourdes escreveu texto afirmando que as afirmações eram falsas. A mulher do presidente não é sócia do Santos, por isso o requerimento não pede medidas contra ela.

O documento, encabeçado pelo conselheiro Antônio Alfredo Glashan diz ser inadmissível parentes do presidente do clube irem às redes sociais criticar conselheiros eleitos para fiscalizar a gestão.

A solicitação de expulsão se baseia em artigo que prevê a possibilidade dessa punição para quem “atingir por ato público ou manifestação escrita ou verbal a reputação, a integridade, o prestígio ou o conceito moral e o bom nome do Santos, de seus órgãos ou dos membros desses órgãos.”

O estatuto santista diz que cabe ao Comitê de Gestão (CG) decidir sobre eventuais punições aos associados. Porém, o requerimento afirma que, como Peres preside também o CG, ele participaria do julgamento da própria filha. Assim, o documento pede para o caso seja decidido pelo Conselho Deliberativo (CD).

O blog procurou Marcelo Teixeira, presidente do CD para saber sua decisão sobre o caso. “Não vimos ainda o requerimento. Pode ter sido protocolado depois da reunião. A mesa (do CD) se reunirá e avaliará o pedido. Se necessário, vai encaminhar à comissão do estatuto para um parecer”, afirmou o dirigente.

Durante a reunião, Teixeira negou solicitação de conselheiros para que o órgão aprovasse uma manifestação de repúdio contra supostas manifestações de mulher e filha do presidente. “Houve o esclarecimento, não pertencia à página (da mulher de Peres) e não foi autora do texto. Foi retirado e postado texto dirimindo quaisquer dúvidas”, afirmou o presidente do conselho justificando a negativa.

Com Eder Traskini, do UOL, em Santos

Cartão do Santos pagou jantar em loja que não serve refeição? Peres explica

Leia o post original por Perrone

Ao se defender contra a reprovação de suas contas do ano passado, o presidente do Santos, José Carlos Peres, apresentou fatura de cartão de crédito corporativo com gasto em uma loja de vinhos que não serve refeições como jantar de negócios representando o clube.

Após analisar a defesa, o Conselho Fiscal elaborou um novo parecer no qual novamente recomenda a reprovação das contas. O Conselho Deliberativo decidirá nesta terça (14) se mantém a rejeição.

O gasto descrito como jantar foi feito no Emporium Diniz, num shopping da capital paulista. A loja é famosa por vender vinhos e outros produtos, a maioria importados. A despesa aconteceu em 16 de dezembro de 2018 e foi de R$ R$ 61,80.

O blog telefonou para a loja para saber se havia alguma possibilidade de ter sido servido um jantar para o presidente santista. A resposta, dada por um funcionário, foi que não.

Outro lado

Por meio de mensagem de texto via celular, Peres disse ao blog que houve um erro na descrição do gasto, que, segundo ele foi com compra de presente para ser dado em nome do Santos.

“Todas as minhas despesas de cartão corporativo são para presentes. No final do ano teve presentes de Natal. Normalmente se dá vinhos, mas expor as pessoas que receberam é constrangedor”, escreveu Peres.

O dirigente também sustentou que é comum no meio empresarial usar cartões corporativos para presentear colaboradores. “Nas grandes empresas, o cartão corporativo tem um limite para gastos sem comprovações para você presentear aquelas pessoas que te ajudam o ano todo. Como não conseguem me incriminar, até porque sou honesto, se pegam em mediocridades”, afirmou o dirigente.

Ele ainda disse ser corriqueira essa prática nas agremiações brasileiras. “Medíocre e tacanho pessoas quererem usar isso para desqualificar um presidente. Veja se isso acontece em outros clubes. Todos os clubes têm os cartões corporativos. Os nossos gastos em geral são pequenos. Mas, tranquilo, consciência limpa”, declarou.

Peres citou até a venda de Rodrygo, que se apresenta ao Real Madrid julho deste ano. “Fiz cerca de R$ 200 milhões com o Rodrygo, sem empresário, sem agente e sem intermediário. E esses caras vêm falar de despesas de R$ 85,00, por exemplo.”

Mais gastos

As faturas apresentadas por Peres registram despesas em restaurantes badalados de São Paulo com jantares ou almoços de negócios pelo clube. Num deles, foram desembolsados R$ 256,00 no Pobre Juan, um dos mais famosos da capital, em 26 de dezembro de 2108.

Um almoço de negócios no requintado El Tranvia custou aos cofres do clube R$ 473,00.

Há também uma série de gastos registrados com ressarcimento feito por Peres ao Santos, como R$ 339,78 em uma loja de brinquedos.

Parecer

Em seu novo relatório pedindo a reprovação das contas de Peres, o Conselho Fiscal não cita o pagamento em loja de vinhos descrito como jantar representando o clube. “A defesa admite ter feito gastos para uso pessoal com o cartão corporativo no meses de outubro dezembro (não há explicação do conselho sobre se foi de um mês até o outro ou apenas nos dois citados) e apresenta recibo de ressarcimento de março de 2019 no valor de R$ 7.045,47. Ou seja, foi confirmado o uso indevido, e seu ressarcimento só ocorreu após questionamentos do Conselho Fiscal”, diz trecho do documento.

O parecer mantém uma série de supostas falhas na gestão que tinham sido apontadas antes da primeira votação no Conselho Deliberativo.

Palmeiras leva mais de patrocínio do que SPFC, Santos e Corinthians juntos

Leia o post original por Perrone

Os balanços dos quatro maiores clubes paulistas referentes a 2018 mostram que o Palmeiras faturou mais em patrocínio e publicidade do que Corinthians, Santos e São Paulo juntos.

O alviverde, embalado pelo apoio da Crefisa e da Fam, dos conselheiros José Roberto Lamacchia e Leila Pereira, registrou arrecadação de R$ 95.476.000 vendendo suas propriedades publicitárias.

Ao mesmo tempo, juntos, Corinthians, São Paulo e Santos arrecadaram com patrocínio e publicidade R$ 93.238.000. A vantagem palmeirense sobre o trio foi de R$ 2.238.000.

Sem patrocinador máster, o Corinthians embolsou R$ 42.804.000. Por sua vez, o São Paulo registrou R$ 23.269.000 recebidos com patrocínio e publicidade, sem contar esse item no Morumbi. O Santos arrecadou no ano passado R$ 27.165.000 com esse filão. Desse valor, R$ 8.341.000 vieram de fora do departamento de futebol.

 

Ofensivo, Santos é o time que mais faz faltas no Brasileirão

Leia o post original por Perrone

Reconhecido por seu estilo ofensivo, o Santos de Sampaoli tem uma faceta que destoa dessa fama. A equipe comandada pelo argentino aparece como a mais faltosa do Brasileirão após as duas primeiras rodadas.

Foram 43 infrações cometidas pelos santistas até aqui, de acordo com o site especializado em estatísticas “Footstats”. Média de 21,5 por jogo.

Em segundo lugar do ranking está o São Paulo, treinado por Cuca. O clube do Morumbi fez 35 faltas em suas duas primeiras apresentações.

Na vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, nesta quinta (2), na Vila Belmiro, ficou demonstrada a importância dessas infrações para o sistema de jogo implantado por Sampaoli. Com frequência, os santistas mataram contra-ataques rivais com faltas no meio-campo.

Como o alvinegro atua com muitos jogadores no ataque, o risco de o adversário pegar sua defesa desprotegida é grande. As faltas impedem que isso ocorra.

Claro que todos os times fazem faltas para evitar contra-ataques, mas a postura ofensiva santista acaba contribuindo para que a equipe seja a mais faltosa do Brasileirão até aqui. Contra o Fluminense, foram 25 faltas cometidas pelos santistas e 14 sofridas.

Ao mesmo tempo, as estatísticas não desmentem a filosofia ofensiva  do Santos. A equipe paulista é a que mais acertou finalizações nas duas primeiras rodadas: 18. O Internacional é o segundo colocado com 15.

Com quatro gols, o ataque do Santos está no bloco de times donos da segunda melhor marca até agora. Athletico, Palmeiras e Bahia lideram com cinco.

Diante do Fluminense, Sampaoli cumpriu a promessa de buscar o ataque mesmo com a vantagem no placar. Pressionou o rival até o fim. Como resultado, seu time está entre os três que venceram nas duas rodadas do Brasileiro, ao lado de São Paulo e Atlético-MG.

 

 

Opinião: Flamengo x Corinthians é único confronto sem favorito na Copa BR

Leia o post original por Perrone

Na opinião deste blogueiro, Flamengo x Corinthians é o único duelo das oitavas de final da Copa do Brasil sem favorito. Os dois times ainda estão em fase de ajustes e se equilibram dentro de campo.

O elenco chefiado por Abel Braga é mais forte, porém a eficiência tática corintiana é capaz de dificultar o desempenho dos principais jogadores rubro-negros. A previsão é de dois jogos equilibrados.

Abaixo, a opinião sobre os demais confrontos.

Palmeiras x Sampaio Corrêa

É o mais desequilibrado. Em tese, o time misto de Felipão dá conta do recado sem sustos.

Internacional x Paysandu

Favoritismo disparado para o Inter, que tem elenco muito mais forte. A qualidade dos gaúchos deve prevalecer.

Atlético-MG x Santos

Pequeno favoritismo para os santistas. Hoje, o time de Sampaoli está num estágio de preparação mais avançado, tem um estilo de jogo bem definido, os jogadores sabem o que fazer com e sem a bola. O Galo ainda está se estruturando.

Grêmio x Juventude ou Vila Nova

Independentemente de quem passar, o time de Renato Gaúcho é favorito. O favoritismo só não é maior pelo futebol que os gremistas têm apresentado recentemente. O tricolor de Porto Alegre repetiu suas dificuldades no empate com o Avaí, nesta quarta (1º), em Florianóplis, pelo Campeonato Brasileiro.

Athletico x Fortaleza

O time paranaense é favorito, está entre os mais fortes do país. No entanto, o confronto é a chance de Rogério Ceni mostrar ser capaz de fazer algo diferente com um elenco tecnicamente inferior.

Cruzeiro x Fluminense

Confronto de treinadores de estilos bem diferentes. Mano Menezes prioriza a marcação e Fernando Diniz o toque de bola vertical. Pequeno favoritismo do time de Mano, que tem um trabalho mais longo no clube e é especialista em mata-matas. Os jogos devem ser bem atraentes por conta das filosofias distintas dos técnicos.

São Paulo x Bahia

Dois times que ainda buscam padrão de jogo. Favoritismo é do São Paulo, que evolui a cada partida e tem um elenco de peso, misturando juventude e experiência. Do lado baiano, porém, Roger Machado mostrou ser capaz de neutralizar times mais fortes. Fez isso na vitória por 3 a 2 sobre o Corinthians, em Salvador, pela primeira rodada do Brasileirão.

 

Opositor santista propõe mudança para ‘cumprir’ promessa de Peres

Leia o post original por Perrone

Raphael Vita Costa, conselheiro santista e membro da oposição, apresentou proposta de alteração do estatuto do clube para obrigar presidente e vice a quitarem novas dívidas que gerarem durante suas gestões.

A emenda sugerida visa colocar em prática uma promessa de campanha apresentada pelo atual presidente, José Carlos Peres, ao blog em outubro de 2017. Na ocasião, como candidato, ele afirmou que proporia ao Conselho Deliberativo a criação de um dispositivo estatutário para colocar uma trava na dívida santista. A sugestão era de que o dirigente que aumentasse o débito pagasse pelo aumento do próprio bolso.

O estatuto santista está em processo de alteração, mas Peres não apresentou essa proposta. Procurado, o dirigente não respondeu mensagem enviada pelo blog sobre o tema. Também não foi possível falar com o cartola por meio de sua assessoria de imprensa.

Em 2018, sob o comando de Peres, o Santos registrou deficit de R$ 73.386.000. As contas do exercício foram reprovadas pelo conselho do clube.

Abaixo, leia na íntegra a proposta de Vita, que é advogado e foi membro do Comitê de Gestão do Santos na administração anterior. Ele apresentou outras oito propostas de mudanças estatutárias.

“O presidente e o vice eleitos devem assinar, junto ao termo de posse, um compromisso de obrigatoriedade, que obriga a quitação, ao fim do mandato, de quaisquer novas dívidas que a gestão produzir no Santos FC após sua posse, durante o triênio do mandato, descontadas juros de dívidas já existentes, autorizações do Conselho de Administração e Conselho Deliberativo para contração de dívida específica.”

‘Monstro’ com quase 40! Raridade?

Leia o post original por Craque Neto

Andei lendo e fui apurar a notícia de que a diretoria do Santos, a pedido do técnico argentino Sampaoli, quer de volta o atacante Ricardo Oliveira. Vejam como são as coisas, no alto de seus quase 39 anos de idade ele continua na crista da onda. Mas também, né? Faro de gol como esse cara tem é raro de se ver no atual futebol mundial, o que dirá por aqui no Brasil. Só para ter uma ideia, mesmo com o Galo em crise, ele tem 13 gols em 18 partidas na atual temporada. No clube mineiro, desde o início do […]

O post 'Monstro' com quase 40! Raridade? apareceu primeiro em Craque Neto 10.